Carreiras

| Empregos

O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) em Pernambuco recebe inscrições para processos seletivos que oferecem vagas de emprego no Estado. Segundo a instituição, as oportunidades são para atuação em Recife e em municípios do interior.

Na capital pernambucana estão disponíveis as funções de analista de Recursos Humanos e encarregado de serviços. Os candidatos à ocupação de RH devem ser formados em administração, direito, ciências contáveis ou gestão de Recursos Humanos, bem como é necessário comprovar experiência mínima de seis meses com atividade de gestão de pessoas. Já para o cargo de encarregado, o Senac exige que os participantes tenham ensino médio completo ou nível técnico finalizado, além de experiência mínima de um semestre em rotinas de conservação e manutenção.

##RECOMENDA##

O Senac informa que os profissionais selecionados trabalharão, inicialmente, por um período de experiência de 90 dias. Havendo efetivação, os salários prometidos são de R$ 4.709,44 para analista de RH e de R$ 3.787,07 para a função de encarregado de serviços, além de benefícios como vale alimentação, vale transporte, assistência médica, entre outros.

O processo seletivo contará com análise curricular, comprovação de experiência e escolaridade, bem como será realizada uma prova de conhecimentos ainda sem data. Os candidatos ao cargo de encarregado de serviços ainda passarão por uma avaliação prática.

Os interessados nas oportunidades de Recife devem se inscrever até a próxima segunda-feira (25). O cadastro dos currículos é realizado por meio do site do Senac.

Em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, e na cidade de Petrolina, Sertão do Estado, são oferecidas vagas para professor e coordenador na Faculdade Senac. Ter doutorado, mestrado ou especialização é uma das exigências da seleção. Os profissionais aprovados poderão trabalhar nos cursos de tecnologia em análise e desenvolvimento de sistemas.

Para as vagas do interior do Estado, os currículos devem ser enviados para os seguintes e-mails, conforme as localidades onde os candidatos pretendem trabalhar:selecao.caruaru@faculdadesenacpe.edu.br ou selecao.petrolina@faculdadesenacpe.edu.br. As candidaturas para essas cidades estão abertas até 20 de dezembro e as remunerações, assim como o edital completo, podem ser consultados no site da Faculdade Senac

Fim de ano, época em que as empresas aumentam seu quadro de trabalho com profissionais temporários. Oportunidade que as pessoas têm de mostrar suas competências e se estabelecerem no mercado de trabalho. Já para as empresas, interesse em reavaliar seu quadro de funcionários e buscar novos talentos. 

Segundo a coordenadora do curso de Recursos Humanos da Universidade UNG, Denise de Fátima Alonso, algumas dicas são de grande valia para que o profissional se destaque, seja notado pela empresa e desperte a intenção de efetivá-lo. Confira: 

##RECOMENDA##

1º - Cumprimento do horário de trabalho, não atrasar e muito menos pedir para sair mais cedo ou emendar feriados; 

2º - Se adeque às regras da empresa, como o uso de uniforme, respeito à hierarquia, circulação dentro da empresa somente em locais autorizados, bem como o uso de equipamentos da empresa, como telefone, xérox, entre outros; 

3º - Mostre interesse por fazer atividades além do que foi estipulado em contrato. Seu entusiasmo em aprender novas atividades será notado, com certeza; 

4º - Crie oportunidades de mostrar suas competências. Fale para seu chefe de suas experiências anteriores e faça seu marketing pessoal com os colegas de trabalho; 

5º - Mantenha um bom relacionamento com as pessoas e evite comentários que possam ser interpretados como “fofocas”; 

6º - Use o celular somente quando necessário, mantenha seu foco no trabalho e não esqueça que você será observado muito mais do que qualquer outro funcionário efetivo da empresa; 

7º - Não discuta  normas da empresa com sua chefia ou colegas de trabalhos, elas já existiam antes de você entrar. Cabe ao funcionário refletir se é ou não o lugar onde pretende se estabelecer; 

8ª - Solicite ajuda quando não souber resolver um problema e faça anotações para não ter que perguntar diversas vezes o mesmo procedimento, demonstrando atenção e capacidade de compreensão sobre as atividades do cargo; 

9º - Conheça os cargos e oportunidades de carreira que a empresa oferece e mostre interesse em ser contratado; 

10º - Enfim, transforme sua vaga de temporária em uma vaga efetiva! As oportunidades estarão em suas mãos.

 

* Da Assessoria de Imprensa

A UNINASSAU – Centro Universitário Maurício de Nassau Fortaleza está com processo seletivo aberto para contratação de docentes para 2020. As vagas são para lecionar em diversos cursos nas áreas de saúde, humanas e exatas nas unidades Doroteias e Parangaba. Os interessados devem enviar Currículo Lattes e outras comprovações por e-mail descrito no edital, até o dia 20 de dezembro.

No campus Doroteias, as vagas são distribuídas nos cursos de Odontologia, Medicina Veterinária, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Direito, Pedagogia e Engenharia Civil. Já no campus Parangaba, as vagas são destinadas para os cursos de Biomedicina, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Nutrição, Administração, Ciências Contábeis, Logística, Direito, Pedagogia, Psicologia e Serviço Social.  

##RECOMENDA##

Quanto aos requisitos, o candidato deve possuir título de Doutor ou Mestre; Disponibilidade para ministrar aulas no período diurno e/ou noturno; Currículo Lattes atualizado e comprovado, contendo a relação dos títulos acadêmicos e pós-graduação específica na área da disciplina. Os candidatos aprovados na análise curricular passarão, ainda, por avaliação escrita elaborada sobre tema relevante pertinente ao assunto da disciplina e, além disso, avaliação didático-pedagógica que constará de aula expositiva com duração de 20 minutos.

Confira abaixo os editais por área e campus:

Campus Doroteias 

Exatas

Humanas

Saúde

Campus Parangaba

Humanas

Saúde

*Da assessoria de comunicação

LeiaJá também

--> UNINASSAU entre as três melhores instituições de desportos

--> Com mais de 170 vagas, PE segue com inscrição para seleção

--> Prefeitura de Pacajá, no Pará, abre 118 vagas de emprego

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) decidiu, na última segunda-feira (18), que trabalhadoras contratadas em regime temporário que engravidarem não terão direito à estabilidade no emprego. A decisão foi tomada por maioria dos votos no plenário da corte. 

O julgamento discutiu a aplicação da súmula 244 do TST e do artigo do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias (ADCT), que trata do direito da empregada gestante. O ADCT proíbe a demissão sem justa causa desde a confirmação da gestação e até cinco meses após o parto. No entanto, trabalhos contratadas em regime temporário não terão direito à estabilidade. 

##RECOMENDA##

Essa regra está em vigor desde outubro, quando a legislação do trabalho temporário foi alterada por meio de decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro. O caso ainda pode ir para o Supremo Tribunal Federal (STF), por ter discutido a aplicação de preceito constitucional. No âmbito da Justiça do Trabalho, porém, o julgamento deve encerrar as discussões por ter sido pleiteado por um dispositivo criado para uniformizar a jurisprudência nos tribunais. 

LeiaJá também

-> Para contratar, empresa exige:"não pode ser preta e gorda"

Mais uma vaga foi anunciada para quem quiser trabalhar com a família real. A realeza britânica está à procura de um novo faxineiro para o Castelo de Windsor, local onde mora príncipe Harry e Meghan Markle, no Reino Unido. O local é bem grande e o valor do salário é de impressionar: a monarquia vai desembolsar 14 mil libras que, convertendo para reais, dá aproximadamente 79 mil reais.

Divulgado no site oficial, qualquer um com experiência prévia no ramo pode se candidatar online e a carga horária é de 30 horas semanais, de segunda-feira a domingo.

##RECOMENDA##

A empresa Home Angels, que trabalha oferecendo serviços de cuidadoras, está sendo acusada de racismo por exigir profissionais que não sejam pretas. Além da cor clara, para trabalhar nas vagas de folguistas que estavam sendo oferecidas, a candidata não podia ser gorda. O caso está sendo denunciado pela cuidadora de idosos Eliangela Carlos Lopes, de 41 anos, após receber as mensagens da oferta de emprego.

Eliangela procurou a Polícia Militar para registrar um boletim de ocorrência no início deste mês. O caso aconteceu em Belo Horizonte, Minas Gerais. Por meio do WhatsApp, a Home Angel pediu a empresa Leveza do Afeto, responsável pelo treinamento de cuidadoras, 10 folguistas para trabalhar como plantonistas.

##RECOMENDA##

"Pagamos R$ 100 por plantão, com Vale Transporte incluso. Únicas exigências: não podem ser negras, gordas e precisam de pelo menos 3 meses de experiência", enviou a Home Angels. Fernanda Spadinger, responsável pela Leveza do Afeto, foi quem repassou a mensagem por meio de uma linha de transmissão do WhatsApp. Ao G1, a coordenadora disse que a sua intenção "foi empregar". 

Eliangela, responsável pela denuncia, disse ao site que se revoltou ao ler o texto e que, mesmo não precisando da vaga, ficou estarrecida. "Eu sou negra, de cabelo 'ruim', moradora de Ribeirão das Neves e estou com 41 anos. Que chance eu teria?", perguntou a denunciante.

A cuidadora disse que ainda há muito o que fazer porque, segundo ela, para dar andamento no processo judicial vai ter que ir ao cartório para fazer uma escritura que custa em torno de R$ 250. "Imagine as pessoas que estão desempregadas? É por isso que as coisas não vão para frente", indaga Eliangela se referindo aos custos para prosseguir com as denuncias. 

Em nota enviada ao G1, a Home Angels disse que repudia veementemente o fato ocorrido e que é uma empresa com valores sociais e humanos. "Tomamos providências imediatas para a apuração dos fatos mencionados com a unidade franqueada, a qual o colaborador está vinculado, com o intuito de que após apurado e ouvidos os envolvidos, sejam aplicadas as medidas cabíveis em relação às obrigações do contrato de franquia", pontua a empresa acusada.

A Gerdau, empresa produtora de aço, está com inscrições abertas, até 22 de novembro, para o seu programa de estágio. No total, 140 oportunidades estão sendo oferecidas nos Estados de Pernambuco, Ceará, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, São Paulo, Paraná, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Goiás.

Segundo a companhia, os candidatos devem ser estudantes dos cursos de direito, engenharia, administração, ciências da computação, comunicação, economia, geologia, sistema de informação, ciências contábeis, psicologia, Recursos Humanos, entre outras formações. Os estudantes precisam ter previsão de formação para dezembro de 2021.

##RECOMENDA##

O processo seletivo terá questionário, game, entrevista por telefone, painel de negócios e entrevista com gestor. De acordo com a Gerdau, a admissão e o início dos estagiários estão previstos para fevereiro de 2020.

“Buscamos estudantes que querem acelerar seu desenvolvimento e têm vontade de pôr a mão na massa para aperfeiçoar os conhecimentos adquiridos na universidade.  Empoderamos nossos estagiários com autonomia, abertura para expor ideias e espaço para realização de projetos, de acordo com a área de atuação”, comenta a líder de pessoas da Gerdau, Caroline Carpenedo, conforme informações da assessoria de comunicação da empresa.

O valor das bolsas para os selecionados não foi revelado. Mais informações sobre o programa de estágio podem ser obtidas no site da seleção.

O grupo responsável pela marca de roupas ‘Reserva’ está com 600 vagas de empregos abertas para várias lojas espalhadas pelo Brasil. Vendedor, auxiliar de vendas, auxiliar de caixa, auxiliar de estoque e fiscal são as funções disponíveis no processo seletivo.

Ter o ensino médio completo, demonstrar alegria e disposição para trabalhar em equipe estão entre as exigências para participação na seleção. Segundo a empresa, as contratações iniciaram neste mês e seguem até 16 de dezembro. Os salários não foram revelados.

##RECOMENDA##

Algumas das cidades onde os aprovados poderão atuar são Recife, Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador e Belo Horizonte. Análise curricular é uma das etapas do processo seletivo.

Ao todo, o grupo conta com 120 lojas e, na comparação com 2018, o número de contratações deverá ter um aumento de 10%. Os interessados devem ser cadastrar no site da seleção; no mesmo endereço virtual é possível obter mais detalhes a respeito das vagas oferecidas.

 

O Governo de Pernambuco, através da  Secretaria de Educação e Esportes (SEE), está com inscrições abertas para Seleção Pública Simplificada que irá escolher 173 professores para atuar na modalidade da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Candidaturas gratuitas podem ser realizadas até o dia 25 de novembro, por meio do site da secretaria.

Do total de vagas, 159 são destinadas para o cargo de professor das diversas áreas, com remuneração salarial de R$ 1.438,34 e carga horária de 150 horas/aula. Já as outras 14 vagas são para professor articulador territorial, com salário de R$ 1.917,78 e carga horária de 200 horas/aula.

##RECOMENDA##

Para participar, é preciso que o candidato tenha idade mínima de 18 anos ou seja emancipado civilmente, esteja em dia com as obrigações eleitorais, tenha disponibilidade para viajar e participar de todas as formações continuadas atinentes às necessidades da função a qual concorre, esteja apto, física e mentalmente, para o exercício das atribuições da função, entre outros critérios que podem ser conferidos no edital do processo seletivo.

O ato da inscrição consiste no preenchimento de um formulário eletrônico, no qual deve ser observado a tabela de pontuação de Análise de Experiência Profissional, Títulos e Cursos, de acordo com a função para a qual o candidato concorre. Também é necessário anexar os documentos solicitados. A seleção será realizada em etapa única, eliminatória e classificatória, e o resultado final será divulgado no dia 27 de dezembro.

 

 

O Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria de Educação e Esportes do Estado (SEE), abriu, nesta segunda-feira (11), inscrições para o processo seletivo que tem como objetivo contratar funcionário para o cargo de Superintendente Técnico de Gestão da Rede. Interessados podem realizar candidatura gratuita através do site Vem pro Time até o dia 25 de novembro.

Para participar, é necessário que o candidato possua ensino superior completo, experiência em gestão pública por, no mínimo, um ano, além de não ter sofrido penalidade administrativa nos últimos três anos. É desejável que o interessado tenha pós-graduação em educação/gestão e experiência em cargos da secretaria municipal ou na área de educação por pelo menos três anos, além de formação em pedagogia ou administração.

##RECOMENDA##

Entre as atribuições e responsabilidades do cargo estão: mobilizar a Superintendência no acompanhamento das ações e no monitoramento dos indicadores de desempenho, coordenar e monitorar as ações desenvolvidas pelas gerências/coordenações, de forma que contribua para o processo de alinhamento das ações de competência do setor e monitorar o acesso e permanência dos estudantes dos programas sociais do Governo Federal. 

 Com resultado final previsto para ser divulgado no mês de dezembro, o processo seletivo conta com as seguintes etapas: cadastro, teste online, estudo de caso e vídeo de apresentação, entrevista por competências, e entrevista presencial com o secretário de Educação e Esportes, Fred Amancio. 

O Vem pro Time é uma nova forma de seleção do Estado de Pernambuco utilizada para contratar profissionais para cargos estratégicos de liderança. 

A Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes, município da Região Metropolitana do Recife (RMR), promoverá um evento voltado à empregabilidade de pessoas com deficiência em empresas da cidade. A ação será realizada nesta próxima sexta-feira (8), das 8h às 16h, na Universidade dos Guararapes (UniFG) do bairro de Piedade, na Rua Comendador José Didier, 27. 

Para participar, os interessados devem levar carteira de trabalho, RG, CPF, comprovante de residência, laudo caracterizador e exames médicos referentes ao tipo de deficiência. O evento faz parte do Dia D da Pessoa com Deficiência e/ou Reabilitada do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). 

##RECOMENDA##

Representantes de 40 empresas do município estarão presentes, disponibilizando 200 vagas para os cargos de assistente administrativo, caixa, pedreiro, eletricista, promotor de vendas, fisioterapeuta, enfermeiro e nutricionista. A faixa salarial e a escolaridade mínima para os cargos não foram divulgadas. 

LeiaJá também

--> Recuperação do emprego por carteira assinada está longe

--> SP oferece mais de 1,7 mil vagas de emprego para PCD

Trabalhadores negros enfrentam mais dificuldade de encontrar um emprego se comparados a trabalhadores brancos, mesmo quando possuem a mesma qualificação. Quando trabalham, recebem até 31% menos. Os dados são da Síntese de Indicadores Sociais (SIS), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

As desigualdades raciais no País se refletem em menos oportunidades e também menos renda disponível. A renda média domiciliar per capita dos pretos ou pardos foi de R$ 934 em 2018, metade do que era recebido pelos brancos, de R$ 1.846.

##RECOMENDA##

Em todos os níveis de instrução, a taxa de desemprego é significativamente mais elevada entre a população preta ou parda do que entre a população que se autodeclara branca. Entre os que têm ensino superior completo, a taxa de desemprego é de 5,5% para os brancos, mas sobe a 7,1% entre pretos e pardos. Na faixa com ensino médio completo ou superior incompleto, os brancos têm taxa de desemprego de 11,3%, contra 15,4% dos pretos e pardos.

Quando conseguem emprego, o salário permanece desigual. Em 2018, os trabalhadores ocupados de cor branca tinham rendimento por hora trabalhada superior ao da população preta ou parda em todos os níveis de instrução. A maior diferença foi no nível de instrução mais elevado, com ensino superior completo: os brancos recebiam R$ 32,80, 45% a mais que os R$ 22,70 recebidos por pretos e pardos.

"O nível de instrução é parte da desigualdade, mas não é todo o problema. A efetiva discriminação no mercado de trabalho também acontece", disse Luanda Botelho, analista da Coordenação de População e Indicadores Sociais do IBGE.

Os brasileiros mais ricos são majoritariamente brancos. Entre os 10% com maiores rendimentos domiciliares per capita, 70,6% eram de cor branca e apenas 27,7% de preta ou parda. A situação se inverte no outro extremo, na faixa de 10% mais pobres: 75,2% deles são pretos ou pardos, enquanto somente 23,7% são brancos.

Na população em geral, os pretos e pardos são maioria, 55,8% dos brasileiros, contra uma fatia de 43,1% de brancos.

Os negros eram maioria na força de trabalho de atividades como Agropecuária (60,8% dos trabalhadores nesse setor), Construção (62,6%) e Serviços domésticos (65,1%), todos eles segmentos com remuneração inferior à média em 2018. Por outro lado, os brancos estavam em maior número nas atividades mais bem remuneradas, como Informação, financeiras e outras atividades profissionais e Administração pública, educação, saúde e serviços sociais.

O programa ‘Contrata SP – Fim de Ano’ realizará processos seletivos entre os dias 11 e 14 de novembro para empregar 3,3 mil profissionais sob regime temporário ainda em 2019. Ao todo, 20 empresas abrirão vagas no ramo de comércio e serviços para candidatos que tenham completado 16 anos de idade. Os interessados devem fazer a inscrição até a próxima sexta-feira (8) em qualquer das unidades do Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo (Cate).

“Essa é uma excelente oportunidade para quem quer ganhar um dinheiro no final do ano e quem sabe conseguir ser efetivado para começar 2020 empregado”, destaca Aline Cardoso, secretária municipal de Desenvolvimento Econômico e Trabalho.

##RECOMENDA##

As oportunidades servem a todas as regiões da cidade de São Paulo. O maior número de postos de trabalho está no comércio. A função de operador de loja disponibiliza 800 vagas com salário de até R$ 1.441, para as quais se exige que os candidatos tenham concluído o ensino médio. Para o cargo de vendedor, estão abertas 536 vagas com salário fixo de R$ 1.500 que pode ser somado às comissões de venda. Para atuar como auxiliar de limpeza, são 250 oportunidades. Os salários são de R$ 1.163 e os concorrentes devem ter escolaridade que pode variar entre os ensinos fundamental e médio completos. Já no segmento logístico, há chances em cargos como ajudante e auxiliar, com salários que chegam a R$ 1.500. É necessário ter o ensino médio completo, entretanto não é obrigatória a comprovação de experiência. Os selecionados atuarão nos serviços de carga e descarga de operações postais.

Para efetivar a inscrição no processo seletivo, o trabalhador precisar portar RG, CPF, Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) e número do Programa de Integração Social (PIS). Para o caso de não ter os últimos dois documentos, basta apresentar uma foto 3x4 atual e o RG. A a emissão é feita na hora nos postos do Cate.

Durante os dias 11 e 14 de novembro, acontece a segunda etapa do processo, direto com os empregadores. Nesta fase, os candidatos precisam levar a carta de encaminhamento expedida no dia da inscrição, além dos documentos e 20 cópias do currículo atualizado. Apenas serão atendidos os indicados que portem o documento emitido pelo Cate na primeira etapa de seleção.

Serviço 

Contrata SP – Fim de Ano

1ª etapa

Inscrições e pré-seleção em todas as unidades dos Cates – Consulte os endereços no site da Prefeitura de São Paulo

Data: até 8 de novembro

Horário: das 8h até às 17h

2ª etapa

Comparecer no dia e local indicado na carta de encaminhamento para contato direto com as empresas participantes levando a própria carta emitida na data de inscrição, currículo atualizado, RG, CPF, Carteira de Trabalho e Número do PIS

Programação

Dia 11/11- zona leste

Dia 12/11 - zona norte

Dia 13/11 - zona sul

Dia 14/11 - zona oeste

A primeira semana de novembro começa com 5.559 mil postos de trabalho para moradores da capital e da região metropolitana de São Paulo. Com salários que podem variar de R$ 998 a R$ 1.954, as vagas estão disponíveis nas 24 unidades do Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo (CATe). Para concorrer, basta comparecer a qualquer um dos centro de atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h até às 17h, e fazer a inscrição nos processos seletivos.

Os principais destaques entre os cargos com o maior número de oportunidades são os de operador de caixa, com 85 postos, e operador de telemarketing, com 71 vagas. Para ambas as funções, os contratantes exigem ensino médio completo e experiência mínima de seis meses. Os salários mensais podem variar entre R$ 998 e R$ 1.536.

##RECOMENDA##

Sob regime de contratação temporário e efetivo, há 48 vagas para auxiliar de limpeza. Para participar da seleção, o candidato deve ter concluído o ensino fundamental. A remuneração varia entre R$ 1.108 e R$ 1.511. Dos 30 postos para atendente balconista, dez são para a contratação efetiva de pessoas com deficiência (PCD). É necessário que os candidatos apresentem o certificado escolar comprovando a conclusão do ensino médio. Os ganhos mensais vão de R$ 1 mil a R$ 1.430.

Outra função que exige o ensino médio completo dos profissionais é a de motorista de caminhão. São 15 postos de trabalho para os quais é obrigatório portar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) da categoria "D". O rendimento mensal vai de R$ 1.500 a R$ 1.954.

A lista completa de endereços está disponível no site da Prefeitura de SP. No momento da consulta às vagas, o trabalhador precisa apresentar os seguintes documentos: RG, CPF, número do PIS e Carteira de Trabalho.

No próximo dia 5 de novembro, acontece a 9ª edição do Contrata SP Pessoa Com Deficiência, evento voltado para empregabilidade de profissionais com deficiência e reabilitados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). São oferecidas mais de 1,7 mil vagas de emprego em diferentes áreas. Os salário vão de R$ 456 até R$ 5 mil.

Ao todo, 50 empresas participarão do evento. As Pessoas com Deficiência (PCD) poderão se candidatar para vagas de aprendiz, estágio, analista de suporte comercial, advogado, professor de educação infantil, auxiliar de RH, técnico de enfermagem e outras.

##RECOMENDA##

Para facilitar a participação, os interessados precisam preencher o formulário pelo site. No dia, os candidatos precisam levar currículos, RG, CPF, carteira de trabalho, cópia de laudo ou certificado de reabilitação profissional.

No evento, também haverá emissão de carteira de trabalho, orientações sobre elaboração de currículos, inscrição para cursos de qualificação profissional, entre outros.

Serviço

9ª Edição Contrata SP Pessoa com Deficiência

Data: 5 de novembro das 9h às 17h

Endereço: Rua Tagipuru, 1001 – Barra Funda – SP

Informações: 11- 5667-5580/ 99973-8710

 

 

 

De acordo com estudo realizado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), com informações disponibilizadas pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, as micro e pequenas empresas geraram 119 mil novas vagas de trabalho no país, em setembro. O número corresponde a 75% de todas os postos de trabalho abertos no Brasil. O valor é o maior registrado no mês de setembro desde 2013. 

Ainda de acordo com o estudo, no acumulado de 2019, as micro e pequenas empresas foram responsáveis por 670 mil vagas com carteira assinada. Em comparação, no mês de setembro, as médias e grandes empresas contrataram apenas 37,7 mil novos trabalhadores, enquanto a esfera da administração pública admitiu 492 novas pessoas. Para o presidente do Sebrae, Carlos Melles, as micro e pequenas empresas são fundamentais na retomada do crescimento econômico do país. 

##RECOMENDA##

“O saldo de empregos criados pelos pequenos negócios no acumulado deste ano até setembro já supera o saldo de todo o ano de 2018 e retoma os saldos verificados nos anos anteriores à recessão econômica, ocorrida em 2015 e 2016. Os números comprovam que o Brasil está avançando economicamente, e as pequenas empresas são protagonistas nesse processo”, destacou, conforme informações da Agência Sebrae de Notícias.

Liderando os números, o Estado de São Paulo registrou o maior número de contratações do país em setembro, com 29,7 mil novos postos criados, correspondendo a 25% do total do país. Em segundo lugar, o Rio de Janeiro criou 14 mil vagas. Ainda de acordo com o levantamento, juntos, os Estados do Nordeste brasileiro criaram 23,4 mil novas vagas. 

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) do Ceará está com inscrições abertas para seleção de estagiários dos cursos de psicologia, serviço social e educação física. Ao todo estão sendo ofertadas 21 vagas. Interessados podem realizar candidatura por meio do site da SSPDS até o dia 8 de novembro.

Com uma remuneração salarial no valor de R$ 671,95, mais auxílio-transporte, o processo seletivo é dividido em duas etapas no qual a primeira consiste na análise de histórico acadêmico do candidato e a segunda de entrevista. Para participar, é necessário que o candidato esteja regularmente matriculado nos cursos e possua frequência efetiva. O estudante também deve ter cursado, no mínimo, 50% da graduação.

##RECOMENDA##

Os estudantes aprovados terão um expediente de atividades a serem exercidas de quatro horas diárias, com um total de 20 horas por semana.

As vagas de estágio são destinadas para atuação em unidades da SSPDS, nos municípios de Canindé, Crateús, Fortaleza, Iguatu, Itapipoca, Juazeiro do Norte, Russas, Quixadá, Sobral e Tauá.

Do total de vagas, 10% é destinado para candidatos com deficiência. Mais informações podem ser conferidas no edital do processo seletivo.

 

Elaborada ao longo dos últimos meses, a nova política de qualificação profissional começou a ganhar contornos. A Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia lançou, esta semana, edital de pregão eletrônico para contratar empresas que darão cursos para reinserir 800 jovens de 18 a 29 anos no mercado de trabalho.

 Aplicado pela primeira vez no Brasil, o novo modelo prevê que as empresas que ministrarão os cursos de qualificação só serão pagas pelo governo se determinada parcela dos alunos conseguir emprego. O novo programa é financiado com recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

##RECOMENDA##

Atualmente, as empresas que promovem os cursos de qualificação profissional são remuneradas com base na quantidade de diplomas emitidos. Segundo o Ministério da Economia, o novo modelo, chamado de contrato de impacto social, começou no Reino Unido em 2011 e atualmente é adotado em mais de 20 países.

 

As empresas serão avaliadas da seguinte forma. Até oito meses depois de concluírem os cursos, os jovens deverão conseguir emprego com duração de pelo menos quatro meses.

A taxa de empregabilidade deverá ser 30% superior a um grupo de controle, formado por jovens que não passarão pelos cursos e constituirão uma base de comparação que represente a média do mercado de trabalho.

 

Nessa primeira etapa, serão escolhidos 2 mil jovens desempregados de 18 a 29 anos. Desse total, 800 serão matriculados nos cursos, com carga horária mínima de 250 horas presenciais.

Os 1,2 mil restantes comporão o grupo de controle. Caberá à empresa contratada desenvolver a metodologia das aulas, mapear a demanda por empregos e decidir que cursos serão oferecidos.

 

O edital foi publicado ontem (25) no Diário Oficial da União. Embora o texto tenha previsto a abertura das propostas no próximo dia 8, o Ministério da Economia informou que a data será adiada para 18 de novembro. As empresas do Sistema S, que promovem cursos de qualificação profissional, poderão concorrer.

 

Os cursos poderão ser ministrados em qualquer localidade do Brasil, a critério da instituição contratada, desde que cumpram a exigência de pelo menos 250 horas presenciais.

Também caberá à empresa contratada definir os critérios e os mecanismos de seleção dos jovens desempregados. Após a seleção, os nomes serão sorteados pela Fundação Getulio Vargas (FGV) em São Paulo e devolvidos para a empresa com a separação entre o grupo de controle e o grupo de tratamento. Segundo o Ministério da Economia, todo o processo será fiscalizado pelo governo.

Preço mínimo

O edital estabelece que vencerá a concorrência a empresa que oferecer o menor preço. Os valores do pagamento vão variar conforme o desempenho da empresa.

As instituições que conseguirem reinserir no mercado de trabalho 30% a mais de jovens que o grupo de controle, receberão R$ 3,2 milhões (R$ 16 por hora-aula). Quem obtiver desempenho de 8% a 29% superior ao do grupo de controle receberá proporcionalmente.

No caso de desempenho de 8%, o valor corresponde a R$ 2 milhões (R$ 10 por hora-aula). Abaixo do nível mínimo de desempenho de 8%, não haverá pagamento nenhum.

Desempenho

O Ministério da Economia explicou que as contratações de jovens serão acompanhadas por meio do cruzamento dos dados do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) e o e-Social, que medem as contratações e demissões formais.

Quanto maior for o número de contratações no grupo de controle, maior deverá ser a quantidade de contratados do grupo de tratamento. Dessa forma, se forem contratados 100 jovens do grupo de controle, devem ser contratados 130 ou mais jovens do grupo de tratamento para a instituição receber o pagamento integral.

O Ministério da Economia informou, ainda, que o edital foi elaborado para incentivar a empresa contratada a escolher jovens com dificuldade em conseguir emprego. Se a instituição escolhesse jovens com alta empregabilidade para o grupo de controle, explicou o ministério, o cumprimento da meta ficaria mais difícil.

 

Quanto maior for o número de contratações no grupo de controle, maior deverá ser a quantidade de contratados do grupo de tratamento. Dessa forma, se forem contratados 100 jovens do grupo de controle, devem ser contratados 130 ou mais jovens do grupo de tratamento para a instituição receber o pagamento integral.

 

O Ministério da Economia informou, ainda, que o edital foi elaborado para incentivar a empresa contratada a escolher jovens com dificuldade em conseguir emprego. Se a instituição escolhesse jovens com alta empregabilidade para o grupo de controle, explicou o ministério, o cumprimento da meta ficaria mais difícil.

A chegada em um novo emprego é um momento em que os funcionários costumam ficar ansiosos. Porém, eles tentam se preparar para que tudo ocorra bem, de forma positiva, tranquila e benéfica. O LeiaJá ouviu o coordenador de treinamentos da empresa Blackbelt It Solutions e professor universitário de pós-graduação, Jessé Barbosa de Araújo, para entender como o trabalhador deve proceder para criar e manter uma boa imagem no primeiro dia de trabalho.

Jessé frisou que tão importante quanto às atitudes do novo colaborador e do setor de RH da empresa é a receptividade, além da organização dos funcionários e gestores do setor onde o recém-chegado irá trabalhar. Para ele, esse momento é um cartão de visitas da empresa para o funcionário que se integra à equipe. 

##RECOMENDA##

“Preparar o gestor e a equipe para o funcionário é importante, isso é um cartão de visitas da empresa. Há pessoas que no primeiro dia desistiram de trabalhar devido à imagem que tiveram da companhia. Todo o time da empresa tem que estar preparado para receber essa pessoa, informá-la sobre suas funções, quem procurar e quem são seus responsáveis diretos. É uma via de mão dupla”, explicou o professor.

O especialista explicou que, no primeiro dia no novo emprego, os funcionários devem ter atenção tanto a questões relativas à sua imagem quanto ao seu comportamento, pois esses dois fatores não se separam na construção do marketing pessoal do trabalhador. “Não adianta estar bem vestido, mas ser indelicado. O colaborador deve conhecer as prerrogativas da empresa para se vestir adequadamente à função e, na dúvida, não se erra com um traje esporte fino. Sobre a competência comportamental, esse funcionário tem que ser cordial, educado, agradecer pela oportunidade dada e se colocar à disposição para aprender o máximo que puder”, disse ele.

Questionado se a imagem de um funcionário pode mudar com o tempo, em relação àquela que foi construída no primeiro dia e nos que transcorreram depois dele, o coordenador de treinamento e professor também ressalta a importância dos feedbacks, ou seja, de que a empresa deixe claro aos trabalhadores o que espera em termos de resultados e mostre como está indo o seu desempenho. “O que se espera é que o funcionário entregue o resultado esperado e a empresa deve entregar de forma clara os seus critérios e indicadores de performance desejados. Se não disser, o funcionário não saberá se está atendendo às expectativas, por isso é importante o feedback”, exlanou.

Jessé detalhou que, conforme passa o tempo, o funcionário tende a criar laços sociais na empresa e a fazer amizade com algumas pessoas, com outras não, porém não deve perder de vista o objetivo de preservar sua imagem como um profissional de excelência. Para isso, ele explica que além de manter a atenção aos resultados, é necessário ter cuidado com a conduta no sentido, por exemplo, de não se envolver com fofocas no ambiente de trabalho, preservando uma conduta ética.

O especialista ainda acrescenta: “Não dá para falhar quando se tem caráter. Reconhecer que não sabe tudo, precisa de orientação e se colocar à disposição para aprender, sua imagem não se tornará negativa. O funcionário novato vai construir uma história sendo disposto, disponível, procurando saber o que pode fazer para ajudar a empresa a crescer. Tendo um bom caráter e sendo um colaborador que procura mesmo ajudar a empresa, ele não vai ter problemas na construção da sua imagem”, afirmou ele.

LeiaJá também

--> Carreira: o que são os níveis júnior, pleno e sênior?

--> Me formei, e agora? Planeje a busca pelo primeiro emprego

--> Fez uma seleção e não teve resposta? Saiba o que fazer

A siderúrgica Ternium está com vagas abertas até o dia 10 de novembro para o seu Programa de Estágio de Pesquisa & Desenvolvimento. A iniciativa é destinada a estudantes de engenharia da Pontifícia Universidade Católica (PUC), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e Universidade de São Paulo (USP). Interessados podem realizar inscrição através do site da companhia.

Para participar, o candidato deve possuir previsão de formatura para julho de 2021, além de apresentar bom desempenho acadêmico e ter conhecimento intermediário da língua inglesa e espanhola. Os estudantes selecionados passarão nove meses desenvolvendo projetos em suas respectivas universidades e três meses no centro industrial da Ternium, localizado no Rio de Janeiro.

##RECOMENDA##

Além da inscrição, o processo seletivo conta com mais quatro etapas que são compostas por triagem do currículo, teste online, dinâmica de grupo e entrevista individual. De acordo com a organização, a empresa oferece remuneração salarial compatível com o mercado, alimentação, seguro de vida, vale-transporte e auxílio moradia para estudantes que moram fora do Rio de Janeiro.

Páginas

Leia Concursos

Procure os
Concursos

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando