Cultura

| Cinema

No final da manhã desta quinta (21), a Paramount Pictures em parceria com a Nickelodeon, divulgou o primeiro cartaz do filme Dora e a cidade perdida, o filme está marcado para estreiar nos cinemas no dia 15 de agosto. O longa é baseado na animação Dora, a Aventureira, que é uma das séries infantis mais populares da Nickelodeon.

Na trama, Dora agora uma adolescente, interpretada pela atriz Isabela Moner, viverá mais uma de suas aventuras, acompanhada pelo seu melhor amigo, o Macaco Boots e por seu primo Diego. O filme tem direção de James Bodin e em seu elenco estão Eva Longoria, Benicio Del Toro e Temuera Morrison.

##RECOMENDA##

“Dora e a Cidade Perdida” é uma distribuição do selo Paramount Players, divisão da Paramount Pictures que produzirá conteúdo destinado a audiências mais jovens em conjunto com outras marcas emblemáticas do Grupo Viacom.

“Dora é há muito tempo uma heroína celebrada e forte em séries animadas para a televisão e, como Dora, Isabela tem uma atitude incrível. Com nossos parceiros na Nickelodeon, estamos ansiosos para dar continuidade à história de Dora por muitas gerações futuras” disse Brian Robbins, presidente da Paramount Players.

*Com informações da assessoria

A Walt Disney concluiu nesta quarta-feira (20) a aquisição da Fox, por 71,3 bilhões de dólares, cerca de 270 bilhões de reais, depois de ter recebido o aval de reguladores de vários países. Assumindo a propriedade do estúdio de TV e filmes da 20th Century Fox, das redes a cabo FX, FXX e National Geographic, além de outros ativos internacionais da televisão. A disney também adquiriu os 30% de participação da Fox no Hulu, dando a empresa do Mickey Mouse controle Majoritário.

Aqui no Brasil a compra havia sido aprovada em Fevereiro pelo Conselho de Administrativo de Defesa Econômica (Cade), após a Disney apresentar uma proposta para venda da Fox Sport para obter a aprovação do negócio. A fusão prevê uma enorme transformação na indústria do entretenimento, o que também deve resultar em demissões em massa.

##RECOMENDA##

A aquisição de uma parte significativa do negócio da 'rival', assim como conteúdos envolvidos, como 'Os Simpsons', 'Star Wars', Marvel, Pixar, 'Avatar' e 'Alien' abre caminho para o lançamento ainda este ano do serviço de assinatura Disney+, plataforma com qual a Disney pretende competir com a Netflix, líder do setor.

Por Waleska Andrade

A Sony Pictures divulgou na manhã desta quarta-feira (20) o trailer de ‘Once Upon a Time in Hollywood’, novo longa de Quentin Tarantino.

Disponível apenas em inglês, o vídeo dá uma prévia do que será a nona produção do diretor. No começo da semana, o primeiro pôster do filme também foi divulgado. Com Leonardo DiCaprio e Brad Pitt no elenco, ‘Once Upon a Time in Hollywood’, estreia dia 26 de julho.

##RECOMENDA##

[@#video#@]

O episódio Irmão do Jorel – Edição Especial Alucinante será exibido em 30 cinemas da rede Cinemark nos dias 23 e 24 desse mês.

A animação conta a história da amizade entre Lara e Irmão do Jorel, mesclando conteúdos existentes, inéditos e extras feitos especialmente para o cinema.

##RECOMENDA##

No Recife, a exibição acontece no Shopping RioMar, no Pina. Os ingressos podem ser adquiridos através do site oficial do Cinemark.

Irmão do Jorel é uma série animada criada por Juliano Enrico e Daniel Furlan e é exibida pela Cartoon Network. A terceira temporada da série estreia no dia 16 de julho e o programa já foi renovado para o quarto ano.

 

 

Por Márcio Santos

A cinebiografia de Allan Kardec, conhecido por ser um dos primeiros a difundir a doutrina espírita, ganhou seu primeiro trailer e cartaz oficial.

O filme narra a trajetória de Kardec, desde o período em que atuava como educador, passando pelo processo de codificação da Doutrina Espírita, até a publicação e repercussão de O Livro dos Espíritos e tem a estreia marcada para o dia 16 de maio.

##RECOMENDA##

Com direção de Wagner de Assis, o longa é baseado no livro Kardec – A Biografia, de Marcel Souto Maior. Kardec será interpretado por Leonardo Medeiros, enquanto Sandra Corveloni vive sua esposa, Amélie-Gabrielle Boudet. 

Confira o trailer abaixo:

[@#video#@]

O personagem Jackson Five, de Marco Luque, irá ganhar filme. Ainda sem data de estreia, a novidade foi divulgada pelo humoristas em um vídeo do canal Desimpedidos.

De acordo com ele, o filme começa a ser gravado no final deste ano e contará a origem do personagem e como ele virou motoboy. O longa terá produção da Chocolate Filmes.

##RECOMENDA##

‘Jackson Five’ surgiu na Rádio Mix, onde contava histórias do dia a dia de um motoboy. Ele caiu no gosto popular em 2016, quando começou a integrar o programa ‘Altas Horas’, da Rede Globo, onde aparece para falar se assuntos diversos. Em 2013, o personagem ganhou um livro intitulado 'Jackson Five - Organismo Pulsante.

 

Nesta terça-feira (19), a Disney liberou o primeiro trailer de "Toy Story 4". Previsto para ser lançado no dia 21 de junho, o filme contará com a presença de um novo integrante, o brinquedo Forky. Ele irá se juntar a Woody e toda sua turma para uma jornada de aventuras.

Dirigido por Josh Cooley, o longa infantil tem Tom Hanks, Tim Allen e Joan Cusack no elenco. A produção da animação ficou por conta de Jonas Rivera, de "Divertida mente" e "Up - Altas Aventuras".

##RECOMENDA##

Confira:

O diretor executivo da Warner Bros, Kevin Tsujihara, alvo há semanas de boatos sobre um romance com uma jovem atriz britânica que teria ajudado a conseguir trabalho, renunciará ao cargo, informou nesta segunda-feira (18) o grupo WarnerMedia.

"É do maior interesse da WarnerMedia, da Warner Bros., dos nossos funcionários e dos acionistas que Kevin renuncie como CEO da Warner Bros", escreveu o diretor geral da WarnerMedia, John Stankey.

##RECOMENDA##

"Kevin reconhece que seus erros são incompatíveis com as expectativas de liderança da companhia e podem afetar sua capacidade de desenvolvimento no futuro", declarou Stankey, sem citar diretamente o escândalo de sua suposta relação com a atriz Charlotte Kirk.

A mídia americana afirmou recentemente que Tsujihara, de 54 anos, e Kirk, de 26, começaram um romance em 2013. Segundo eles, o chefe da Warner Studios tentou usar sua influência para conseguir papéis para a atriz.

No entanto, não teria sido muito bem sucedido, já que Kirk aparece apenas em dois filmes produzidos pela Warner Bros, "Como Ser Solteira" (2016) e "Oito Mulheres e Um Segredo" (2018), em ambos os casos em papéis pequenos.

Os advogados de Tsujihara negaram formalmente uma intervenção da parte dele nas escalações de elenco desses filmes. As acusações são alvo de uma investigação interna da Warner, que ainda não anunciou a substituição de Tsujihara.

O CEO havia acabado de receber novas responsabilidades após uma grande reorganização do antigo conglomerado Time Warner, adquirido pela gigante de telecomunicações AT&T e rebatizada de WarnerMedia.

Um dos maiores circuitos de exibição de filmes no país, o Cinesesc, chega, este mês, a Jaboatão dos Guararapes. O Cine Teatro Samuel Campelo vai receber a programação do projeto, com filmes de classificação etária variada e exibições de manhã, tarde e noite. As sessões são todas gratuitas.

Nas terças à tarde, a programação será sempre destinada a refletir sobre o papel da mulher na sociedade. Dentre os filmes que serão exibidos nesses horários, estão Uma mulher fantástica, que fala sobre a vida de uma mulher trans e sua convivência com o preconceito.

##RECOMENDA##

A programação geral vai até o dia 27 deste mês e contará, ainda com títulos como Wickie e o tesouro dos deuses; Guerreiros da rua; Divinas Divas; Gonzaga de pai pra filho; Raul, o início, o fim e o meio/ e Violeta foi pro céu. Escolas que desejam levar turmas de alunos podem agendar horários pelo email culturasescpiedade@gmail.com

Programação

19/03: 10h – Os guerreiros da rua (livre)

               14h30 – Divinas Divas (acima de 14 anos)

20/03: 14h30 – O menino do espelho (livre)

               19h – Raul, o início, o meio e o fim (acima de 12 anos)

26/03: 10h – O menino do espelho (livre)

               14h30 – Uma mulher fantástica (acima de 14 anos)

27/03: 14h30 - Wickie e o tesouro dos deuses (livre)

               19h – Violeta foi pro céu (acima de 14 anos)

Serviço

CineSesc

Até 27 de março

Cine Teatro Samuel Campelo (Praça do Rosário, 540 - Centro de Jaboatão)

Gratuito

Leonardo DiCaprio divulgou na manhã desta segunda-feira (18) o primeiro pôster de ‘Once Upon a Time in Hollywood’, novo longa do diretor Quentin Tarantino. Na imagem, DiCaprio aparece ao lado de Brad Pitt, com um carro antigo e o letreiro de Hollywood ao fundo.

[@#video#@]

##RECOMENDA##

A nona produção de Tarantino se passa no ano de 1969 e conta a história de um ex-astro de série de tv, Rick Dalton (DiCaprio), e seu dublê, Cliff Booth (Pitt). O longa também conta com nomes, como Margot Robbie, Al Pacino, Emile Hirsch, Damian Lewis, Bruce Dern e Dakota Fanning. Além de ser a última aparição nos cinemas de Luke Perry, que morreu em decorrência de um derrame, no começo deste mês.

Once Upon a Time in Hollywood’ estreia no dia 26 de julho.

O nome de Lorena Bobbit sempre é associado a um riso contido ou a uma piadinha, mas pouco se sabe de seu passado de abusos domésticos que a levou ao ato de cortar o pênis de seu marido.

Vinte e cinco anos depois, ela, que agora se chama Lorena Gallo, conta sua história em um documentário da Amazon.

##RECOMENDA##

"Eu sabia que cicatrizes seriam abertas, que sofreria um pouco de ansiedade ao reviver estas memórias dolorosas que eu havia praticamente enterrado", afirma à AFP a mulher de 48 anos nascida no Equador. "Mas eu fiz porque acredito que como mulher, mãe e sobrevivente era meu dever usar a voz que muitas vítimas de violência doméstica não têm".

O caso de Lorena e John Wayne Bobbitt gerou manchetes em todo o planeta.

Em 23 de junho de 1993, Lorena mutilou com uma faca o pênis de seu marido enquanto ele dormia depois que, segundo ela, a estuprou. Era a história perfeita para a imprensa sensacionalista e para as piadas.

Mas também abriu o caminho para um debate até então ignorado.

"Meu caso ajudou a desestigmatizar a violência doméstica, o abuso sexual e o estupro dentro do casamento", afirma Lorena.

E levou à aprovação em 1994 de uma lei nos Estados Unidos sobre violência contra a mulher.

As estatísticas no país, no entanto, ainda são alarmantes: uma em cada três mulheres é abusada física ou sexualmente em algum momento de suas vidas; quatro mulheres são assassinadas a cada dia por seu companheiro; uma mulher é maltratada a cada 15 segundos.

O documentário de Joshua Rofé, produzido pelo vencedor do Oscar Jordan Peele, foi exibido em janeiro no Festival de Sundance, quando movimentos como o #MeToo e Time's Up ainda organizam protestos contra o abuso sexual em Hollywood.

"Muitas vítimas conseguiram falar, praticamente sem tabu, e por isso agradeço mil vezes a Deus", comemora.

- "John não está em minha mente" -

Quando Rofé apresentou a proposta do documentário, Lorena já havia "enterrado" muitas recordações.

"Eu não queria fazer", conta Lorena. "Eu tinha cuidado porque até agora o enfoque era sempre John, a ação (a mutilação), muito sensacionalista, ignorando o que eu sofri, e isso me desagradava muito".

Em quatro episódios de uma hora, Rofé percorre de maneira cuidadosa a vida de Lorena: da jovem que se mudou de Caracas, onde sua família morava, para Virginia, Estados Unidos, onde ainda vive. Fala sobre seu casamento, o início dos abusos, a amputação do pênis, o julgamento... até os dias de hoje.

"Este é talvez o caso mais infame sobre uma pessoa que age a partir do trauma, onde ela é a vítima e ninguém se pergunta o que levou esta pessoa a fazer o que fez", explica à AFP o diretor, que registrou, além do relato de Lorena, o de seu ex-marido John Wayne, que até hoje nega os maus-tratos.

"É um mentiroso patológico", afirma Lorena, sempre de maneira calma. "Como é possível que continue mentindo? Ele foi preso por abuso doméstico, no por mim, mas por outras mulheres".

Rofé também conversou com os policiais que investigaram o incidente, os advogados, o promotor, jornalistas e ativistas.

O documentário exibe trechos do julgamento, dos depoimentos das testemunhas. Também aborda a vida midiática de Bobbitt, que inclui uma passagem pela pornografia e uma operação para aumentar o pênis que havia sido reconstruído. Mostra ainda o assédio da imprensa a Lorena, como ela tentou retomar sua vida, com o novo marido e sua filha de 13 anos.

"Você perdoa, mas não esquece", disse, antes de explicar: "John não está em minha mente, não acontece assim de repente, eu não vivo pensando nele".

Lorena foi julgada e absolvida por ter atuado sob um estado de perturbação mental temporária.

Católica praticante, tem uma ONG, a Lorena's Red Wagon, dedicada a combater o abuso. Ela passa dias em abrigos, onde não hesita em falar sobre seu passado para ajudar outras mulheres que são vítimas. Ela considera o trabalho terapêutico.

"Quanto mais falo, mais ajudo", revela.

Lorena não tem arrependimentos.

"Como se arrepender de algo que você não tem o controle? Eu não queria estar na situação, não era algo que eu procurava nem é agradável".

"Eu posso contar a qualquer pessoa, e eu fui uma das que se salvou, há muitas que não sobrevivem".

E retoma o discurso de luta: "Meu caso ajudou muito, mas ainda há muito por fazer".

Ela afirma que as leis devem mudar e cita como exemplo o fato de um agressor sexual ter a possibilidade de comprar uma arma de fogo.

"John Wayne Bobbit certamente tem uma e não é piada".

Com estreia marcada para o dia 9 de maio, o filme ‘Detetive Pikachu’ ganhará adaptação e irá virar quadrinho. A Legendary Pictures divulgou nesta quinta-feira (14), via Twitter, a novidade junto com a capa do HQ.

“Legendary Comics está animada em anunciar a adaptação oficial de Detetive Pikachu para Graphic Novel. Acompanhe a jornada de Tim Goodman por Ryme City enquanto ele procura por seu pai desaparecido com a ajuda de um Pikachu com interesse por café e perigo', diz a legenda.

##RECOMENDA##

A produção será será publicada até setembro de 2019.

[@#video#@]

 

O sonho de um carioca apaixonado pela sétima arte e, sobretudo, pelo cinema brasileiro, está correndo sério risco de virar um pesadelo. A sala de cinema Ponto Cine, localizada no Guadalupe, subúrbio do Rio de Janeiro, especializada em filmes nacionais, está prestes a fechar as portas por conta do baixo movimento e falta de apoio.

O cinema foi idealizado por Adailton Medeiros há nove anos. A paixão dele pelo cinema é tamanha que aos nove anos de idade ele construiu seu próprio projetor de filmes. Em 2006, Adalton abriu a sala, em um bairro periférico do Rio, para que essa servisse como veículo para levar a sétima arte aos moradores da região. Sendo assim, o Ponto Cine foi a primeira sala popular de cinema digital no Brasil, priorizando os filmes brasileiros em sua programação e vendendo ingressos a preços populares: R$ 9,00, a inteira; e R$ 4,50, a meia-entrada.

##RECOMENDA##

Vendo o movimento da sala cair e as contas apertarem, Isabella Medeiros, filha de Adailton se preocupou. A estudante de apenas 17 anos, que sonha em fazer faculdade de Cinema, resolveu, então, fazer um apelo pela internet. No Twitter, ela pediu ajuda dos internautas: "esse cinema é o sonho do meu pai. Deem uma moral por favor, todo mundo gosta de ver filme então vamos juntar o útil ao agradável, o preço é super acessível", disse ela no microblog.

Em entrevista exclusiva ao LeiaJá, Isabella falou sobre o Ponto Cine, fundado quando ela tinha apenas quatro anos de idade: "O cinema sempre foi minha segunda casa, desde pequena tenho muito orgulho daquele local". Em 2018, o lugar chegou a passar seis meses fechado; a repercussão foi tão grande que possibilitou uma retomada dos serviços e rendeu ao Ponto Cine o título de patrimônio como atividade cultural, artística, de lazer, educação e inclusão, segundo a lei 8.144, de 29 de outubro de 2018.

Porém, a ajuda não tem sido suficiente e a sala está com o destino prejudicado. A bilheteria não rende o suficiente para o funcionamento do espaço e a baixa procura do público só aumenta o problema. “O Ponto Cine sempre foi muito cheio, tinham pessoas que até sentavam nas escadas pra não perder a sessão, quando foi perdendo o público eu comecei a ficar desesperada”, diz Isabella.

Foi então que ela recorreu ao Twitter para fazer um apelo, sabendo do alcance da rede social. "Já demos algumas entrevistas para jornais e blogs e já conseguimos ajuda de divulgação de alguns atores, isso já ajuda imensamente! Muitas pessoas já se disponibilizaram marcando idas com a escola. Mas ainda precisamos muito de patrocínio”

A jovem elenca alguns motivos para a falta de usuários no Ponto: “Primeiro pela própria conjuntura do país, estamos em crise e pleno desemprego e isso afeta especialmente as pessoas dessa região, pois aqui é onde moram o maior número de trabalhadores com mão de obra não especializadas, ou seja, os primeiros a serem demitidos”.

A disputa com os blockbusters e títulos americanos só torna a luta do cinema ainda mais árdua. “Acho que o brasileiro se interessa pouco pela sua cinematografia por isso temos que fazer um trabalho diferenciado como o do Ponto Cine”.

A valorização do cinema nacional pela sala lhe rendeu prêmios como o Faz Diferença, dado pelo Jornal O Globo, em 2008, na Categoria Cinema; e o Adicional de Renda da Ancine desde 2007. O prêmio concedido pela Agência Nacional do Cinema garante uma verba que cobre a manutenção do cinema, que, pelo visto, anda carecendo mesmo é do carinho do público.

 

O site Deadline reportou na sexta-feira, dia 15, uma reviravolta em relação ao caso do diretor James Gunn, de Guardiões da Galáxia: ele irá retomar a direção do terceiro longa da franquia. Ele teria sido recontratado pela Disney após sua demissão em julho de 2018 - quando jornalistas trouxeram à tona tuítes antigos de Gunn com piadas de conteúdo duvidoso, envolvendo estupro e pedofilia.

Gunn logo se desculpou com seu público, dizendo:

##RECOMENDA##

Muitas pessoas que acompanham minha carreira sabem que, quando comecei, me via como um provocador, fazendo filmes e contando piadas que eram tabu. Como já discuti publicamente muitas vezes, conforme me aprimorei como pessoa, meu trabalho e meu humor acompanharam. Enfim, esta é a verdade completa: eu costumava fazer muitas piadas ofensivas. Não faço mais. Não culpo meu eu antigo por isso, mas gosto de mim mesmo muito mais e me sinto um ser humano e criador melhor hoje. Amor para vocês.

Ainda segundo o site, a decisão de recontratá-lo já havia sido feita meses atrás, após muitas conversas entre o diretor e líderes da Disney e da Marvel.

Logo após a demissão, atores de GdG como Zoe Saldana e Chris Pratt demonstraram apoio ao diretor nas redes sociais.

Antes de começar Guardiões da Galáxia 3, ele terá que terminar de escrever e dirigir a sequência de Esquadrão Suicida para a Warner em parceria com a DC.

O filme Bohemian Rhapsody, vencedor de quatro estatuetas do Oscar, continua dando o que falar. Um vídeo que circula na internet, publicado no final de fevereiro, compara uma cena clássica do longa com o show original do Queen, sob o comando de Freddie Mercury.

Nas imagens, é possível ver a semelhança de Rami Malek com o cantor durante a apresentação lendária do grupo musical no Live Aid. Confira:

##RECOMENDA##

LeiaJá também

--> Diretor de 'Bohemian Rhapsody' é acusado de pedofilia

O documentário que conta a vida do sambista e ex-Trapalhão Mussum acaba de ganhar seu primeiro trailer. "Mussum, um filme do cacildis", já rodou festivais por todo o país e chega aos cinemas no dia 4 de abril.

Dirigido por Susanna Lira, o documentário traz um Mussum pouco conhecido do grande público. O filme mostra a personalidade e o comportamento de Antônio Carlos Bernardes, enquanto marido, pai e filho. O filme traz, também, a trajetória profissional de Mussum, iniciada no samba, com o grupo Os Originais do Samba, e depois, alçada ao sucesso como comediante, com Os Trapalhões.

##RECOMENDA##

Mussum faleceu em 1994, aos 53 anos, em decorrência de complicações após um transplante de coração. O filme que conta sua história chega aos cinemas no dia 4 de abril, pelo Projeto às 7, uma iniciativa da Cinemark em parceria com a Elo que oferece sessões de segunda à sexta, às 19h, em 19 cidades brasileiras, a preços diferenciados: R$ 12 (inteira) e R$ 6 (meia).

[@#video#@]

Depois de dois teaser-trailers misteriosos, a Marvel studios finalmente divulgou o primeiro trailer oficial do filme 'Vingadores: Ultimato', no qual podemos ver com mais detalhes os hérois tentando se recuperar do ataque avassalador de Thanos, que dizimou metade do universo.

A produção é o quarto filme da saga e dá continuidade à trama de Guerra Infinita. Os heróis que restaram farão de tudo para desfazer a dizimação causada por Thanos e trazer seus amigos e famíliares de volta. Além disso, vemos alguns flashback de Clint Barton ensinando sua filha, Lila, a disparar algumas flechas. Seria um indício de que veremos a Gaviã Arqueira?

##RECOMENDA##

Confira o trailer:

[@#video#@]

Por Waleska Andrade

O superastro de Bollywood Aamir Khan anunciou nesta quinta-feira que vai protagonizar o remake do sucesso de Hollywood "Forrest Gump - O contador de histórias".

Khan interpretará o papel de Laal Singh Chaddha, baseado no personagem vivido por Tom Hanks no clássico americano de 1994.

##RECOMENDA##

"Eu sempre amei 'Forrest Gump' como roteiro. É uma história de afirmação da vida. É um filme que causa bem-estar. É um filme para toda a família", declarou Khan à imprensa em Mumbai, por ocasião da comemoração de seu 54º aniversário.

"Forrest Gump" ganhou seis prêmios Oscar, incluindo melhor filme, melhor diretor e melhor ator.

O filme, dirigido por Robert Zemeckis, se baseia num romance homônimo de Winston Groom, de 1986.

Khan disse ainda que vai perder 20 kg até o início das filmagens da produção, que deve estrear no próximo ano.

Sucessos de Hollywood há muito tempo inspiram a produção cinematográfica indiana.

"Kaante", sucesso de 2002, foi influenciado pelo filme "Cães de Aluguel", "Sarkar" (2005) inspirou-se em "O Poderoso Chefão" e "Chachi 420" bebeu nas águas de "Uma babá quase perfeita", embora não fossem remakes oficiais.

Um remake oficial de "A Culpa é das Estrelas" (2014) também está programado.

Sororidade é um conceito que vem crescendo entre as mulheres dos mais diversos segmentos da sociedade. Entre as heroínas, a irmandade e solidariedade entre iguais é fato. Gal Gadot, a Mulher Maravilha, deu uma prova disso ao mandar uma mensagem para Brie larson, a Capitã Marvel.

Gal interpretou a Mulher Maravilha nos cinemas em 2017 e agora, resolveu mandar um recadinho para uma nova heroína, a Capitã Marvel, vivida pela atriz Brie Larson. Com uma ilustração que traz as duas personagens juntas, Gal mandou parabenizou a colega: "Estou muito feliz por você irmã! Parabéns", escreveu no Instagram.

##RECOMENDA##

Outra mulher da equipe do filme Mulher Maravilha, a diretora Patty Jenkins, também demonstrou sua torcida e simpatia por Brie. Usando uma outra ilustração, ela revelou, nas redes sociais, estar ansiosa pelo filme: "Parabéns ao time de Capitã Marvel. Mal posso esperar para assistir. A equipe de Mulher-Maravilha deseja um ótimo final de semana de estreia". No Brasil, o longa com a heroína da Marvel estreou no dia 6 de março.

O Carnaval 2019 de Serra Negra, localizada no município de Bezerros, agreste de Pernambuco, está em destaque no minedocumentário “Papangu, o Sonho de não ser reconhecido”, realizado pelo multiartista Carlos Vasconcelos e está em exibição em seu canal do Youtube.

Com cinco minutos de duração, o minedocumentário com áudio e legendas (bilíngue) promete apresentar as diversas caracterizações da manifestação, além da ligação da população com a festa e a própria mobilização da cidade de Bezerros e dos foliões para a construção desde Carnaval que eles consideram o maior de Pernambuco. 

##RECOMENDA##

A produção foi resultado do Carnaval 2019. Segundo Carlos Vasconcelos o minedocumentário dá destaque para a beleza na tradição na Serra Negra, com a ideia de registrar a mobilização anual na cidade de Bezerros, que promove um desfile único de mascarados e de papaguns, as filmagens foram realizadas filmagens no período de ebulição da festividade no Carnaval com depoimentos de alguns desses personagens anônimos que fazem parte da festa.

"Neste dia, toda a cidade e Zona Rural ganham as ruas caracterizados da melhor forma possível e participam dessa festa, que envolve desfile e concurso, com a certeza de que não serão reconhecidos. E esta é uma forma de entender e prestigiar esse  incrível trabalho e processo de criação que une e envolve pessoas distintas da região, de diversas classes e campos de trabalho, seja escritório e comercio, seja agricultura, em um mesmo propósito", destaca Carlos Vasconcelos. 

 Confira o curta “Papangu, o Sonho de não ser reconhecido”:

[@#video#@]

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando