Cultura

| Gastronomia

O café é uma das paixões dos brasileiros. Presente ao final das refeições ou até como amuleto para combater o sono dos estudantes nas madrugadas, o cafézinho é indispensável. Para a jornalista Anamaria Nascimento, a bebida é sinônimo de aconchego.

"O café é muito mais do que uma bebida. É reunião ao redor de uma mesa. É parar no meio da correria do dia a dia e ter um tempo para mim e com a família ou com os amigos. É compartilhar experiências. É socialização. Café é afeto, troca e reposição de energia", afirmou, em entrevista ao LeiaJá. Fascinada pelo "pretinho básico", Anamaria criou um perfil no Instagram para reunir os amantes da bebida, o @CafesRecife, em parceria com o marido e a irmã.

##RECOMENDA##

Para celebrar o Dia Nacional do Café nesta sexta-feira (24), o barista Severino Pereira preparou uma receita fácil, saborosa e sofisticada, deixando a quentura um pouco no escanteio para o gelado fazer gol. Confira o passo a passo do Affogato:

[@#video#@]

"Game Of Thrones" (HBO) chegou ao fim, mas os fãs da série, e também da boa gastronomia, podem reproduzir os lendários banquetes de Westeros em casa. As autoras Chelsea Monroe-Cassel e Sariann Lehrer reuniram 100 receitas baseadas na obra de George R.R. Martin no livro "Banquete de Gelo & Fogo", que dá opções completas que vão do café da manhã ao jantar.

A gastronomia medieval da obra é adaptada para os dias atuais e, além de contar os detalhes dos ingredientes e relacioná-los a trechos em que são mencionados nos livros, indica a substituição de alguns itens, como carne de auroque ou de pombo, iguarias dos Sete Reinos.

##RECOMENDA##

Destaque da publicação, as sugestões de harmonização podem deixar o público com águas na boca com combinações como carneiro com caldo de cebola e cerveja, acompanhado de pão preto, cenouras na manteiga e cerveja escura, além de ensinar o preparo das famosas tortinhas de Sor Amory (Joe Dempsie), que a personagem Arya (Maisie Williams) precisou roubar para experimentar.

Segundo as autoras, a ideia de "Banquete de Gelo & Fogo" surge do próprio livro, que descreve com detalhes os banquetes extraordinários que aconteciam da Muralha à região Além do Mar Estreito.

por Rodrigo Viana

A culinária tradicional do litoral norte pernambucano é o mote da 1ª Mostra de Gastronomia das Mestras Cozinheiras de Vila Velha. O festival começa no dia 1° de junho, às 17h, no centro de Vila Velha, em Itamaracá, reunindo marisqueiras, cozinheiras e doceiras da região.

##RECOMENDA##

Com o objetivo de difundir e preservar a culinária do sítio histórico de Itamaracá, o evento vai promover uma feira de sabores dos frutos do mar e do mangue, junto com doçarias. A mostra integra o projeto Do mangue até a cozinha, o turismo é sustentável e tem o apoio da Secretaria de Turismo, Cultura e Eventos da Ilha de Itamaracá.

Além dos quitutes e pratos característicos da região, os visitante também vão encontrar apresentações artísticas, com o Maracatu Mosca de Fogo, o grupo Nossa Cultura Tem Som e o SaGrama.

 

Uma das atrações do período junino é a comida, que costuma atrair os 'matutos' e 'matutas' para os 'arraiás'. Em Caruaru, essa tradição é ainda mais forte com as Comidas Gigantes. Este ano, mais de 40 itens compõem o calendário de festas que começa no dia 1º de junho e segue até 14 de julho.

No São João 2019 de Caruaru, vão participar da tradição Bolo de milho, cuscuz, tapioca, bolo barra-branca e canjica, entre outros diversos pratos deste período. Foi montado um calendário oficial para que o público não perca nenhuma atividade, nem as guloseimas em tamanho gigante.

##RECOMENDA##

O objetivo da esta é oferecer ao público mais informações sobre as tradições do interior pernambucano e sua gastronomia. As atividades acontecem em Caruaru e em outras seis cidades da zona rural da região. O evento é promovido pela União dos Criadores das Comidas Gigantes, Associação dos Idealizadores das Comidas Gigantes e Movimento dos Idealizadores das Comidas Gigantes.

Programação

1º de Junho

Maior Chocolate Quente

Onde? São João da Escócia, às 18h.

1º de Junho

Maior Cozido de Milho na Manteiga de Garrafa

Onde?Praça Geraldo Borba, Petrópolis, às 20h.

02 de Junho

Tareco e Mariola

Onde? Vassoural, às 15h.

03 de Junho

Festa da Batata Doce

Onde? Vila do Jacaré, Gonçalves Ferreira, às 19h.

08 de Junho

Maior Quentão

Onde? Cidade Alta, às 18h.

09 de Junho

Maior Cuscuz do Mundo

Onde?Av. Leão Dourado, entrada da Vila do Aeroporto, às 13h.

11 de Junho

Maior Caldinho

Onde? São João da Escócia, às 18.

13 de Junho

Bolo de Milho Gigante

Onde? Indianópolis, às 18h.

13 de Junho

Maior Dobradinha

Onde? Boa Vista 2, às 20h.

14 de Junho

Arraiá do Pão Doce

Onde? Salgado, às 20h.

14 de Junho

O Maior Queijo de Coalho Assado do Mundo

Onde? Vila Andorinha, às 18h.

14 de Junho

Maior Pé de Moleque

Onde? Rendeiras, próximo ao Parque Ambiental, às 18h.

15 de Junho

Festa da Polenta

Onde? Bairro São Francisco, às 20h.

15 de Junho

Maior Bolo de Rolo

Onde? Salgado, às 20h.

15 de Junho

Maior Tapioca

Onde? Rendeiras, às 18h.

16 de Junho

Maior Assado de Milho

Onde? Santa Rosa, às 16h.

16 de Junho

Festa da Macaxeira

Onde? Vila Campos/Distrito Industrial, às 16h.

18 de Junho

Maior Pipoca

Onde? Rendeiras, às 18h.

18 de junho

Maior Arrumadinho de Charque

Onde? São Francisco, às 18h.

19 de junho

Maior Bolo de Tapioca

Onde? Salgado, às 18h.

20 de Junho

Maior Bolo de Saia

Onde? Cidade Jardim, às 18h.

22 de Junho

Bolo Barra Branca

Onde? Salgado, às 19h.

23 de Junho

Mesa Junina

Onde? Sítio Lajes, às 16h.

23 de Junho

Maior Cuscuz Temperado

Onde? São João da Escócia, às 15h.

24 de Junho

Maior Broa de Milho

Onde? Divinópolis, às 20h.

24 de Junho

Maior Festa do Beiju

Onde? Condomínio Residencial Luiza Bezerra Torres, às 15h.

27 de Junho

Maior Bolo de Macaxeira

Onde? Divinópolis, às 18h.

28 de Junho

Festival do Milho

Onde? Sítio Murici, às 18h.

28 de Junho

Salgadinho Gigante

Onde? Salgado, às 20h.

29 de Junho

Maior Quarenta

Onde? Santa Rosa, às 16h.

29 de Junho

Festa do Munguzá

Onde? 14 de julho, Centro, às 15h.

29 de Junho

Mata Fome Gigante

Onde? São João da Escócia, às 19h.

29 de Junho

Pela Jegue

Onde? Salgado, às 15h.

30 de Junho

Maior Cozido de Milho

Onde? Indianópolis (parte alta), às 16h.

30 de Junho

Festa da Paçoca

Onde? Jardim Panorama, às 15h.

30 de Junho

Maior Bolo de Trigo do Mundo

Onde? Rendeiras, às 15h.

1º de julho

Maior Pamonhada do Mundo

Onde? Bairro Petrópolis, às 19h.

06 de julho

Maior Caldinho de Feijão Preto

Onde? São João da Escócia, às 19h.

06 de julho

Maior Munguzá do Sertão

Onde? São João das Escócia, às 19h.

13 de Julho

Maior Canjica

Onde? Sítio Peladas, às 18h.

14 de Julho

Xerém com Galinha

Onde? Vila do Rafael, às 15h.

 

Belo Horizonte recebe, no próximo sábado (25) e domingo (26), o Festival de Coxinhas. Para participar do evento, uma empresa especializada no salgado decidiu levar uma novidade ao público que visitar o festival, a coxinha de hambúrguer, uma fusão entre dois dos lanches mais populares do país.

O 'quitute', criado pela carol Coxinhas, é composto por 170 gramas de recheio tradicional, 40g de hambúrguer caseiro com  bacon e queijo cheddar. Ao todo, são 230 gramas de um salgado que promete crocância e um mix de sabores.

##RECOMENDA##

Além da novidade, a empresa também levará ao festival coxinhas de carne seca, bacalhau, pernil, camarão e a vegana. Outro produto que promete chamar atenção no evento é o buquê de coxinhas, que estará, ao lado das outras receitas, disponíveis em 15 stands diferentes da feira.

Serviço

Festival de Coxinhas de Belo Horizonte

Sábado (25) e Domingo (26) - 13h às 21h

Terraço do Boulevard Shopping (Av dos Andradas, Santa Efigênia - Belo Horizonte)

A chef Negra Linda, do Bistrô da Negra Linda, realiza, no próximo sábado (25), mais um Cozinha a Quatro Mãos. Nesta edição do evento, ela recebe a chef Naoko Yamashira, que mistura a culinária oriental com a gastronomia típica da Ilha de Deus. O encontro acontece, às 11h, no Ilha de Deus Bistrô.

##RECOMENDA##

No Cozinha a Quatro Mãos, as duas chefs vão apresentar alguns dos pratos criados e preparados por elas. Estão no menu o Pastel de Sururu, feito com geleia de pimentão, e a Mariscada, servida com arroz e salada de batatas, de Negra Linda. Além disso, Naoko apresenta o Sunomono de Camarão, acompanhado com salada de pepino e porção extra de camarão, e o Bifun de Mariscado, macarrão de arroz feito com Cury e marisco.

O evento também terá apresentações culturais com a Cia de Dança Nativos e visita ao Centro de Artes. Além disso, o público poderá chegar até a comunidade pesqueira da Ilha através de um passeio de barco, promovido pela Catamarã Tours. O trajeto, ida e volta, é opcional e tem o valor de R$ 40.

Serviço

Cozinha a Quatro Mãos

Sábado (25) - 11h

Ilha de Deus Bistrô (Imbiribeira)

R$ 60 (Duas entradas + dois pratos principais + duas sobremesas)

 

O restaurante Douro In recebe, nesta quarta (22), o Happy Hour Mães com Propósito. O evento beneficente, realizado pela Casa Sorrir e pela Smile Train, vai arrecadar fundos para ajudar mães de crianças que precisam ou estão em tratamento reparador de fissura labiopalatino ou fenda palatina.

Participam do Happy Hour dois especialistas que vão falar sobre relacionamentos entre mães e filhos. Entre eles estão oscar Vilaça, psicólogo clínico com formação no atendimento a crianças e adolescentes, e a administradora de empresas gabriela Didier, coach e especialista nos temas de felicidade, inteligência positiva e desenvolvimento humano.

##RECOMENDA##

Para participar do evento, é preciso fazer uma doação no valor de R$ 150 na conta do Instituto José Eduardo Mendonça. Toda a renda arrecadada será repassada para a Casa Sorrir e Smile Train, sediada na Ilha do Leite.

Serviço

Happy Hour Mães com Propósito

Restaurante Douro In (Avenida República Árabe Unida, 251 Shopping RioMar - Piso L1 - Pina)

R$ 150

Depósito: Banco Bradesco - 237/Ag.: 3190-9/Conta: 30214-7

CNPJ: 29.400.609/0001-30

Informações: (81) 3019-6603

 

[@#galeria#@]

A UNAMA - Universidade da Amazônia realizou nos dias 16 e 17 de maio, em Belém, a VI Feira de Tecnologia de Alimentos, no hall de entrada do campus Alcindo Cacela. O evento foi organizado pelo coordenador do curso de Nutrição, Bruno Morais, também professor da disciplina de Tecnologia de Alimentos dos alunos do 5º semestre.

##RECOMENDA##

Segundo o coordenador, a feira é parte da segunda avaliação dos alunos e tem como objetivo apresentar novos produtos, elaborados com ingredientes regionais, sustentabilidade e voltados para a segurança alimentar. Segundo a acadêmica Brena Filgueiras, a atividade proporciona experiência profissional e crescimento pessoal. "É arregaçar a manga e criar um produto à base de uma coisa que a gente não conhecia", afirmou.

A aluna ressaltou, ainda, que na universidade todos os dias aprende um pouco mais. Com suporte para pesquisar, criar e desenvolver, destaca, o conhecimento quebra barreiras e o que era desconhecido se torna surpreendente.

  Segundo Darcianny Melo, também estduante de Nutrição, a feira foi uma excelente oportunidade de mostrar para a população como aroveitar uma fruta praticamente em sua totalidade, bastando um pouco de criatividade. "Foi muito legal ver no rosto das pessoas a surpresa quando falávamos que aquele produto era feito com a casca da melancia. Muitos experimentaram várias vezes. Fomos abordados por pessoas que queriam comprar o produto, outras perguntavam se já estava à venda em supermercados, e isso, para nós estudantes, é extremamente gratificante", disse.

“Desde o início do ano a gente trabalhou o pensamento na utilização desses produtos, dentre eles azeite de pixuri, pasto da entrecasca da melancia e croquete de gurijuba. Esses produtos foram desenvolvidos na feira com intuito de valorizar a matéria-prima com a criatividade dos alunos”, afirmou o coordenador. A feira foi aberta ao público, com degustação.

Por Rodrigo Santos.

 

Estrela da televisão, famoso por seus programas de TV e livros de receitas, o chef inglês Jamie Oliver anunciou nesta terça-feira (21) a quebra de sua rede de restaurantes britânicos, uma ameaça para seus 1.300 funcionários.

A menos de uma semana de completar 44 anos, Oliver anunciou a falência de seu grupo - que inclui as redes Barbecoa Steakhouse e Jamie's Italian -, lançado em 2008 e presente em todas as grandes cidades britânicas.

##RECOMENDA##

"Estou muito triste com o que está acontecendo e gostaria de agradecer aos nossos funcionários e fornecedores que há mais de dez anos se dedicam de corpo e alma a essa atividade", disse Oliver em um comunicado.

Os 25 estabelecimentos do chef, que ficou famoso em seu país há cerca de 20 anos antes de se tornar mundialmente conhecido, passaram à administração judicial do escritório KPMG. Imediatamente depois, a instituição informou que 22 deles foram definitivamente fechados.

"Lamentavelmente, esses fechamentos resultarão em aproximadamente mil demissões", de 1.300 funcionários do grupo, afirmou o KPMG, esclarecendo que os restaurantes de Oliver no exterior não serão afetados.

"As condições de negócio no setor da restauração são mais duras do que jamais se viu" no Reino Unido, disse um dos administradores do KPMG, Will Wright.

Este anúncio abala a opinião pública no Reino Unido, onde Jamie Oliver é uma personalidade bastante conhecida por ter publicado inúmeros livros de culinária e aparecido em inúmeros programas de televisão.

Graças à sua imagem de superastro televisivo, Oliver ajudou a melhorar a reputação da gastronomia britânica, mas segundo o sindicato Unite seu negócio perdeu-se numa estratégia de "expansionismo rápido demais" construindo um verdadeiro império gastronômico em um setor onde a concorrência é bastante acirrada.

- Desvalorização da libra -

Apenas com a rede Jamie's Italian, alcançou 37 restaurantes no Reino Unido, mas nos últimos dois anos foi forçado a fechar 12 deles, por dificuldades financeiras, entre outras coisas, no Brexit.

Devido à depreciação da libra esterlina desde o referendo em junho de 2016, quando o país decidiu deixar a União Europeia, os preços dos ingredientes usados para preparar seus pratos italianos ficaram mais caros, explicou.

Com seus pratos simples e criativos, Oliver devolveu para os ingleses, cuja culinária é muitas vezes insultada no mundo, o desejo de cozinhar, aparecendo na tela da televisão vestindo jeans e camiseta, sem utensílios complicados e técnicas elaboradas.

Depois de dar seus primeiros passos aos 19 anos como pasteleiro no restaurante italiano Antonio Carluccio em Londres, ele trabalhou em outro estabelecimento de comida italiana, o River Café, com uma estrela Michelin, antes de um canal de televisão lhe oferecer seu próprio programa da culinária.

Ele investiu uma parte de sua nova fortuna na abertura de um restaurante em Londres, o Fifteen, que treinava jovens de origens desfavorecidas e se lançou em defesa da culinária saudável e equilibrada em cantinas escolares britânicas com a série de reality show "Jamie's School Dinners".

O chef inglês Jamie Oliver, famoso por seus programas de televisão e livros de receitas, anunciou a falência de seus restaurantes nesta terça-feira, o que ameaça cerca de 1.300 empregos.

A maioria dos estabelecimentos envolvidos pertencem à cadeia italiana de Jamie, que o chef britânico lançou em 2008.

##RECOMENDA##

Segundo a BBC, um total de 25 restaurantes desse jovem chef transformado em superstar e empresário será afetado.

"Estou muito triste com o que está acontecendo e gostaria de agradecer aos nossos funcionários e fornecedores que há mais de dez anos se dedicam de corpo e alma a essa atividade", disse Oliver em um comunicado.

A mídia britânica alegou que seus restaurantes foram colocados sob administração judicial pelo gabinete da KPMG, que agora irá procurar um ou vários compradores para toda ou parte da atividade.

Se ninguém aceitar o negócio, os estabelecimentos serão fechados.

Este anúncio abala a opinião pública no Reino Unido, onde Jamie Oliver é uma personalidade bastante conhecida por ter publicado inúmeros livros de culinária e aparecido em inúmeros programas de televisão.

No início de 2017, o chef já havia anunciado o fechamento de seis estabelecimentos da cadeia italiana de Jamie no Reino Unido.

Ele acusou o Brexit de ter causado um aumento dos preços - devido à desvalorização da libra esterlina desde o referendo de junho de 2016 - dos ingredientes usados para preparar seus pratos italianos.

A Nestlé está preparando uma novidade para os amantes de chocolate. Visando o inverno, a empresa de alimentícios vai lançar em junho as versões do Galak em pó e líquido.

Os produtos serão distribuídos nos supermercados em uma edição limitada. Assim como o Galak, os consumidores poderão levar também para casa o Chocolate Quente Classic, aquele que tem dois frades experimentando uma receita na embalagem icônica da Nestlé.

##RECOMENDA##

Para quem quiser adquirir, a empresa sugere que os achocolatados em pó sejam vendidos por R$ 7,99. Já a versão pronta para beber sairá pelo preço de R$ 3,99. Na internet, a notícia agradou. "Com esse frio, só assistindo Netflix mesmo", comentou um dos usuários do Twitter.

A culinária permite apreciar pratos que representam a cultura e a memória afetiva de uma sociedade. Buscando as mais diversas práticas de se apresentar os sabores da região Norte, o I Simpósio Amazônico de Gastronomia da UNAMA – Universidade da Amazônia, unidade Ananindeua, será realizado nos dias 17 e 18 de maio com abertura oficial a partir das 17 horas, no auditório I. As inscrições podem ser feitas pelo site extensao.unama.br.

O tema do simpósio é “Cultura e Sustentabilidade em foco”, com participações de grandes chefs de cozinha regionais e nacionais. O encontro também terá espaços para praça de alimentação e feira de pequenos produtores, valorizando os produtos regionais como Empório Chicano, Casa da Farinha e Sítio Mearim.

##RECOMENDA##

Mostrar a importância de engajar a gastronomia com o desenvolvimento do meio ambiente é um dos objetivos do evento. De acordo com a responsável pelo simpósio, a professora do curso de Gastronomia da UNAMA Ananindeua Sabrina Moraes, serão dois dias inteiros de programação e exposições valorizando as produções do estado do Pará e enfatizando a biodiversidade da região. “A Amazônia apresenta uma culinária bem especifica e, por isso, precisamos começar a pensar em sustentabilidade como forma de preservar a nossa cultura e culinária paraense”, afirmou.

A professora destaca a participação de produtores rurais no evento. “Alguns dos expositores são empreendimentos de nossos alunos egressos e teremos até pratos premiados internacionalmente à disposição para o público. Temos muitos talentos no nosso estado e precisamos valorizar mais isso”, destacou Sabrina.

Serviço

I Simpósio Amazônico de Gastronomia – Cultura e Sustentabilidade em foco.

Data: 17 e 18 de maio.

Horário: a partir das 17h.

Local: Auditório 1 – UNAMA campus Ananindeua, Rodovia BR-316 Km 3, 100.

Por Alessandra Fonseca/Ascom UNAMA.

 

Começa, nesta quinta (16), a 14ª edição do Brasil Sabor. Promovido pela Abrasel, o festival gastronômico nacional tem o objetivo de celebrar os ingredientes e sabores regionais com o tema Original do Brasil. Na Região Metropolitana do Recife, 32 restaurantes participam com opções de carnes, frutos do mar e massa, entre outros menus.

Até o dia dois de junho, mais de 30 restaurantes do Recife, Olinda, Ipojuca, Caruaru e Jaboatão dos Guararapes participam do festival. Cada estabelecimento desenvolveu um prato especial dentro da proposta do tema que será vendido a um preço especial durante todo o evento. No cardápio, há opções para todos os gostos, indo dos petiscos até pratos completos.

##RECOMENDA##

Entre os participantes desta edição estão as três unidades do Camarada Camarão, Plim, Cia do Chopp, Restaurante Senac, Rock Ribs, Dinny,  Itcoffe, Porto Mix, Hakata, Caldinho do Nenen, Bonaparte (Aeroporto), Malagueta, Bistrô Ilha de Deus, Ilha Camarões, Ilha do Guaiamum, Ilha dos Navegantes, Ilha Sertaneja, Ilha da Kosta I e 12 lojas do Grupo Julietto. A lista completa dos restaurantes, bem como os pratos preparados para o festival, podem ser conferidos no site do Brasil Sabor.

Serviço

14° Brasil Sabor

Quinta (16) até dois de junho

Recife, Olinda, Ipojuca, Caruaru e Jaboatão dos Guararapes

O Festival de Comida Ogra e o Burguer Cult resolveram se juntar, em 2019, formando o Superfestival. A partir da próxima sexta (17), até o dia 2 de junho, 39 estabelecimentos do Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes e Paulista participam do evento oferecendo criações exclusivas e grandiosas para o público.

Além dos hambúrgueres, típicos do Burguer Cult, os comensais poderão encontrar pizzas gigantes, barcas de açaí, mega temakis, sobremesas na taça, além de criações diferenciadas como sanduíches orientais e mix de comidas árabes, entre outras criações.

##RECOMENDA##

Entre os participantes, estão: Aika Sushi (Pina e Centro), Açaí Natumix (Carrefour Domingos Ferreira), Café 285 (Espinheiro),Fahrenheit 150 (Setúbal), Clock Pizza (unidades Piedade e Pina), TavernaBurgBeer (Espinheiro), Mr Hoppy Beer & Burger (Boa Viagem e Graças), Thorpes Brigaderia (Espinheiro), Kwai Burger (Jaqueira), Kangaroo Burger N'Bar (Santana), Pobre Juan (RioMar), Hotel Ibis Boa Viagem (Boa Viagem), BigBurger 500 (Ipsep), Burgaçai Burgeria e Naturais (Ipsep), Dom Black (Boa Viagem e Graças), Estação Kebab (Parnamirim), O Quintal (Candeias), Jolu Comedoria( Candeias), Parada Obrigatória (Boa Viagem), Tem.Maki & Beer (Casa Forte), Wayne´s Burger Star (Boa Viagem e Graças), Zapp Burger (Várzea) e Porky´s Original Burger (Janga).

Além disso, o festival contará com a tradicional Olimpíada Ogra, com provas teóricas e práticas dentro do conceito gastronomia. A disputa acontece entre quatro equipes que deve provar qual delas entende melhor sobre o assunto. A brincadeira acontece no dia 25 de maio, no Mr Hoppy Beer & Burguer.

Neste domingo (12), data em que é celebrado o Dia das Mães, que tal levar a sua mãe para um almoço especial? Alguns restaurantes do Recife prepararam menus especial para que as famílias possam comemorar este dia com boa comida e um bom momento juntos. Confira esse roteiro e escolha onde levar a mamãe.

Restaurante Leite

##RECOMENDA##

O chef Bigode preparou um menu com opções variadas de entradas, pratos principais e sobremesas. Para a entrada, as sugestões são Panqueca de Lagosta, Iscas de Carne de Sol Acebolada e Camarão Crocante com Molho Agridoce. Para o prato principal, há sete opções, entre elas, o Camarão a Marta Rocha (Camarão ao creme gratinado com linguine e catupiry) e a Lagosta Especial (Lagosta grelhada com molho de manteiga e arroz de ervilhas frescas). Já para a sobremesa, as mamães poderão escolher entre Trufa de Morango, Torta de Limão e Leite Creme e a tradicional cartola.

Serviço

Restaurante Leite

Praça Joaquim Nabuco, 147 - Santo Antônio

A partir das 11h

32247977 ou 98853-3277

Chiwake

O restaurante especializado em comida peruana preparou um prato especialmente para a data. O prato serve duas pessoas e conta com camarões gratinados sobre espaguete em salsa huancaina (creme de queijo com gengibre) e alho poró crocante.

Serviço

Chiwake

Rua da Hora, 820 - Espinheiro

Das 12 às 17h

3423-1529

Chicama

A receita do Chicama para o Dia das Mães conta com salmão gratinado em salsa cremosa de tomates secos e alcaparras acompanhado por bolinhos de batata com macaxeira e fios de legumes crocantes. A criação é assinada pelo chef Biba Fernandes.

Serviço

Chicama

Av. Eng. José Estelita, s/n - cabanga

Das 12h às 17h

99185-4177

Ponte Nova

A sugestão do chef Joca Pontes, do restaurante Ponte Nova, é o Magret Mundi. O prato consiste em um magret de pato grelhado ao molho de tamarindo com laranja, amendoim torrado, pastel de vegetais ao vapor com cogumelos sobre quibebe de jerimum.

Serviço

Ponte Nova

Rua do Cupim, 172 - Graças

3327-7226

Vila Cozinha de Bistrô

O restaurante especializado na culinária francesa destaca para o Dia das Mães o Risotto de Camarão. O prato é composto por arroz arbóreo com camarões ao creme de ervas com brócolis, vagem, abobrinha e queijo parmesão, finalizado com calda de damasco e amêndoas torradas.

Serviço

Villa Cozinha de Bistrô

Área Gourmet, Piso L1 do Shopping Tacaruna

Chalé.92

O Chalé.92 vai oferecer um 'menu premium' para o buffet neste domingo. Entre as opções se destacam a cioba recheada com farofa de camarão e abacaxi, salmão ao molho siciliano e musseline de couve-flor, camarão ao thermidor e a picanha grelhada com musseline de mandioquinha.

Serviço

Chalé.92  

Rua das Pernambucanas, 92 - Graças

Das 11h30 às 15h

99765-7109

Outback Steakhouse

Já o Outback Steakhouse preparou uma surpresa diferente. As mães que foram almoçar com os filhos, neste domingo, serão presenteadas com uma ecobag customizada. As cores do acessório representam o pôr do sol do deserto da Austrália e os tons terrosos daquela região.

Serviço

Outback Steakhouse

Shoppings Recife e RioMar

3035-0930 e 3040-3886

Via Del Mare Restaurante - Bristol Recife Hotel

No Bristol, as mães encontrarão um buffet livre. Entre as opções, haverá saladas, carnes, peixes e frangos. Para a sobremesa, tortas de limão, chocolate, doce de leite, pudim, doce de banana e de abacaxi. Além disso, as famílias poderão curtir o show do cantor Luca de Melo.

Serviço

Via Del Mare Restaurante - Bristol Recife Hotel

Rua Maria Carolina, 661 - Boa Viagem

989256133

 

O "Receita da Hora" está de volta com uma temporada recheada de novos sabores. A atração produzida pela TV UNG é uma parceria entre os cursos de Gastronomia e Comunicação Social da Univeritas/UNG e tem apresentação de Deborah Sisti.

No primeiro episódio, a chef que também é coordenadora do curso de Gastronomia prepara um saboroso Tarte Tatin, ou torta invertida, como é popularmente conhecida. "É uma receita extremamente fácil, prática e, melhor ainda, bem gostosa", comenta Deborah, que em 2015 participou do programa "Hell's Kitchen - Cozinha Sob Pressão", dos SBT.

##RECOMENDA##

Enquanto prepara o prato de origem francesa, a chef também compartilha curiosidades e a divertida história que deu origem ao Tarte Tatin.

por Junior Coneglian

Assista o "Receita da Hora":

[@#video#@]

O padeiro Jean-Yves Boullier se levanta todos os dias às 2h da madrugada e a primeira coisa que faz é verificar a previsão do tempo, informação crucial para alcançar a "baguette" perfeita, que a França espera incluir em 2021 no Patrimônio Mundial da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

"Errar uma baguete pode acontecer. Somos muito dependentes do tempo. Temos que medir a temperatura da massa, da água, do forno", explica o padeiro. O ideal é que haja calor - mas não mais do que 22ºC - e umidade - embora não muito -, ou o pão amolece.

##RECOMENDA##

Farinha, água, fermento e sal. A receita é simples, mas a arte é difícil para esta joia da gastronomia francesa tradicionalmente celebrada durante uma semana em maio (de 13 a 19 este ano).

Além dos gestos indispensáveis como uma sova lenta, uma longa fermentação, modelagem manual e cocção em um forno próprio, tudo se apoia no "savoir-faire", explicam os profissionais.

"O segredo de uma boa baguete: muito tempo e fermentação longa. Nossa baguete de tradição é misturada no dia anterior, permanece em descanso e, depois, fermentação por entre 18 e 24 horas com muito pouco de fermento, o que permite desenvolver os sabores", explica Jean-Yves Boullier, da padaria Le Moulin de la Croix Nivert, em Paris.

Sua definição da baguete perfeita?: "Muito alveolada, crocante, com um miolo consistente e muito sabor".

Símbolo da França, a baguete é, no entanto, um produto relativamente recente e em constante evolução.

"A palavra baguete surgiu no início do século XX e se popularizou entre as duas guerras mundiais. No início, a baguete era considerada um produto de luxo, enquanto as classes populares comiam pães rústicos, que se conservam melhor. Então, o consumo se generalizou, e a baguete chegou às zonas rurais nas décadas de 1960 e 1970", explicou à AFP Loïc Bienassis, do Instituto Europeu de História e Culturas Alimentares.

Em 1993, o "decreto pão" estabeleceu a apelação da "baguete de tradição francesa", visando a proteger os padeiros artesanais e impondo, ao mesmo tempo, condições muito estritas, tais como a proibição de aditivos.

- Mudanças de hábitos -

"Em 1988, quando comecei, não fazíamos baguetes na parte da tarde. Em 1993, nós começamos a nos questionar. Mudamos para competir com os supermercados", ressalta Jean-Yves Boullier, que agora faz baguetes o dia inteiro.

A baguete normal é vendida alguns centavos mais barata, mas, em questão de sabor, é "incomparável" com a "tradição".

"A 'baguete de tradição' é sovada numa velocidade mais baixa, o que não estraga a farinha", explica o padeiro.

"Eu levanto às 2h da manhã. Começamos a dividir as massas que preparamos no dia anterior até as 5h, colocamos na forma e, às 5h30, começamos a assar para a abertura às 6h30. Até 9h, assamos 'baguetes' para as escolas e, em seguida, começamos a preparar as massas para o dia seguinte. Meu dia termina por volta das 13h30", explica.

Um ritmo que faz que as padarias tenham sérios problemas em encontrar pessoal.

E, apesar do fato de que cerca de 6 bilhões de baguetes saem a cada ano dos fornos franceses, este pão é ameaçado pela globalização e por mudanças nos hábitos alimentares.

"O consumo caiu acentuadamente nos últimos 10-15 anos", diz Jean-Yves Boullier, que aguarda com expectativa a entrada da baguete na lista de Patrimônio Imaterial da Humanidade.

Assim como no caso da carne, o consumo de baguetes tem diminuído entre as classes privilegiadas que optam por pães rústicos, mais interessantes do ponto de vista nutricional, de acordo com Loïc Bienassis.

"Os cereais têm substituído as torradas. Os adolescentes muitas vezes pulam o café da manhã. Os hambúrgueres têm suplantado o tradicional pão com presunto e manteiga", lista o historiador, que faz parte do comitê científico que prepara o caso para a Unesco.

O sociólogo da alimentação Eric Birlouez, membro do mesmo comitê, insiste no poder do pão para tecer laços sociais.

"Doze milhões de franceses entram todos os dias numa padaria, um lugar agradável e acessível, onde todas as gerações se cruzam, onde chaves são deixadas, e crianças são enviadas para fazer suas primeiras compras", ressalta.

José Loreto voltou a ser criticado nas redes sociais, dessa vez por conta de um comentário seu. Ao deixar uma observação na foto de uma colega de trabalho, a atriz Fernanda de Freitas, o ator recebeu inúmeras críticas e ficou mal visto junto aos seguidores da atriz.

Fernanda, que está no ar na mesma novela de Loreto, O Sétimo Guardião, publicou uma foto feita durante o ensaio de uma cena da trama. Na imagem, ela aparece prestes a dar um beijo na colega Yanna Lavigne, ambas são assistidas pelo diretor Allan Fiterman, ao que José Loreto comentou: "A cara de tarado do diretor".

##RECOMENDA##

Os seguidores da atriz não gostaram nem um pouco da brincadeira e criticaram o comentário do ator. "Não dá uma dentro né amigo?"; "Só fala e faz merda atrás de merda, não?"; “Tão desconstruído no Amor e Sexo e tão babaca na vida. Que pena”; “Eu até acreditava naquele José Loreto desconstruído... Mas está difícil. Desconstrua essa ideia de que mulheres lésbicas são objetos e feitas para satisfazerem fetiches masculinos”.

 

Começa nesta quinta (2) a quarta edição do Recife Coffee. Até o dia 2 de junho, 35 cafeterias do Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Porto de Galinhas e Petrolina vão participar do festival com menus especiais ao valor de R$ 25,90.

Realizado pela Associação dos Empresários de Cafeterias de Especialidade de Pernambuco (ASCAPE), o festival tem o objetivo de fortalecer o mercado de cafeterias autorais além de estimular o público a beber mais café. Este ano, o evento chega ao sertão com a participação do Café de Bule, na cidade de Petrolina.

##RECOMENDA##

Para o festival, as cafeterias participantes prepararam um menu especial com valor fixo de R$ 25,90. Por esse preço, o cliente poderá consumir um café, um salgado e uma sobremesa. Os estabelecimentos participantes estão listados no site do evento.

Serviço

Recife Coffee 2019

De quinta (2) ate 2 de junho

Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Porto de Galinhas e Petrolina

R$ 25,90 (sugestão do barista)

Foi encontrado, na tarde desta segunda (29), o corpo da modelo Caroline Bittencourt. A modelo estava desaparecida desde o último domingo (28), quando caiu no mar durante um passeio de barco que fazia com o marido, em Ilhabela, São Paulo. A informação foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros local.

Caroline e o marido, Jorge Sestini, faziam um passeio de barco, no último domingo (28), quando seu barco foi atingido por uma rajada de vento. Segundo o Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu por volta das 17h, quando o tempo era muito ruim em Ilhabela. A modelo teria caído no mar ao tentar resgatar as cachorras que acompanhavam o casal e não conseguiu voltar à embarcação. O corpo dela foi encontrado próximo à Praia das Cigarras, em São Sebastião.

##RECOMENDA##

Caroline Bittencourt tinha 37 anos e era modelo há duas décadas. ela já havia trabalhado também na televisão, como repórter do programa Top Report, na Rede TV!, e no Hoje em Dia, da Record. Ela deixa o marido e a filha Isabelle Bittencourt, de 17 anos.

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando