Notícias

| Cidades

O governo de Pernambuco coloca em funcionamento, nesta segunda-feira (24), mais um centro de testagem para detecção da Covid-19. O novo ponto está localizado no Parque Dona Lindu, no bairro de Boa Viagem, Zona Sul do Recife.

Com capacidade inicial para 500 exames por dia, o serviço funcionará de domingo a domingo, das 8h às 17h, por demanda espontânea. No final deste mês, outro ponto, no Centro de Convenções (Cecon), em Olinda, será aberto para ampliar o acesso da população à testagem.

##RECOMENDA##

"A testagem, principalmente com a introdução da variante Ômicron, é fundamental para que possamos rastrear os contatos de casos confirmados de Covid-19, isolando os positivos e contendo, assim, a disseminação do vírus. Os dois novos centros sob gestão estadual vão facilitar o acesso da população pernambucana à testagem pelo SUS, de forma gratuita, ampliando nossa capacidade e reforçando a vigilância do novo coronavírus em nosso território", ressalta o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Para atender à demanda, o centro de testagem do Dona Lindu terá uma equipe multiprofissional, com enfermeiros e técnicos de enfermagem. O serviço, instalado próximo à bilheteria do Teatro Luiz Mendonça, atenderá apenas pedestres.

O centro estadual de testagem para a Covid-19 do Cecon deverá ser inaugurado no fim do mês, atendendo tanto a demanda de pedestres como a demanda de drive-thru, de domingo a domingo, das 8h às 17h, por demanda espontânea.

LeiaJá tambémConfira os locais de testagem da Covid em Recife e Olinda

Pontos de testagem em outras cidades

A Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco reforça que a rede municipal também conta com serviços de testagem para a Covid-19. Cerca de 650 pontos espalhados por todo o Estado funcionam sob gestão municipal. A lista completa pode ser conferida no link.

Na última sexta (21), um jovem de 14 anos morreu eletrocutado em sua casa, localizada no bairro da Bela Vista, no Cabo de Santo Agostinho, município localizado na Região Metropolitana do Recife. Eliel Júlio Cosmo Ferreira sofreu o choque depois de subir as escadas de sua residência e entrar em contato com o portão.

O adolescente foi socorrido por um vizinho, que o conduziu de carro até a UPA do Cabo. Eliel já estava desacordado quando chegou à unidade de saúde. À TV Jornal, a mãe do jovem, Elisama Cosmo da Silva, contou que, antes do incidente, ele havia saído para a academia, da qual voltou por volta das 21h.

##RECOMENDA##

"Ele chegou, subiu as escadas e pegou na grande. Ele ainda me chamou. A minha prima, que estava temperando as carnes, ouviu ele chamar: 'mãe'. Eu estava tomando banho. Foi minha prima que disse que achava que ele estava tomando um choque. Eu pensei que era brincadeira. Quando eu vi, ele estava 'bem paradão'", comentou. Elisama relata ainda que não percebeu que o jovem havia sofrido um choque elétrico. "No começo eu pensei que ele estava só passando mal e fui segurar na mão dele. Eu não sei se é porque eu estava molhada, mas quando eu coloquei a minha mão ele soltou e caiu, bateu numa parede que tem de frente para uma escada e saiu 'embolando'. O meu maior cuidado era para que ele não machucasse a cabeça, para não dar trauma. Pensei na possibilidade dele resistir, não pensei que fosse tão grave. Vesti qualquer roupa, desci e fiquei desesperada, pedi socorro a todo mundo. Não dava para esperar o SAMU do jeito que estava”, completou.

Foi quando o pintor Sandro Manuel, que passava em seu veículo pelo local, socorreu mãe e filho. "Eu saí desesperado e fiz o que deu para fazer. Levei para a UPA, chegando lá o atendimento ocorreu 'de boa'. Levaram ele para a sala vermelha (de atendimento emergencial). Infelizmente ele veio a falecer. A mãe dele e o tio estavam comigo", comentou Manuel.

O aumento da demanda por testes de Covid-19 em meio ao agravamento de doenças respiratórias na Região Metropolitana do Recife fez com que a capital pernambucana e Olinda ampliassem os locais de exame. O LeiaJá listou os pontos disponíveis nos dois municípios. A Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes foi procurada, mas não informou sobre os centros até a conclusão da matéria.

Para evitar aglomerações e demora nos atendimentos, os pacientes sintomáticos do Recife devem agendar o exame a partir das 18h do dia anterior. Os testes rápidos de antígeno detectam o vírus ativo e saem cerca de 15 minutos após a coleta feita das 8h às 17h.

##RECOMENDA##

O Aplicativo Conecta Recife é a plataforma de agendamento para os seguintes pontos fixos:

- Parque da Macaxeira, na Zona Norte;
- Compaz Ariano Suassuna, no bairro do Cordeiro, na Zona Oeste. 

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, os dois centros ofertam 800 testes diariamente. Duas unidades do Sesc também recebem o público com 600 testes diários:

- Sesc Santo Amaro, no Centro;
- Sesc Casa Amarela, na Zona Norte. 

Já o aplicativo Atende em Casa garante a marcação nas seguintes unidades da rede municipal de saúde:

- Policlínica Waldemar de Oliveira, em Santo Amaro, no Centro;
- Upinha Eduardo Campos, na Bomba do Hemetério, na Zona Norte;
- Centro de Saúde Professor Mário Ramos, em Casa Amarela, na Zona Norte;
- Upinha Moacyr André Gomes, no Morro da Conceição, na Zona Norte;
- Upinha Vila Arraes, na Várzea, na Zona Oeste; 
- Centro de Saúde Professor Romero Marques, no Prado, na Zona Oeste;
- Centro Social Urbano (CSU) Afrânio Godoy, na Imbiribeira, na Zona Sul;
- Policlínica Arnaldo Marques, no Ibura, na Zona Sul. 

Olinda

Em Olinda, a Prefeitura informou que 22 locais estão disponíveis, mas não especificou a capacidade de testagem diária. Não há necessidade de agendamento e os pacientes devem apresentar o comprovante de residência quando forem ao locais.  

- Centro de Testagem, ao lado da Policlínica João Barros Barreto, no bairro do Carmo. O atendimento ocorre de segunda à sexta, das 8h às 17h, e aos sábados até às 13h;
- Policlínica São Benedito, na Rua Dunas, de segunda à sexta, das 13h às 17h;
- Policlínica Rio Doce II, na Rua Coronel Frederico Lundgren, de segunda à sexta, das 13h às 17h;
- Clube Atlântico, Av. Sigismundo Gonçalves, 1002, no Carmo. 


As 18 unidades de atenção básica à saúde também ofertam o teste das 8h às 13h:

- Alto da Bondade II, Rua da Linha, S/N;
- Caixa D água I, Rua Francisco Gomes, S/N;
- Alto da Conquista I/II, Rua da Tijuca, S/N;
- Águas Compridas I/II, Estrada de Águas Compridas, S/N;
- Águas Compridas III, Rua Nelson de Melo Paes, Águas Compridas, S/N;
- Sapucaia II/III, Rua 02 de Fevereiro, S/N;
- Base Rural, Rua Margarida Alves S/N;
- Azeitona I, Rua Belmiro Odilon de Oliveira, 170;
- Sítio Novo I/II, Rua Isabel Burgo Vieira Ferreira, 146;
- Vila Manchete, Rua Genipapo, S/N;
- Amaro Branco, Rua Frei Afonso Maria, 240;
- Bultrins Monte II, Rua Pref. Manoel Regueira, 821;
- Ilha de Santana I/II, Av. da Integração, S/N;
- Rio Doce V Etapa, Rua 14, S/N;
- Jardim Atlântico, Rua Rutilo, 21;
- Jardim Fragoso, Rua Humberto de Lima Mendes, S/N;
- Cidade Tabajara I. Rua Nevada, 100;
- Cidade Tabajara II: Rua Potiguar S/N;
- USF Passarinho, na Estrada de Passarinho.

 Um relatório desenvolvido pelo Instituto Aggeu Magalhães (IAM/Fiocruz-PE) confirma a prevalência da variante Ômicron em Pernambuco. De acordo com os dados, divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) nesta sexta (21), dos 158 genomas analisados, 145 (91,8%) foram identificados como linhagem Ômicron, enquanto outras 13 amostras (8,2%) foram associadas à linhagem Delta.

Os casos de Delta foram registrados em munícipes das cidades de Araripina (1), Cabrobó (4), Recife (6), Petrolina (1) e Serra Talhada (1). Já os resultados de Ômicron foram oriundos de coletas em pacientes de Recife (94), Fernando de Noronha (45), Paulista (2), Carnaubeira da Penha (1), Sertânia (1), Garanhuns (1) e Jaboatão dos Guararapes (1).

##RECOMENDA##

As amostras analisadas foram coletadas entre os dias 28/12/2021 e 13/01/2022. O último levantamento, divulgado no dia 14 de janeiro, indicava que 68% dos genomas observados eram de linhagem Ômicron.

"Por meio de nossa parceria com a Fiocruz-PE temos ampliado constantemente e agilizado o sequenciamento genético no Estado. Ontem anunciamos que, segundo análise da Opas/OMS, Pernambuco é o segundo Estado do país que mais realizou sequenciamentos genéticos, detectando a presença da variante Ômicron. Isso não significa que o Estado tenha mais casos, mas que conseguiu detectar mais, a partir de parceria firmada com o Instituto Aggeu Magalhães, responsável por esse trabalho", comenta o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Longo destaca ainda que o cenário de prevalência da Ômicron reforça a importância da vacinação. "A variante Ômicron tem uma capacidade de transmissão muito superior às outras variantes, conseguindo contaminar de forma recorrente até mesmo as pessoas que já estão vacinadas. No entanto, não podemos esquecer que mesmo que a vacina não nos deixe livres da infecção, a doença em não vacinados tem um impacto muito pior. O fato de não estar vacinado, ou só parcialmente vacinado, pode significar hospitalização e morte. Portanto, uma nova onda da Covid-19 terá seu tamanho e gravidade diretamente proporcional à cobertura vacinal completa que tivermos. Por isso, precisamos vacinar o maior quantitativo possível de pessoas, e rápido. Além disso, também é fundamental o respeito aos protocolos e o reforço nos cuidados para minimizar a aceleração viral e evitar ainda mais pressão sobre a rede de saúde", afirma Longo.

A Agência Estadual do Meio Ambiente (CPRH) divulgou o estudo permanente de monitoramento da qualidade da água nas praias de Pernambuco (balneabilidade) para a semana de 21 a 27 de janeiro. Nove praias foram consideradas impróprias para banhistas, entre elas as praias de Candeias e Barra de Jangada, duas das mais frequentadas na Região Metropolitana do Recife.

Segundo a CPRH, a balneabilidade é o conjunto de fatores que define a qualidade da água para fins de recreação de contato primário, ou, seja, contato direto e prolongado, onde existe a possibilidade de ingerir quantidades consideráveis de água. A classificação das praias é feito com base na quantidade de coliformes fecais encontrados na água, em amostras coletadas durante vários dias.

##RECOMENDA##

O Programa de Monitoramento da Qualidade das Praias de Pernambuco conta, atualmente, com 50 pontos de amostragem distribuídos em onze municípios, situados em três regiões geográficas.

Confira as praias analisadas pela CPRH:

Com o objetivo de garantir acesso à testagem gratuita da Covid-19 para a população, o Programa TestaPE terá ações no município do Jaboatão dos Guararapes, neste final de semana, no sábado (22) e domingo (23). A iniciativa da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), que disponibilizará mil testes rápidos para estes dois dias, ocorre em parceria com a empresa Consórcio Conorte, que cede um ônibus para funcionar como unidade móvel para o posto de testagem volante.

O ônibus ficará no estacionamento do Hospital Memorial Jaboatāo, no bairro de Engenho Velho, localizado na Avenida General Manoel Rabelo, 126. A ação ocorre neste final de semana, das 9h às 17h, por demanda espontânea sem a necessidade de agendamento. Serão disponibilizados 500 testes para cada dia.

##RECOMENDA##

"A ideia é reforçar a vigilância do novo coronavírus e ampliar ao máximo as testagens em diversos pontos para a detecção da Covid-19", explica a secretária executiva de Vigilância em Saúde da SES, Patrícia Ismael.

Centros de Testagem

Nesta semana, o Governo de Pernambuco anunciou a abertura de mais dois novos centros de testagem contra a Covid-19. As unidades têm previsão de abertura ainda para este mês de janeiro e funcionarão no Parque Dona Lindu, no Recife, e no Centro de Convenções, em Olinda.

Atualmente, Pernambuco conta com seis centros de testagem geridos pela SES-PE, que oferecem exames rápidos de antígeno.

São eles:

Cefospe, na Boa Vista (funciona por agendamento pelo Atende em Casa, de domingo a domingo, das 8h às 17h)

Seduc, na Várzea (funciona por agendamento pelo Atende em Casa ou por demanda espontânea, de segunda a sexta, das 8h às 17h)

Geraldão, na Imbiribeira (funciona por demanda espontânea, de domingo a domingo, das 8h às 17h)

TIP, na Várzea (funciona por demanda espontânea, de domingo a domingo, das 8h às 18h)

Fusam, no bairro da Boa Vista (funciona por demanda espontânea, de domingo a domingo, das 8h às 17h)

Aeroporto, na Imbiribeira (que funciona por demanda espontânea, exclusivo para passageiros em desembarque e funcionários, de domingo a domingo, das 8h às 17h).

Com informações da assessoria

[@#galeria#@]

Para frequentar e consumir em restaurantes locais, a população pernambucana precisa, desde o último dia 14, apresentar o cartão vacinal comprovando, pelo menos, duas doses de vacina contra a Covid-19. A medida tem como o objetivo frear, sem restringir o convívio social, quadros clínicos causados pelo coronavírus e pela H3N2, novo vírus da influenza que provocou um pico de infecções e internações em Pernambuco.  

##RECOMENDA##

Funcionários e prestadores de serviços também devem estar vacinados para circular nesses espaços, de acordo com o decreto estadual. As medidas têm caráter analítico e são válidas até o próximo dia 31, também em espaços culturais, como cinemas, teatros e museus de todo o estado. 

Em rondas durante esta semana, o LeiaJá visitou alguns restaurantes no Centro do Recife, para verificar o cumprimento da nova regra e o que pensam dela clientes e comerciantes. Foram visitados estabelecimentos do comércio, do mercado público da Boa Vista e do Shopping Tacaruna, na última quarta (19) e quinta-feira (20), por volta das 13h. Notou-se, em todos os casos, um conhecimento geral e aceitação das novas regras, mas nem sempre houve sinalização ou o cumprimento do decreto. 

[@#video#@] 

No Mercado da Boa Vista, que fica à Rua da Santa Cruz, não havia sinalização do novo decreto estadual, apenas placas exigindo o uso de máscara; o mesmo se viu nas dependências de cada um dos estabelecimentos. Como a maioria dos restaurantes no local abre apenas de quinta-feira a domingo, ontem (20) foi o primeiro contato de alguns deles com a regra. De acordo com comerciantes ouvidos pelo LeiaJá, o grande desafio será controlar o público e realizar a cobrança do passaporte aos sábados, dia de pico no mercado. 

O comerciante Otacílio Santos, de 41 anos, é proprietário de um restaurante no mercado público, que não apresentava sinalização sobre o decreto. Ele afirmou que recebeu um comunicado da Prefeitura do Recife sobre a regra, em um pedaço de papel. “Hoje é o meu primeiro dia, porque acabamos de abrir, mas ainda não precisei cobrar de ninguém. Acho que o pessoal vai aceitar bem, nunca tive problemas com clientes nem sobre o uso de máscaras, mas só vai dar para saber disso melhor no sábado. O domingo é bem tranquilo, vem mais família, e eles mesmo se prontificam por causa das crianças”, disse. 

Em outro bar, mesmo sem a sinalização, os clientes estavam com seus comprovantes à mão. As mesas do estabelecimento eram as mais cheias do local, tendo recebido um grupo de colegas de trabalho para a comemoração de um aniversário. Para conseguir dar conta de atender os clientes, o gerente do negócio, Arthur Alves, de 27 anos, separou o grupo por 10 em cada mesa, de acordo com as exigências sanitárias. No entanto, pelo pouco espaço disponível na área de alimentação do equipamento, o distanciamento não pôde ser cumprido. 

“A vacinação foi para a gente uma oportunidade de tentar, aos poucos, retomar as nossas práticas profissionais e sociais. Ela está trazendo essa liberdade, porém, sempre com cuidado e observando as questões epidemiológicas atuais. É muito importante a gente poder falar sobre essa apresentação do cartão vacinal, pois só a vacinação traz pra gente a liberdade de frequentar esses lugares. Acho que o decreto é válido, mas é preciso que os estabelecimentos comerciais realmente cumpram o decreto. Que peçam às pessoas e visualizem realmente que é o cartão da pessoa”, declarou a enfermeira infectologista Aracele Cavalcanti, de 41 anos, que estava comemorando o aniversário de um amigo junto aos demais colegas. 

O momento da checagem, como mencionado pela infectologista, também é a principal preocupação do comerciante Lenilson Ferreira de Santana, de 63 anos. Conhecido como “Leleu”, o autônomo hoje é proprietário de um ponto de venda e consumo de bebidas que está no mercado há mais de 50 anos. Lenilson disse que ainda não precisou cobrar de ninguém o passaporte e que a checagem pode dificultar o seu trabalho nos dias de maior movimento. Por outro lado, nota que a clientela, por iniciativa própria, mostra o cartão de vacina e mantém a máscara enquanto aguarda na área externa. 

"Eu creio que vai ter dificuldade do pessoal aceitar. É ruim para controlar, chegar na mesa e pedir. Uma alternativa seria fechar o portão [do mercado] e pedir na entrada; quem fosse entrar, precisaria mostrar. A maioria [dos clientes] aqui é consciente, perguntam o que estão pedindo, mas aqui não está funcionando muito, não. Ao mesmo tempo, pedir na entrada poderia prejudicar a gente, porque na mesa, pelo menos já estão consumindo. Imagina chegar uma turma, tem um ou dois que não têm [o cartão], vai voltar todo mundo”, compartilha. 

Demais visitas 

Além dos restaurantes do mercado público da Boa Vista, o LeiaJá foi a estabelecimentos onde imagens em vídeo não foram autorizadas. Em uma rede de restaurantes que possui unidades nas ruas Nova e Imperatriz Teresa Cristina, a checagem estava sendo feita regularmente, com todos os clientes, e o local dispôs de uma funcionária para higienizar as mãos dos consumidores na entrada. No momento da chegada da reportagem, o senhor Pedro Mota, de 63 anos, posou para a foto (ver galeria) mostrando o cartão de terceira dose. 

Em outros dois restaurantes visitados na rua Matias de Albuquerque, o decreto não estava sendo cumprido. Um deles possuía sinalização e uma funcionária, que pediu para não se identificar, disse que a documentação estava sendo exigida antes do consumo, o que não aconteceu. No segundo caso, o local não possuía placas informativas e a cobrança ainda não estava sendo feita por uma questão de adaptação, de acordo com o coproprietário Vinicius Braz, de 20 anos, que não quis gravar entrevista. 

No Shopping Tacaruna, localizado em Santo Amaro, todas as lojas em ambas as praças de alimentação estavam sinalizadas e cobrando o cartão de vacinação dos consumidores, junto à carteira de identidade, para a comparação dos dados. O LeiaJá também teve acesso a um restaurante do centro de compras, nos quais os clientes foram vistos em mesas com distância de dois metros ou mais, além da exigência de comprovação do documento. Nenhum questionamento, por parte dos clientes, foi presenciado pela reportagem (ver vídeo). 

 

A venda e o uso indiscriminado das vacinas anticoncepcionais para animais em Pernambuco estão proibidos. A determinação foi incluída no Código Estadual de Proteção aos Animais pela Lei 17.663, de autoria do deputado Romero Albuquerque (PP) e está em vigor desde o último dia 10.

Romero explica que o uso de anticoncepcionais para cadelas e gatas é comum, embora seja "completamente desaconselhável, pois em quase 100% dos casos as fêmeas apresentam precocemente o câncer de mama ou de útero, cistos ovarianos e piometra.” A lei, no entanto, diz que, quando prescritos por um profissional, o medicamento inibidor de estro (cio) poderá ser usado, desde que na forma do receituário.

##RECOMENDA##

"Acontece que muitas pessoas optam por aplicar a vacina anti-cio, que é um método mais barato que a castração. O barato de um anticoncepcional sairá muito caro no futuro, causando risco à vida e ao bem-estar do animal e custos ainda mais altos aos tutores", diz o deputado.

Os estabelecimentos que comercializarem os medicamentos sem atender ao estabelecido na lei poderão sofrer sanções administrativas e pagar multa, que varia de R$ 1mil a R$10 mil.

 *Com informações da assessoria.

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) registrou, nesta sexta-feira (21), mais quatro óbitos e 2.266 casos de Covid-19 em Pernambuco. O estado totaliza 20.574 mortes pela doença.

Entre os casos confirmados nesta sexta-feira, 15 são de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag). Os demais 2.251 são leves.

##RECOMENDA##

Pernambuco totaliza 663.854 casos confirmados de Covid-19, sendo 55.640 graves e 608.214 leves. Os oito óbitos ocorreram entre 5 de maio de 2021 e a última terça-feira (18).

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) decidiu, de forma unânime, manter o pagamento de indenização de R$ 15 mil a um cliente que foi obrigado a ficar só de cueca para entrar na agência do banco Santander em Piedade, Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife (RMR). A empresa pode recorrer da decisão.

No dia 19 de março de 2014, por volta das 10h, a vítima identificada como Fábio Queiroz tentou acessar a agência para fazer transferência a pedido da empresa a qual trabalhava. A porta giratória impediu sua passagem em diversas oportunidade e, após tirar todos os itens de metal, inclusive a fivela do cinto, foi orientado em tom irônico pelo segurança a ficar só de cueca para poder entrar.

##RECOMENDA##

Mesmo diante da fila de pessoas que se formou para entrar no banco, o medo de perder o emprego fez o homem tirar a roupa para efetuar a transação. A cena foi filmada por outros clientes e pelas câmeras do estabelecimento, que serviram como prova no processo.

O cliente registrou o ocorrido na delegacia do bairro sob alegação de crime de racismo. "Conforme narrado na exordial, o segurança da agência bancária, de forma inábil e na presença de várias pessoas, fez com que o demandante tivesse que retirar até mesmo o cinto e as calças, exibindo sua peça íntima (cueca), na tentativa de ingressar na agência bancária para realizar pagamentos que fora incumbido de fazer para sua empregadora", escreveu a juíza Catarina Vila-Nova, que argumento ter havido profunda vergonha e humilhação.

Em resposta à acusação, o banco negou a versão da vítima. A instituição afirmou que o cliente se recusou a colocar seus pertences no guarda-volumes, entretanto, segundo a juíza, não produziu qualquer elemento de prova para enfraquecer a acusação. “Por sua vez, o autor trouxe elementos de provas suficientes para comprovar a sua versão dos fatos”, assinalou a magistrada. 

Se não houver reforma da decisão e após o trânsito em julgado do processo, a indenização por danos morais, arbitrada em R$ 15 mil, ainda será corrigida monetariamente pela tabela Encoge, a partir da data da sentença, de acordo com a Súmula 362 do STJ, e com incidência de juros de mora de 1% ao mês, a partir do evento, de acordo com a Súmula 54, do STJ.

A Secretaria de Ressocialização (Seres) suspendeu temporariamente as visitas familiares em 13 das 23 unidades prisionais de Pernambuco, na Região Metropolitana e no interior. O anúncio foi feito pela pasta nesta sexta-feira (21), e é válido para os próximos dois fins de semana. Estão suspensas as visitas dos sábados e domingos que correspondem aos dias 22, 23, 29 e 30 de janeiro. 

De acordo com a Seres, a decisão ocorre diante da alta de infecções por Covid-19 e pela gripe H3N2 no estado, visando evitar que os vírus circulem entre as pessoas privadas de liberdade. Nos demais estabelecimentos penais, as visitas ocorrerão normalmente. A medida será reavaliada semanalmente.  

##RECOMENDA##

Lista de unidades afetadas

- PJALLB (Presídio Juiz Antonio Luis Lins de Barros) – Complexo do Curado  

- PAMFA (Presídio Marcelo Francisco de Araújo) – Complexo do Curado 

- PFDB (Presídio Frei Damião de Bozzano) – Complexo do Curado 

- PIG (Presídio de Igarassu) 

- CPFAL (Colônia Penal Feminina de Abreu e Lima)  

- CPFR (Colônia Penal Feminina do Recife) 

- COTEL (Centro de Observação e Triagem Criminológica Everardo Luna) 

- PIT (Presídio de Itaquitinga) 

- PPBC (Penitenciária Professor Barreto Campelo) 

- PAISJ (Penitenciária Agroindustrial São João) 

- PVSA (Presídio de Vitória de Santo Antão) 

- PRRL (Presídio Rorinildo da Rocha Leão) – Palmares  

- PDEPG (Penitenciária Doutor Ênio Pessoa Guerra) – Limoeiro 

 Mais dois centros de testagem gratuita para a Covid-19 foram abertos no Recife nesta sexta-feira (21). Para controlar o público e evitar aglomerações, a Prefeitura pede que o exame seja agendado um dia antes no aplicativo Conecta Recife.

O Sesc disponibilizou o ginásio da unidade Santo Amaro, no Centro, que já começa a operar nesta sexta (21) e o estacionamento da unidade Casa Amarela, na Zona Norte, que começa as atividades na segunda (24).

##RECOMENDA##

---> Novos pontos de testagem da Covid-19 serão abertos em PE

Cada um dos novos locais vai oferecer 600 testes rápidos de antígeno diariamente, das 8h às 17h. O agendamento abre às 18h do dia anterior.

A Prefeitura informou que 26.500 testes foram feitos. Além das unidades do Sesc, o Parque Urbano da Macaxeira, na Zona Norte e Compaz Ariano Suassuna, no Cordeiro, Zona Oeste, também funcionam como centros de testagem, todos os dias, das 9h às 16h.

Oito unidades de saúde da rede municipal ainda disponibilizam o serviço conforme agendamento no aplicativo Atende em Casa, são elas: Policlínica Waldemar de Oliveira, em Santo Amaro; na Upinha Eduardo Campos, na Bomba do Hemetério; no Centro de Saúde Professor Mário Ramos, em Casa Amarela; na Upinha Vila Arraes, na Várzea; no Centro de Saúde Professor Romero Marques, no Prado; no Centro Social Urbano (CSU) Afrânio Godoy, na Imbiribeira; na Upinha Moacyr André Gomes, no Morro da Conceição; e na Policlínica Arnaldo Marques, no Ibura.

A Universidade Guarulhos promove uma arrecadação de mantimentos para as vítimas de enchentes na Bahia. A campanha chamada S.O.S. Bahia visa coletar alimentos, água e produtos de higiene e limpeza para todos as pessoas atingidas pelas fortes chuvas no estado. A iniciativa é realizada em parceria com a Polícia Rodoviária Federal.

##RECOMENDA##

Uma criança de 8 anos, identificada como Nicolas Edigar de Sampaio morreu atropelado enquanto brincava na rua de casa, no bairro de Passarinho, Olinda, Região Metropolitana do Recife. O acidente aconteceu na última quarta-feira (19).

Segundo familiares da vítima, o motorista fugiu depois de um tiroteio. De acordo com o G1, há duas versões sobre o caso. A primeira versão é contada pela avó e pelo pai do garoto. Eles dizem que os ocupantes do carro, que atropelou Nicolas, atiraram contra dois homens que estavam na rua e fugiram da ré do local. Neste momento, eles teriam passado com o carro por cima da vítima, que estava brincando na rua com a irmã. Já a mãe de Nicolas diz que alguns homens que estavam na rua iriam roubar o carro e que o motorista deu ré para fugir, atropelando o garoto.

##RECOMENDA##

"Eu já escutei o disparo, dois tiros. Aí eu olhei para frente. Quando eu não vi, eu disse 'meus filhos' e já saí. Minha filha veio correndo e disse 'mamãe, Nicolas, mamãe. Mamãe, Nicolas'. O carro prontamente bateu no meu filho e tirou a vida do meu Nicolas. E agora eu perdi o meu primeiro amor, o meu primogênito para crueldade de Passarinho, gente. Pelo amor de Deus, até quando a gente vai viver isso?", indagou a mãe, que não quis ser identificada. 

O responsável pelo atropelamento deixou o local sem prestar socorro para a criança. Foi a mãe quem socorreu o filho para o Hospital Miguel Arraes, em Paulista, Grande Recife, mas ele não resistiu aos ferimentos e morreu.

Por meio de nota, a Polícia Civil de Pernambuco informou que está investigando o caso. "Foi instaurado inquérito policial para apurar o caso e as diligências seguirão até completa elucidação. Mais detalhes não serão repassados à imprensa neste momento para não atrapalhar o andamento das investigações", pontua a Civil.

Mãe de Beatriz, menina que foi assassinada dentro de uma escola em Petrolina, no Sertão de Pernambuco, Lucinha Mota mostrou apoio à criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) para investigar o caso. O documento já conta com 12 assinaturas de parlamentares, sendo necessárias 17. Apenas em fevereiro o documento será protocolado, quando a casa retomar as atividades.

"A CPI pode esclarecer as nossas dúvidas. A gente sabe que Marcelo é o assassino de Beatriz, mas quem estava escondendo ele esses anos todos? Ele estava no banco de DNA desde 2018 ou 2019, então eles precisam responder. Quem tolera a impunidade, é cúmplice da criminalidade", afirmou Lucinha em um dos áudios enviado ao deputado Romero Albuquerque (PP), autor do pedido .

##RECOMENDA##

Por meio do site "beatriz.com.br" será possível saber quem já assinou o requerimento. A mãe da menina Beatriz cobrou que os parlamentares assinem o documento. “Os que não assinarem estão sendo cúmplices de uma impunidade, ou seja, são autores também da impunidade. Vamos colocar à prova quem é a favor da vida, da justiça e da verdade.”

LeiaJá também:

--> Suspeito de matar Beatriz escreve carta e se diz inocente

--> Caso Beatriz: mãe diz que Marcelo é realmente o assassino

--> Caso Beatriz: motivação foi 'silenciar' a vítima

 

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) atualizou, nesta quinta-feira (20), os números da pandemia do coronavírus em Pernambuco. Foram confirmados 2.230 novos casos da Covid-19, além de quatro óbitos.

Dos novos registros, 27 são de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 2.203 são leves. Pernambuco totaliza 661.588 casos confirmados da doença, sendo 55.625 graves e 605.963 leves.

##RECOMENDA##

No boletim de hoje também constam quatro mortes, ocorridas entre o dia 7 de abril de 2021 e a última terça-feira (18). Com isso, o Estado totaliza 20.570 mortes pela Covid-19.

 

 

 

 

[@#galeria#@]

A parada de ônibus Rua do Sol-Ponte de Ferro, localizada na Rua do Sol, no Centro do Recife, foi alvo de dois assaltos com desfechos violentos à luz do dia, em menos de 24h. Na manhã desta quinta-feira (20), por volta das 8h15, uma tentativa de assalto resultou na vítima, um homem de meia idade, sendo alvejada por dois disparos de arma de fogo, efetuados pelo assaltante. O suspeito fugiu momentos antes da chegada da Polícia Militar, que foi acionada.

##RECOMENDA##

Segundo apurado pelo LeiaJá, a PM socorreu o homem ferido, que estava consciente, e o encaminhou a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA). De acordo com testemunhas, que não quiseram se identificar, os tiros atingiram a região do ombro e a cabeça, ambos de raspão.

Nenhum item pessoal ou de valor foi subtraído da vítima. O assaltante fugiu a pé, deixando para trás o coldre da arma de fogo e as sandálias. O LeiaJá entrou em contato com a Polícia Civil para mais detalhes do caso e aguarda o retorno da corporação.

Parada teve assalto no dia anterior

Na quarta-feira (19), às 14h45, um outro assalto chegou a ser consumado na localidade. Dois suspeitos, já identificados e sob custódia policial, abordaram um homem de 56 anos e uma jovem de 22 anos. A mulher foi abordada sob ameaça com uma faca e teve o celular roubado pelos assaltantes. A outra vítima reagiu, entrando em disputa física com os dois homens, e levou duas facadas, sendo uma no ombro e outra nas costas.

Ao iniciar fuga, os suspeitos foram alcançados pelas polícias Militar e Civil, que estavam nas imediações da sede dos Correios e da Praça do Sebo. Com a ajuda de populares, Tiago Fernando dos Santos, de 19 anos, e um menor de idade, de 16 anos, foram apreendidos e levados à Gerência de Polícia da Criança e do Adolescente (GPCA), no bairro da Boa Vista.

Os suspeitos já possuem passagem pela polícia por roubo e tráfico, no caso de Tiago, e o menor por roubo e partipação em um homicídio. Eles, assim como a vítima ferida, foram levados a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para exame de corpo de delito e para a realização de curativos.

Na madrugada desta quinta-feira (20), dois homens foram presos em flagrante enquanto furtavam o portão de alumínio de um edifício na Rua Charles Darwin, em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife.

Após serem acionados pela equipe da Central de Operações, os policiais militares foram à localidade e visualizaram os suspeitos arrastando o portão. A dupla fugiu ao notar a chegada da viatura, mas foi alcançada e detida.

##RECOMENDA##

Com as informações pessoais dos autuados, a Polícia identificou que eles já haviam sido presos recentemente pela mesma modalidade de crime. O portão e os dois homens foram encaminhados à delegacia do bairro, onde ficaram à disposição da Justiça.

A 1ª Promotoria de Justiça Criminal de Igarassu, na Região Metropolitana do Recife, encaminhou à Justiça três denúncias em desfavor do pastor Aijalon Berto Florêncio, acusado de praticar e incitar discriminação de cunho racial e religioso contra seguidores de religiões de matriz africana; bem como por praticar injúria racial e transfobia contra indivíduos por meio do uso de redes sociais.

Os crimes foram cometidos por ele entre os meses de fevereiro e julho de 2021, quando Florêncio publicou vídeos no Instagram com discursos que ferem a liberdade de prática religiosa e a dignidade da coletividade.

##RECOMENDA##

Segundo a assessoria do Ministério Público de Pernambuco, as três denúncias já foram recebidas pela Vara Criminal da Comarca de Igarassu, onde passaram a tramitar as ações penais descritas abaixo.

"O acusado atingiu a coletividade por meio do discurso de ódio fincado em preconceito à religião de origem africana, extrapolando, portanto, o direito ao proselitismo de sua crença ou à liberdade de expressão. Além disso, praticou o ato em rede social de elevado e indeterminado alcance, circunstância que agrava e qualifica a conduta", apontou o promotor de Justiça José da Costa Soares no texto da denúncia.

Nos vídeos em questão, o pastor evangélico associa conceitos como "feitiçaria" e "entidades satânicas" às pinturas de painéis alusivos à religiosidade afro-brasileira no Túnel da Abolição, no Recife.

[@#video#@]

Entre as denúncias, o MPPE pede que a Justiça determine ao denunciado a obrigação de remover o vídeo objeto da denúncia e que decrete reparação de danos morais coletivos de pelo menos R$ 100 mil, com a destinação dos valores à produção e divulgação de material educativo voltado ao enfrentamento da intolerância contra religiões afro-brasileiras.

Sobre o caso

Em um vídeo publicado no Instagram, Aijalon Heleno Berto Florêncio critica um painel artístico pintado no Túnel da Abolição, no bairro da Madalena, Zona Oeste do Recife, dizendo se tratar de "reverência a entidades satânicas".

"Esse painel, na verdade, representa um ponto de contato com forças místicas intrinsecamente ligadas à feitiçaria, entidades reverenciadas nos terreiros, no Candomblé. Esse painel aí é, nada mais, nada menos, do que uma reverência a entidades malignas, satânicas, espíritos das trevas, à luz da palavra de Deus. Você precisa entender que essa palavra bonita ‘retorno à ancestralidade’ é, nada mais, nada menos, do que uma redescoberta dos poderes místicos das trevas que energizam o Candomblé, a umbanda e as religiões de matrizes afro", disse o religioso.

O vídeo gerou uma série de notas e manifestações de repúdio por parte de coletivos, terreiros, artistas e praticantes e não praticantes de cultos de matriz africana.

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando