Tópicos | Centro de Convenções

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) anunciou, nesta terça-feira (7), o recebimento de R$ 19,5 milhões, proveniente de emenda parlamentar da bancada pernambucana na Câmara dos Deputados, para a reforma do teatro da instituição, que faz parte do Centro de Convenções.

De acordo com o reitor da UFPE, Alfredo Gomes, o recurso será utilizado para entregar à comunidade, não apenas acadêmica, o equipamento cultural com "plenas condições de uso, com 1.600 lugares e conceito inclusivo de acessibilidade, no prazo de um ano e meio", afirma a assessoria.

##RECOMENDA##

“Já renovamos a Concha Acústica, e estaremos requalificando todo o Centro de Convenções, com o teatro, sala de cinema, salas de eventos científicos, e, para isso, estamos nos mobilizando para alcançar os R$ 45 milhões necessários para reformar o complexo cultural da UFPE”, aponta o reitor através da comunicação.

Ainda segundo a instituição de ensino, o teatro contará com um amplo estacionamento, espaço para eventos e anfiteatros.

O show “Queen Celebration in Concert” volta a Pernambuco após dois anos e promete trazer toda a musicalidade única da banda Queen. Em turnê que estreou em agosto deste ano, em São Paulo, o concerto chega ao Teatro Guararapes para sessão no dia 17 de dezembro.

Queen era liderada por Freddie Mercury, cantor emblemático que faleceu há exatos 30 anos e deixou uma grande quantidade de fãs que ultrapassou gerações. “Queen Celebration in Concert” traz performances da banda, utilizando figurinos semelhantes e uma mistura de rock com o erudito, utilizando banda e orquestra para tentar recriar a musicalidade do Queen.

##RECOMENDA##

O espetáculo irá acontecer no Teatro Guararapes no dia 17 de dezembro, às 21h, com os ingressos podendo ser comprados na bilheteria do teatro, lojas Ticketfolia e no site Sympla, em valores que variam de R$ 60,00 à R$ 200,00.

O interprete de Freddie Mercury no show é o artista André Abreu que buscou se assemelhar ao cantor não apenas fisicamente, mas no vocal. “É um trabalho que exige muita energia e entrega. Mais que um tributo, é uma homenagem de um fã para o ídolo e de fã para fãs. Foi a forma que encontramos para dar sequência à obra atemporal e genial do Queen”, diz Abreu, que tinha apenas 3 anos de idade quando Freddie morreu e conheceu suas obras posteriormente.

Com uma hora e meia de concerto, a ideia é resgatar trechos marcantes de turnês e shows memoráveis, entre eles o Queen Live at Wembley Stadium, de 1986. Formado em 1970 por Brian May (guitarra e vocais), Freddie Mercury (vocais e piano), John Deacon (baixo) e Roger Taylor (bateria e vocais), o Queen, com um estilo incomparável, marcou época e se tornou eterno com músicas que são verdadeiros hinos para todas as gerações.

SERVIÇO:

Queen Celebration in Concert

Dia 17 de dezembro (sexta-feira), às 21h

Teatro Guararapes – Centro de Convenções de Pernambuco

Ingressos:

Plateia Especial: R$ 200 e R$ 100 (meia)

Plateia: R$ 160 e R$ 80 (meia)

Balcão: R$ 120 e R$ 60 (meia)

À venda na bilheteria do teatro, lojas Ticketfolia e site Sympla

O Governo de Pernambuco confirmou neste sábado (30), o encerramento das atividades do Centro de Testagem do Centro de Convenções, em Olinda, Região Metropolitana do Recife. O espaço de para detecção da Covid-19 só deve funcionar até este domingo (31).

"Com quase 60% da população pernambucana com cobertura vacinal completa e a redução no número de casos da Covid-19, entendemos que é preciso reforçar a oferta dos exames em locais estratégicos nos municípios, mais perto da população, sejam residentes da Região Metropolitana do Recife ou do Interior do Estado", declarou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

##RECOMENDA##

Ele reforça que a ideia é que os testes cheguem até à população e sejam aplicados em locais de grande circulação no Estado. 

Mesmo com o encerramento dos testes no Centro de Convenções, Pernambuco ainda conta com as unidades do Centro de Formação de Servidores e Empregados Públicos do Estado (Cefospe), no bairro da Boa Vista; do Ginásio de Esportes Geraldo Magalhães (Geraldão), na Imbiribeira; e da Secretaria de Educação e Esportes (SEE), na Várzea. Este último exclusivo para os profissionais da educação e seus contatos no ambiente domiciliar e laboral. 

No Cefospe e na sede da SEE, o atendimento é agendado pelo aplicativo ou site do "Atende em Casa". Já o Geraldão atende de forma espontânea, todos os dias, das 8h às 17h.

Além da testagem itinerante e ações nos estádios de futebol nos dias de jogos, o Estado tem o TestaPE, com dois pontos fixos em pleno funcionamento para testagem da população no Terminal Integrado de Passageiros (TIP) e no Aeroporto Internacional do Recife - exclusivo para passageiros e funcionários na área de desembarque do terminal -.

A Federação da Agricultura do Estado de Pernambuco (Faepe) realizará, de 6 a 8 de outubro, a a Feira de Produtos do Campo na 28ª edição do Agrinordeste. Com o apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o evento é aberto ao público com entrada gratuita e ocorrerá das 11 às 21 horas, no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda.

O Sebrae e Faepe apoiam de maneira empreendedora e tecnológica o desenvolvimento da cadeia produtiva do País, e enxergam o evento como meio de aproximar os produtores de seus mercados consumidores. Serão expostos mais de 100 estandes com produtos de diversos segmentos, como hortaliças, flores, laticínios, mel, frutas, cachaças, biscoitos, doces, sorvetes, artesanato, chopp, ração, derivados da mandioca, carnes, peixes e crustáceos, entre outros produtos.

##RECOMENDA##

Além da exposição de produtos, será lançada a cartilha 'Boas Práticas da Fabricação das Queijarias Artesanais de Pernambuco', desenvolvida pelo Grupo de Estudo, Pesquisa, Extensão, Desenvolvimento & Inovação Tecnológica em Produtos Lácteos e Gestão da Qualidade Industrial – GPLAC, da Universidade Federal do Agreste de Pernambuco (UFAPE). A publicação contém orientações para proteção e segurança na produção de produtos artesanais, derivados do leite.

Por Thaynara Andrade

A Universidades Federal de Pernambuco (UFPE) se reuniu com o Governo do Estado, na última segunda-feira (3), no Palácio do Campo das Princesas, para falar sobre o projeto de ocupação do prédio da Sudene, a reconstrução do Teatro e a requalificação do Centro de Convenções da universidade e seu entorno.

O encontro reuniu o reitor Alfredo Gomes, o vice-reitor Moacyr Araújo e o governador Paulo Câmara, que trataram ainda das pesquisas para o desenvolvimento de mais uma vacina contra a Covid-19, entre outros assuntos abordados.

##RECOMENDA##

“É muito importante saber que a Universidade está ajudando Pernambuco a enfrentar a pandemia e, ao mesmo tempo, planejando o futuro para a melhoria das condições de ensino e da pesquisa, que são tão importantes para o avanço do Estado”, disse, o governador Paulo Câmara, segundo a assessoria da UFPE.

Ele ainda reiterou: “Nos colocamos à disposição para conhecer o detalhamento de todos esses projetos e ver como podemos avançar juntos. Inclusive, buscando junto ao Governo Federal como ajudar a UFPE a ter cada vez mais recursos para poder realizar seus projetos.”

O reitor Alfredo Gomes comentou que a reunião realizada com o Governo foi bastante positiva, embora tenha sido um encontro de caráter mais geral. “A gente sente que existe o interesse do Estado no desenvolvimento dos projetos que irão ocupar o espaço da Sudene. Isso é muito positivo, pois estamos convencidos da importância que a ocupação desse lugar tem para a ressignificação dessa região da cidade do Recife. Para isso, vamos discutir com o Governo e a Prefeitura do Recife iniciativas que possam melhorar a qualidade de vida da população de maneira geral, mas especialmente de quem vive na universidade e em seu entorno”, disse, por meio de nota, o representante da instituição.

De acordo com a UFPE, o encontro ainda contou com a participação do superintendente de Infraestrutura da universidade, Carlos Falcão; do assessor-executivo Leonardo Guimarães; e do presidente da Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia de Pernambuco (Facepe), Fernando Jucá.

Viver com a certeza de que está com a Covid-19 é tarefa difícil para os que têm diagnóstico confirmado. Mas e quando você apresenta os sintomas, faz o teste e não consegue confirmar se está infectado porque espera há 24 dias pelo resultado - que ainda não foi divulgado? Essa é a realidade de Lidiane Gomes Pereira e de seu esposo João Paulo Maciel Araújo.

Eles fizeram o teste no dia 19 de dezembro do ano passado, no Centro de Convenções, localizado em Olinda, Região Metropolitana do Recife. Lidiane lembra que, no dia que fez o teste, estava apenas com dor na garganta. No entanto, o seu marido apresentava mais sintomas: febre, coriza, dor de cabeça e tosse.

##RECOMENDA##

Dias depois de fazer o teste, Lidiane Gomes precisou ser levada para uma Unidade de Pronto Atendimento por conta da piora de sua saúde. "No dia 26 (de dezembro) eu fui para a UPA com dificuldade para respirar e acabei ficando no isolamento, onde basicamente só tinha idosos com Covid-19. Bate umas paranoias do tipo: se eu não tinha, peguei agora", explica.

Diante desses sintomas e sem o resultado dos teste, o casal preferiu ficar em isolamento, mesmo sem a confirmação da Covid-19. Lidiane confirma que já entrou em contato com a Secretaria de Saúde de Pernambuco por três vezes pelo e-mail, mas escuta um pedido de desculpas pela demora e a instrução de que deve tentar no outro dia, depois das 15h. “Já cheguei a ir pessoalmente atrás do resultado que, segundo eles, saia com 10 dias úteis”, pontua a paciente.

Em resposta ao LeiaJá, a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) disse que desde o início da pandemia tem trabalhado para ampliar a capacidade de testagem da população, assim como o processamento das amostras coletadas de pacientes suspeitos para o novo coronavírus.

A SES compara que, no final de março de 2020, a rede pública conseguia analisar, por semana, cerca de 770 exames de biologia molecular (RT-PCR). Contudo, agora esse quantitativo subiu para 21 mil por semana apenas no Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE), além de mais 5,5 mil testes semanais processados nas unidades parceiras da rede.

A Secretaria de Saúde garante que após dar entrada no Lacen, as amostras são liberadas em até 72h. Mas, ressalta que os casos mais graves são priorizados. 

"Com a ampliação da população prioritária para testagem, assim como da abertura de novos centros estaduais de testagem, houve aumento da demanda de amostras recebidas pelo Lacen. Por isso, além das parcerias firmadas pela SES com outros serviços da rede, como a Fiocruz PE e UFPE, o Lacen também tem enviado material para outros laboratórios de referência do País ligados ao Ministério da Saúde", salienta a SES. 

A Secretaria Estadual de Saúde complementa que o prazo para recebimento dos resultados dessas amostras encaminhadas para outros Estados têm sido maior pela dinâmica de cada estabelecimento. 

Para otimizar a dinâmica de entrega de resultados de exames feitos nos centros de testagem estaduais, a SES-PE aponta que montou uma central de atendimento para envio dos resultados. A população pode entrar em contato com a central a partir do sétimo dia após o exame pelo (81) 3184.0008 ou 3184.0012, de segunda a sexta, das 8h às 17h, evitando deslocamento até os centros de testagem.

Para ampliar a testagem da Covid-19 em Pernambuco, o secretário de Saúde André Longo anunciou que, durante esta semana, o centro de testagem localizado no Centro de Convenções, em Olinda, Região Metropolitana do Recife, estará aberto ao público sem a necessidade de marcação prévia.

A divulgação foi feito na tarde desta segunda-feira (21), durante coletiva online. Secretário de Saúde não deu exatidão de quando a população já contará com esse serviço, sem a necessidade do agendamento. "Ele vai estar funcionando no modelo de "drive-thru" e pode ser procurado pela população diretamente", salienta Longo.

##RECOMENDA##

A Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper) anunciou que a 21ª edição da Fenearte não será realizada devido à pandemia do novo coronavírus. A feira estava programada para acontecer entre os dias 1º e 12 de julho. O evento reúne artesãos de todo o Brasil e de diversos países, no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda. 

Segundo a AD Diper, a última edição realizada em 2019 arrecadou cerca de R$ 45 milhões durante os 12 dias e recebeu cerca de 300 mil pessoas. Resultado de um investimento de R$ 5,5 milhões e gerou 2,5 mil empregos temporários. 

##RECOMENDA##

Ainda segundo a agência, não há previsão para um nova data, mas foram criadas campanhas de incentivo para os artesãos prejudicados pelo cancelamento: ‘Abrace o Artesão Pernambucano’, ‘Artesanato Solidário’ e o ‘Vale Artesanato’. Os projetos visam diminuir o prejuízo dos artistas que produzem ao longo do ano para a feira. 

Confira o comunicado na íntegra: 

A Agência de Desenvolvimento Econômico – AD Diper, por meio da Diretoria de Promoção da Economia Criativa, informa que não será possível realizar a 21ª Fenearte na data programada, entre 01 e 12 de julho de 2020, no Centro de Convenções de Pernambuco. Diante do cenário provocado pela pandemia da COVID-19, é nosso compromisso garantir a segurança e saúde, em primeiro lugar, de expositores e visitantes. 

A Fenearte é um importante elemento estruturador da cadeia produtiva do artesanato, em especial, do artesão, e cumpre o papel fundamental de fomentar a política pública de cultura do Estado. Assim, sempre tendo como horizonte o resgate e a valorização da cultura popular pernambucana, seguimos debatendo e avaliando alternativas que possam viabilizar a 21ª edição da Fenearte em um momento mais oportuno. E assim que qualquer resolução seja confirmada, a coordenação da Fenearte avisará a todos os públicos envolvidos. 

AÇÕES - Com o cenário de incerteza provocado pela pandemia, o Governo de Pernambuco, por meio da AD Diper, vem movendo esforços para auxiliar os nossos artesãos. Estão sendo realizadas ações de incentivo como as campanhas Abrace o Artesão Pernambucano, Artesanato Solidário e Vale Artesanato. 

O Abrace transformou as redes sociais do Centro de Artesanato de Pernambuco numa vitrine que possibilita diretamente a divulgação e negociação entre artesão e cliente. Já o o Artesanato Solidário é uma ação de compra pelo Governo do Estado do estoque dos artesãos que estão com produtos disponíveis nas lojas físicas do Centro de Artesanato de Pernambuco e dependem financeiramente dessa comercialização. Assim, mais de 1.000 artesãos estão sendo contemplados. Todos os produtos adquiridos serão doados posteriormente, através de um chamamento público, para instituições filantrópicas sem fins lucrativos. 

O Vale Artesanato PE é um voucher de presente digital em diferentes valores, que pode ser comprado na plataforma digital do Centro de Artesanato de Pernambuco (centrodeartesanatodepe.lojavirtualnuvem.com.br) e que depois poderá ser trocado em uma das unidades físicas do Centro de Artesanato de Pernambuco (Unidades Recife, Olinda ou Bezerros).

O momento atual torna necessário planejar novas estratégias para preparar e inserir o artesão à nova e irreversível realidade digital. Nesse sentido, o Governo do Estado vem formatando um novo evento online voltado à comercialização do artesanato pernambucano, com data também ainda a ser confirmada. Certos de que, neste momento, o nosso principal objetivo é fomentar ações que fortaleçam e ajudem os artesãos do Estado, continuamos buscando alternativas que em breve serão comunicadas a todos.

CENTRO DE ARTESANATO DE PERNAMBUCO (RECIFE) - Avisamos ainda que, nesta quarta-feira, 01 de julho, em horário especial e seguindo as recomendações do Comitê Estadual de Enfrentamento à Covid 19, o Centro de Artesanato de Pernambuco, unidade RECIFE, (no Marco Zero do Recife), estará funcionando das 10h às 16h.

O Acelere Talks acontecerá, no dia 01 de fevereiro, das 9h às 16h, no Auditório Tabocas, no Centro de Convenções. O evento realizado pela organização ACELERE, tem com o objetivo de compartilhar experiências, ideias e histórias inspiradoras que motivem um futuro empreendedor.

O time de palestrante é formado por: Anderson Dias - personalidade que percorreu 196 países do mundo; Gildo Lanches - vendedor de lanches; João Correia - Professor; Gian Cintra - empreendedor; Gleide Ângelo- Deputada estadual e Pedro Lins- jornalista e apresentador.

##RECOMENDA##

ACELERE- uma organização que tem como objetivo conectar as boas pessoas às boas ideias, transformando a vida dos jovens pernambucanos através da educação.

Outros detalhes sobre locais de venda, valores ou informações, podem ser obtidos pelo site www.acelerevc.com.br

A 17ª edição da Fenahall inicia na próxima sexta-feira (10). A feira segue até o dia 19 de janeiro e reúne produtos de artesãos locais, nacionais e internacionais, além de expositores pernambucanos e de vários Estados do País.

A Fenahall, que funcionará das 14h às 22h, também traz para o público, shows, exposições, palestras, oficinas, lançamentos de livros e uma programação voltada para crianças. Os ingressos custam R$ 12 (inteira) e R$ 6 (meia) e estarão à venda na bilheteria do Classic Hall.

##RECOMENDA##

Para o Público que deseja visitar o evento, será montado um esquema de translado gratuito, saindo do Shopping Tacaruna, a cada 15 minutos, durante todos os dias. Os organizadores estimam que cerca de 120 mil pessoas visitem o local e esperam uma movimentação de mais de R$ 3 milhões em vendas diretas e indiretas.

Confira a programação musical:

10 de janeiro - Geraldinho Lins

11 de janeiro - Los Cubanos

11 de janeiro - Saltibancos - O Musical

12 de janeiro - Rafa Mesquita

13 de janeiro - Labaredas

14 de janeiro - Anabela

15 de janeiro - Silvana Salazar

16 de janeiro - Faringes da Paixão

17 de janeiro - Adilson Ramos

18 de janeiro - Petrucio Amorim

18 de janeiro - Banda Lele

19 de janeiro - O Disco

O Olinda Beer, uma das festas carnavalescas mais aguardadas pelos pernambucanos, divulgou algumas das atrações da edição 2020. Marcada para 16 de fevereiro, a festa recebe o baiano Bell Marques, trazendo os maiores sucessos de sua carreira; a Banda Parangolé, atualmente comandada por Tony Salles e Xand Avião.

O evento acontece na área externa do Centro de Convenções e nesta edição aposta em lounges elevados, com capacidade para 20 pessoas (R$ 8 mil); àrea Open Bar (R$ 220) e a àrea Vip (R$ 80). Os ingressos estão à venda nas Lojas Nagem e no site Bilheteria Digital.

##RECOMENDA##

[@#galeria#@]

Conquistando o público por onde passa, a turnê "Silva canta Marisa", onde o cantor Silva apresenta releituras das músicas de Marisa Monte, chega a sua última apresentação no dia 20 de dezembro, no Teatro Guararapes, em Olinda.

No repertório, escolhido a dedo por Silva, estão os maiores clássicos de diferentes fases da carreira da cantora. Muito aguardadas pelo público, as canções "Beija eu", "Infinito Particular" e "Não vá embora" estão confirmadas na apresentação.

##RECOMENDA##

Com um carinho especial na memória afetiva dos fãs da música popular brasileira, as músicas "Ainda Lembro", "Não vá embora" e "Amor, I Love You" também farão parte do show. Além delas, os grandes sucessos "Na Mira" e Não é fácil".

Apostando também em canções surpresas, o espetáculo faz parte do álbum de Silva, de mesmo nome, lançado em 2016 e indicado ao Grammy Latino de Melhor Álbum de Música Popular Brasileira.

Os ingressos custam a partir de R$ 70 e estão à venda nos quiosques Ingresso Prime, Ticket Folia e no site da Bilheteria Digital.

Serviço

Turnê "Silva canta Marisa”

20 de dezembro | 21h

Teatro Guararapes (Centro de Convenções)

Uma das prévias carnavalescas mais aguardadas de 2020, o 'De Bar em Bar' traz para a sua 14ª edição o cantor Léo Santana. O evento, está marcado para o dia 8 de fevereiro, no Centro de Convenções e tem confirmado nas atrações o cantor Xand Avião.

Léo promete colocar todos para dançar ao som de seus maiores sucessos, como "Santinha" e "Crush Blogueirinha, além das recém lançadas "Avisa" e "Contatinho". Os ingressos custam R$ 80 e estão à venda no site do bloco.

##RECOMENDA##

 

Em sua quinta edição, a Feira Nordestina do Livro (Fenelivro), vai associar cultura e sustentabilidade com o objetivo de estimular reflexões sobre o meio ambiente. A feira acontece em meio a um dos maiores desastres ambientais da costa marítima do Brasil, sendo assim, vai trabalhar o tema 'Terra Viva, compromisso de todos', a partir do dia 30 de outubro, no Pavilhão de Feiras do Centro de Convenções de Pernambuco. 

Participam da Fenelivro poetas, escritores, ambientalistas, profissionais da indústria criativa, gestores públicos e coletivos comprometidos com a causa. Entre os nomes de destaque da programação estão Inez Cabral de Melo, filha de João Cabral de Melo Neto; o estilista mineiro Ronaldo Fraga; o romancista amazonense Márcio Souza; o oceanógrafo Clemente Júnior; e a youtuber Jout Jout. 

##RECOMENDA##

A feira contará com mais de 100 estandes, entre distribuidores de livros e editores e a programação será composta de oficinas, debates, e lançamentos. A Cepe, realizadora do evento juntamente com a Fundação Gilberto Freyre, promove o lançamento de nove livros inéditos além de sessões de autógrafos. O evento acontece até o dia três de novembro e a programação completa pode ser vista na internet

Serviço

5ª Fenelivro

30 de outubro a 3 de novembro - 9h às 21h

Centro de Convenções de Pernambuco

Gratuito

Com forte discurso de oposição ao governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL), a XII Bienal do Livro de Pernambuco foi oficialmente aberta às 16h desta sexta (4), no Centro de Convenções de Pernambuco. A mesa inaugural contou com as presenças da vice-governadora de Pernambuco, Luciana Santos (PCdoB), dos senadores Humberto Costa (PT), Randolfe Rodrigues (REDE), do produtor geral Rogério Robalinho, do secretário de Educação de Pernambuco, Gilberto Freyre Neto, e do escritor Sidney Rocha, homenageado deste ano ao lado do poeta pernambucano Solano Trindade (in memoriam). 

"Fiquei feliz porque que é uma homenagem a uma geração de escritores de Pernambuco que foram silenciados e mais ainda por estar acontecendo em um período como este, em que a Funarte, hoje mesmo, teve que dispensar todo o seu quadro por conta dessa caça. Então a literatura pode ser um desses elementos de resistência", comentou Sidney Rocha. A vice-governadora reforçou as palavras do homenageado e chamou a atual conjuntura política de "momento obscuro". "A Bienal se apresenta num momento em que não se pode reescrever a história e negar a ciência", completou. 

##RECOMENDA##

[@#galeria#@]

Representando a Conselho Editorial do Senado Federal (CEDIT), Randolfe Rodrigues elogiou a escolha de Solano Trindade como homenageado e recitou o famoso poema “Sou Negro”, do escritor. "Realizar feira de livro hoje no Brasil é um ato subversivo, ainda mais homenageando Solano Trindade. Os livros formam gerações e são instrumentos de liberdade. Estou participando de todas as bienais: estive em Belém,  vim para a de cá e estarei na do Rio Grande do Sul, em dezembro", afirmou.

Estrutura

Tendo como mote para 2019, a temática “histórias para resistir”, a Bienal conta com mais de 100 expositores e mais de 120 horas de atividades. O evento tem diversos espaços temáticos, com destaque para a Plataforma de Lançamentos Be Geek, que oferece novidades em 2019. “Na edição anterior nos tornamos a primeira bienal do Brasil a ter um espaço geek, só que este ano criamos espaço para os produtores da arte geek. A gente quer firmar esse espaço porque é uma porta de entrada para a leitura dos adolescentes”, afirma o escritor e membro da organização Sidney Nicéas.

ESPAÇOS DA BIENAL:

Artist Alley

Espaço exclusivo para quadrinistas e ilustradores apresentarem seus trabalhos e comercializarem seu material em forma de quadrinhos, camisetas e canecas, entre outros objetos. Proporciona uma dinâmica interativa entre público e profissionais e está presente desde a edição passada da Bienal PE. Este ano, devido ao grande número de artistas inscritos, terá sua área ampliada para dois módulos.

Bienalzinha

Um ambiente exclusivo para o públicco infantil. Conta com uma programação extensa com oficinas, contação de histórias, pintura, lançamento de livros infantis e espetáculos voltados para os pequenos leitores.

Auditórios Círculo das Ideias

Dois espaços voltados para a realização de palestras, debates e cursos que discutem as mais diversas e atuais temáticas. O local abriga as atividades mais densas e que geralmente recebem mais público.

Palco Além das Letras

No Palco Além das Letras são realizadas apresentações artístico-culturais, recitais poéticos, atividades bilíngues e concurso soletrando, além de apresentações escolares, de K-Pop e de Cosplays.

Plataforma de Lançamentos – Be Geek

O ambiente mais democrático da Bienal. Espaço destinado para a realização de lançamentos de livros e quadrinhos de autores consagrados ou emergentes. Nesta edição o espaço também dedicará um horário para a realização de dinâmicas voltadas ao universo geek, além de desenvolver discussões literárias.

Sala de Oficinas

Como o próprio nome adianta, o espaço é voltado para realização de oficinas, geralmente com duração de três a quatro horas, e pequenas atividades.

Espaço Alquimia

Espaço criado em parceria com a Multiverso Cultural que irá oferecer uma programação multidisciplinar com aulas, transmissões ao vivo, minicursos e palestras voltadas para segmentos como: Mundo Geek, Enem e área Técnica e Científica.

SERVIÇO

XII BIENAL INTERNACIONAL DO LIVRO DE PERNAMBUCO

Quando: 04 a 13 de Outubro, das 10h às 22h.

Onde: Centro de Convenções de Pernambuco.

Endereço: Av. Prof. Andrade Bezerra, s/n, Complexo de Salgadinho. Olinda – PE.

Acesso/ingressos: Meia–entrada : R$ 5,00 ; Ingresso Social R$ 7,00 - mediante entrega de 1kg de alimento não perecível ou 1 livro usado ( não didático); Inteira R$10,00. Consultar preço especial para caravanas.

É concedida gratuidade para crianças até 12 anos, estudantes da rede pública de ensino médio e fundamental  com uso da camisa ou uniforme escolar, excursão escolar uniformizada em visitação agendada, professores, escritores associados da UBE, Policial Civil e Militar e Corpo de Bombeiros, portando carteira de identificação.

Programação completa no site

Começou nesta sexta-feira (4), no Centro de Convenções, em Olinda, a XII Bienal Internacional do Livro de Pernambuco. São milhares de obras, produtos literários e culturais, incluindo autores importantes para quem está se preparando para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), além de uma série de oficinas e palestras que ajudam o fera nessa reta final de preparação.

Um dos estandes que estão com programação voltada para estudantes é o da Academia Fernandinho Beltrão. O docente, que há anos prepara jovens para entrar nas universidades públicas, trouxe para o evento uma série de atividades direcionadas aos pais e aos alunos, com temáticas que esclarecem temas como o Plano Nacional da Educação (PNE), por exemplo, e muito conteúdo para o exame em si. "A revolução da educação a gente está trazendo para cá. Todos os dias, em todos os horários", contou Fernandinho.

##RECOMENDA##

Entre a organização da Bienal a expectativa é boa em relação sobretudo à importância da feira para a formação e manutenção de leitores no Brasil. "A gente entende que desenvolver feiras e festivais literários é estimular a criação. E quando a gente associa isso ao uso da internet a gente está capacitando as novas gerações para se inserir no mundo globalizado e desenvolver novas possibilidades", afirmou Rogério Robalinho, um dos responsáveis pela produção da Bienal. 

Em 2019 a Bienal Internacional do Livro comemora 24 anos e são esperadas ao menos 300 mil pessoas para prestigiar e participar das atividades oferecidas no pavilhão do Centro de Convenções até o próximo domingo, 13 de outubro.

Em comemoração aos 20 anos da gravação do ‘Acústico MTV’ a banda Titãs sai em turnê pelo País. Agora em versão trio Branco Mello, Sérgio Britto e Tony Bellotto fazem show no dia 11 de outubro no Teatro Guararapes. No repertório, as canções de maiores sucessos do grupo que foram gravadas no programa.

A turnê teve início em fevereiro de 2019, e acontece em única apresentação na capital pernambucana. Os ingressos já estão à venda a partir de R$ 52 e podem ser adquiridos no site da Eventim.

##RECOMENDA##

Serviço

"Titãs – 20 Anos do Acústico MTV" 

1 de outubro | 21h30

Teatro Guararapes (Centro de Convenções de Pernambuco)

R$ 184 inteira, R$ 92 meia (Plateia VIP Central); R$ 164 inteira, R$ 82 meia (Plateia VIP Lateral); R$ 154 inteira, R$ 77 meia (Plateia Central; R$ 144 inteira, R$ 72 meia (Plateia Lateral); R$ 104 inteira, R$ 52 meia (Balcão)

Informações: (81) 3182 8020

A 12° edição da Bienal Internacional do Livro de Pernambuco, no Centro de Convenções, receberá o lançamento do Livro “Negra Sou: a ascensão da mulher negra no mercado de trabalho”, da jornalista pernambucana Jacqueline Fraga.

A obra é uma série de reportagens especiais trazendo a história de cinco mulheres que atuam nas profissões mais valorizadas do País. Ela foca em profissionais das áreas de direito, engenharia, medicina, militar e odontologia.

##RECOMENDA##

O lançamento acontece em 6 de outubro, às 11h30, no auditório montado pelo evento e conta com uma palestra comandada pela autora. O exemplar da obra custa R$ 39,90 e está em pré-venda, sendo necessário fazer a reserva.

Serviço

Lançamento do livro “Negra Sou: a ascensão da mulher negra no mercado de trabalho”

6 de outubro | 11h30

Bienal Internacional do Livro de Pernambuco (Centro de Convenções)

R$ 5 (meia-entrada), R$ 7 (social, com 1kg de alimento não perecível ou 1 livro usado não didático) e R$ 10 (inteira).

Em turnê com o projeto “Sorriso Maroto Ao Cubo, Ao Vivo, Em Cores”, gravado no início do ano, o grupo de pagode Sorriso Maroto chega ao Recife em 28 de setembro para apresentação no Samba Recife Festival.

O repertório do show mistura algumas músicas do novo álbum que fizeram sucesso, como 'Escondido dos Seus Pais', que já ultrapassa os 9 milhões de visualizações no Youtube, 'Me Arrependi', 'Reprise' e '50 Vezes', que no projeto contou com a participação de Dilsinho e já ultrapassa dos 29 milhões de views, além de outras canções.

##RECOMENDA##

O evento ainda conta com shows de Belo, Dilsinho, Léo Santana, Thiaguinho, Ferrugem e Turma do Pagode, entre outros. O Festival acontece no centro de convenções e os ingressos estão à venda a partir de R$ 110 na Recife Ingressos.

Serviço

Samba Recife Festival

Sábado (28) | 18h

Centro de Convenções de Pernambuco ( Av. Prof. Andrade Bezerra, s/n - Olinda)

R$110 (meia); R$220 (inteira); R$120 (ingresso social)

O Movimento Brasil Livre (MBL) não deve ter candidatos oficiais nas eleições municipais de 2020. É o que foi afirmado pelas lideranças nacionais do grupo, neste sábado (21), durante o primeiro congresso do MBL em Pernambuco que aconteceu no Centro de Convenções, em Olinda. 

Durante o evento, eles debateram a nova roupagem da entidade, chamada de ‘MBL 3.0’, que define a diretriz de não encabeçar candidaturas, mas isso não impede que membros do movimento postulem cargos públicos. Além disso, também abordaram em diferentes rodas de discussão o cenário político nacional e local, a difusão de fake news e os meios de fiscalização e combate à corrupção. 

##RECOMENDA##

De acordo com o vereador de São Paulo, Fernando Holiday, “a ideia é que o movimento não tenha nenhum candidato e os nossos coordenadores, se forem candidatos, deixem a coordenação e continuem sendo membros”. “O foco do movimento não vai ser mais eleger o máximo de pessoas possíveis, como em 2016. O nosso intuito agora é qualificar o debate interno, nas comunidades e universidades e deixar o eleitoral, pelo menos por enquanto, de lado”, salientou, em entrevista ao LeiaJá

Holiday explicou o que seria, na prática, o ‘MBL 3.0’ e relembrou fases anteriores do movimento, fazendo autocríticas e ponderando a necessidade de mudanças.  “O [MBL] 1.0 foi a fase em que fizemos as primeiras manifestações pelo impeachment da Dilma, com uma agenda muito específica que era a derrubada do governo; o 2.0 é quando a gente passa a ter candidatos, nas eleições de 2016, e é aí onde a gente cometeu os principais erros e faz as principais autocríticas”, disse. 

“O MBL 3.0 é para fazer autocrítica e tentar agora ter um diálogo maior com quem pensa diferente. Acreditamos que é possível debater de forma civilizada, a ideia é chamar para ambiente nosso [como o Congresso Nacional no fim do ano] figuras que discordam da gente, de esquerda, e debater com essas pessoas sem hostilidade e baixaria”, emendou o vereador. 

Para o deputado federal Kim Kataguiri (DEM-SP), o momento agora é para “estruturar o movimento, estimular a resolução de problemas locais da comunidade, de gente que não se interessa por política, mas busca canais para solucionar os problemas públicos ou mesmo ações sociais”. 

Além dos dois, o deputado estadual de São Paulo, Arthur Mamãefalei (DEM), o coordenador nacional do MBL, Renan Santos, e os líderes do movimento em Pernambuco, Pedro Jácome e Rodrigo Ambrósio, participaram dos debates. O evento, que se estende até às 17h, será finalizado com a exibição do documentário “Não Vai Ter Golpe”, que mostra o processo de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) a partir de uma visão do grupo. O MBL, inclusive, tentou passar o filme hoje em salas de cinema do Recife, mas não obteve êxito. 

[@#galeria#@]

Em Pernambuco, de acordo com Rodrigo Ambrósio, o MBL tem cerca de 200 membros - o mesmo número de pessoas que segundo ele se inscreveram para o Congresso, que também contou com pessoas de outros estados, como Paraíba - e está organizado em diversas cidades, principalmente, no Recife, Caruaru, Petrolina e Garanhuns.

Ambrósio também afirmou que o encontro de hoje serviu para “iniciar o debate municipal, com lideranças da oposição; explicar as mudanças que o movimento está passando interna e externa; além nosso posicionamento diante do posicionamento do governo Bolsonaro”. O MBL surgiu em 2014 e tomou corpo com o início da campanha pelo impeachment de Dilma.

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando