Tópicos | Empreendedorismo

O Fundo Baobá, organização que busca mobilizar pessoas e recursos, a fim de promover a equidade para a população negra no Brasil, comunicou que em parceria com a General Mills, alterou a exigência de CNPJ ativo até 2019 para que empreendedores negros possam se inscrever no edital “Negros, Negócios e Alimentação”. A decisão se deu pelo aumento de casos de Coronavírus e da sua variante, Ômicron, que reacende a necessidade de oferecer suporte aos empreendedores negros do país.

Com a mudança, qualquer pessoa negra que tenha algum empreendimento formal ou informal, com 3 anos ou mais de funcionamento na Região Metropolitana do Recife, nas áreas de alimentação, gastronomia ou culinária, poderá se candidatar ao fundo.

##RECOMENDA##

Os interessados podem se dirigir ao Hotel Central, no bairro da Boa Vista, para tirar dúvidas e se inscrever com o apoio da equipe do Baobá, no dia 24 de janeiro, das 9h às 17h, ou realizar as inscrições até o dia 27, por meio do formulário.

Além disso, a direção do Fundo irá se encontrar com lideranças locais e potenciais candidatos ao edital vigente na estadia em Recife, além de pessoas e organizações que já foram apoiadas pelo projeto em editais passados. O objetivo é apoiar 12 empreendimentos no ramo de alimentação de consumo imediato, instalados e em funcionamento há mais de 3 anos na Região Metropolitana de Recife.

Os participantes selecionados terão 8 meses para realizar seus projetos e 30 dias para apresentar a prestação de contas final. Para o desenvolvimento das propostas, os empreendedores receberão um apoio financeiro de R$ 30.000, além de assessoria e suporte técnico.

De acordo com o Fundo Baobá, serão priorizados negócios de gastronomia negra formalizados com CNPJ, além das inscrições feitas por mulheres negras cis ou trans e empreendedores que nunca foram apoiados pelo fundo.

As inscrições vão até as 17h do dia 27 de janeiro, por meio do formulário eletrônico disponibilizado pelo Fundo Baobá. O processo seletivo contará com três etapas eliminatórias e o resultado será divulgado no dia 31 de março de 2022, no site oficial do Fundo Baobá.

Com informações da assessoria

A Agência de Inovação Tecnológica (Inova), da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), divulgou a abertura das inscrições para o Programa Centelha II, com 28 bolsas de empreendedorismo inovador de até R$ 60 mil. Os interessados podem se inscrever até 7 de março, submetendo seus trabalhos no Sistema Centelha.

A iniciativa é destinada a qualquer pesquisador, pessoas físicas, vinculadas ou não a empresas, com até 12 meses de existência anteriores da data de publicação do edital e faturamento bruto anual de até R$ 4,8 milhões, sediadas no estado da Paraíba. Outros requisitos da empresa e dos membros da equipe do projeto podem ser consultados no edital.

##RECOMENDA##

As temáticas de atuação abrangidas são: Automação, Big Data, Biotecnologia e Genética, Blockchain, Design, Eletroeletrônica, Geoengenharia, Inteligência Artificial e Machine Learning, Internet das Coisas (IoT), Manufatura Avançada e Robótica, Mecânica e Mecatrônica, Nanotecnologia, Química e Novos Materiais, Realidade Aumentada, Realidade Virtual, Segurança, Privacidade e Dados, Tecnologia Social, Tecnologia da Informação (TI) e Telecom.

O processo seletivo será composto por três etapas, que consistem em Ideias Inovadoras, fase que já está em andamento com a submissão dos projetos e segue até 7 de março, Projeto de Empreendimento, previsto para o período de 19 de abril até 6 de maio, e Projeto de Fomento, no período de 4 a 18 de julho. Durante as três fases de seleção, os proponentes receberão capacitações gratuitas online ou presenciais com o intuito de alinhar conceitos importantes, para que possam aprimorar suas ideias e projetos. O resultado final está previsto para ser divulgado no dia 5 de setembro.

O Centro de Convenções de Pernambuco receberá, nos dias 27 e 28 de janeiro, um dos maiores eventos do Brasil nos segmentos de marketing e empreendedorismo, o Go Digital Festival. A atividade reunirá grandes nomes do universo dos negócios e do marketing, em uma verdadeira “festa” de conteúdos, aprendizado e oportunidades de networking.

O Festival é promovido pela GoKursos, empresa de educação continuada, com o apoio do grupo Ser Educacional, e traz como tema principal “Tendências para o digital em 2022 – O ano da virada da sua vida”. Entre os palestrantes já confirmados no evento estão: Janguiê Diniz, Carol Paiffer, João Kepler, Pablo Marçal, Tiago Brunet, Guto Galamba, Kaisser, Pyong Lee, Cris Arcangeli, Gilberto Augusto, Maíra Cardi, Isaías, Marcio Giacobelli, entre outros.

##RECOMENDA##

“Estamos reunindo os principais nomes da área de marketing digital e do empreendedorismo para debater temas que são tendências para o ano de 2022. Presença digital das empresas, redes sociais, novos modelos de negócios, inovação, criatividade produção de conteúdos, atuação de influenciadores, chaves para o sucesso nos empreendimentos e na vida pessoal, entre outros assuntos, pautarão o evento que somará mais de 30 palestras”, destaca Joaldo Diniz, head de produtos digitais grupo Ser Educacional.

Os ingressos já estão disponíveis e podem ser adquiridos por meio do site do evento. A programação completa, com todos os temas, horários e ordem de participação dos palestrantes, será anunciada durante as próximas semanas.

Da assessoria de imprensa

O mês de novembro é tradicionalmente designado como o Mês da Consciência Negra. A data em questão levanta reflexões sobre a luta da população negra por melhores espaços na sociedade. Para além de algo pontual, esse pensamento deve ser reforçado a cada dia para que se construa uma sociedade mais inclusiva e diversa, o que só trará benefícios. Especificamente no âmbito do empreendedorismo e do mercado de trabalho, ações afirmativas ainda se fazem necessárias para garantir que as oportunidades surjam para todos.

A comunidade negra representa 56% da população brasileira, o que equivale a 110 milhões de pessoas. Essa enorme parcela demográfica movimenta, anualmente, R$ 1,7 trilhão no país. Apesar de ser maioria, ainda é minorizada, herança de nosso passado escravocrata e de uma cultura racista que os relegou a camadas mais baixas da sociedade. Vivemos uma realidade em que a população negra também é maioria entre os mais pobres e menos favorecidos.

E como mudar esse panorama? Bom, são diversas as formas e se faz urgente que políticas públicas sérias promovam a maior inclusão do negro, principalmente no mercado de trabalho. Para isso, como defensor incansável da educação, penso que esta seja a porta inicial: sem educação de qualidade levada às periferias, não será possível quebrar esse status quo. Ademais, vejo com bons olhos iniciativas da sociedade civil que visam promover o empreendedorismo e o desenvolvimento pessoal e profissional dos negros. O Movimento Black Money, por exemplo, criado pela empreendedora Nina Silva, criou um ecossistema de suporte aos empreendimentos de profissionais negros. São ações como essa que acendem um farol de esperança.

O empreendedorismo representa uma ótima chance de mudança de vida. Foi por meio dele, milhares de brasileiros – inclusive eu – puderam transformar seus destinos. Estimular o pensamento e a atitude empreendedora é uma forma de promover o desenvolvimento da população negra, que, com possibilidades de se desenvolver, poderá ocupar espaços de mais destaque na economia e criar novos negócios. Além disso, quanto maior a participação de todos na roda econômica, mais e melhores soluções para os problemas do dia a dia surgirão.

Temos grandes exemplos de pessoas negras empreendedoras na história, que quebraram a barreira do preconceito e conquistaram grandes feitos. Que o exemplo de luta, trabalho e inovação seja a grande inspiração para os jovens e possamos reconhecer a importância de promover espaços na sociedade em que esses talentos possam se desenvolver, ter vez e voz.

Quais são as riquezas da vida e como obtê-las? Esses questionamentos são o cerne do 27° livro do empreendedor Janguiê Diniz, fundador e presidente do Conselho de Administração do grupo Ser Educacional e presidente do Instituto Êxito de Empreendedorismo.

Intitulada 'O Código Secreto da Riqueza - as 12 chaves que lhe trarão sucesso, prosperidade e riqueza financeira', a obra foi lançada, nesta quarta-feira (15), no auditório do bloco B da UNINASSAU, localizado no bairro das Graças, Zona Norte do Recife. Na ocasião, admiradores e amigos do empresário compareceram para prestigiar o evento, como também, adquirir o livro autografado pelo autor.

##RECOMENDA##

Enquanto aguardava a sua vez, o administrador de empresas, Ricardo Costa Rêgo, ressaltou à reportagem a trajetória de Janguiê Diniz, que foi de engraxate a empreendedor de sucesso. "Eu acompanho Janguiê sempre, em lives e há sempre um ensinamento, algo para aprender. O que mais me chama atenção é a obstinação. Ele começou como engraxate e,agora, é um dos nomes mais importantes e influentes”, exalta.

O adminstrador afirma que tem em Diniz um exemplo, principalmente, no que se refere ao profissional. "Acredito que você precisa ser obstinado, é isso que eu vejo nele. Além da questão dos objetivos. A gente só consegue algo a partir dos objetivos. Muita gente faz e, como ele disse, basta querer", complementou.

Acompanhando a mãe, o estudante Davi Leite, de 15 anos, apesar da pouca idade, esteve presente no lançamento para conhecer mais a trajetória de Janguiê Diniz. “É um cara que começou de baixo, sem muito luxo, que, hoje, é um dos mais conhecidos do Brasil e do mundo (...) Estou aqui, além de acompanhar a minha mãe, saber mais sobre a trajetória do grande Janguiê”, conta.

[@#video#@]

Livro tranformador de vidas

Em entrevista ao LeiaJá, Janguiê Diniz classifica ‘O Código Secreto da Riqueza’ como um transformador de vidas. “É uma obra que coloco todas as chaves que eu utilizei ao longo da minha vida para poder superar as adversidades, superar dificuldades, ultrapassar as pedras que vão aparecendo na vida da gente (...) Eu mostro como eu construí, ao longo da minha carreira, toda minha trajetória, tudo que fiz. Eu quero mostrar para todo mundo que é possível, que todo mundo pode sonhar e transformar esse sonho em projeto de vida”, explica.

Na obra, o autor aborda algumas riquezas, além da material, e ressalta que a principal delas é a saúde. "Não adianta nada se você não tiver saúde. Não adianta carreira nem conhecimento. Além da riqueza da saúde, tem a familiar, espiritual, do propósito de vida, da causa e razão de existir, entre outras que eu abordo no livro", pontua.

Em 2022, Diniz se prepara para lançar uma nova obra. Questionados sobre as motivações para a construção dos, até agora, 27 livros, o empreendedor foi categórico: "Todo ano, eu escrevo um livro. O que me motiva é inspirar as pessoas e mostrar para elas que é possível sonhar e tranformar em realidade". 

Confira as fotos do lançamento:

[@#galeria#@]

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Pernambuco (Sebrae-PE) terá um espaço voltado para economia criativa e empreendedorismo na 21ª edição da Feira Nacional de Negócios do Artesanato (Fenearte). O evento é realizado de 10 a 19 de dezembro no Centro de Convenções, em Olinda, Região Metropolitana do Recife.

Será uma área de 540m², com capacidade para 40 estandes de empreendedores assistidos pelo Sebrae que poderão expor seus produtos, além de um estúdio de fotos, que poderão ser publicadas nas redes sociais, vitrine viva e café com arte. Os produtos expostos seguem o tema da edição atual da Feira, homenageando o Movimento Armorial.

##RECOMENDA##

De acordo com Adriana Côrte Real, diretora técnica do Sebrae Pernambuco, o espaço busca estimular a movimentação de negócios no Estado, além de promover momentos de trocas de ideias com empreendedores. “O Sebrae Pernambuco, parceiro do Governo do Estado na 21ª edição da Fenearte, consagrada Feira Nacional de Negócios do Artesanato, tem apoiado empreendedores neste momento de grandes expectativas para todos, enaltecendo os protocolos do Comitê de Combate ao Covid-19. Homenagem desta edição, o Movimento Armorial estimula a criação de uma arte erudita a partir da cultura popular, e também inspira o Sebrae no seu Espaço Sebrae de Economia Criativa, com 40 estandes para artesãos pernambucanos atendidos por nossas equipes. Os artesãos e empreendedores da cadeia da Economia Criativa terão à sua disposição um ‘Salão para Encontros de Negócios’, até o momento já temos 25 lojistas/compradores inscritos para a nossa rodada de negócios, que será no formato híbrido”, ela destaca.

Ainda será realizada a Rodada de Negócios, de 13 a 16 de dezembro, buscando gerar R$ 2,8 milhões em negócios diretos e acordos futuros. O evento será em formato presencial e virtual, e já conta com a participação de empresas de Pernambuco, São Paulo, Rio de Janeiro, Alagoas, Bahia, Amazonas e Rio Grande do Sul.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone  da Central de Relacionamento Sebrae: 0800 570 0800. O número também atende por WhatsApp.

A Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia de Pernambuco, órgão ligado à Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), está com inscrições abertas até o dia 03 de janeiro de 2022, para o programa Centelha/PE 2, que busca incentivar o empreendedorismo através de capacitações para o desenvolvimento de produtos e processos inovadores. A ação prevê a formalização de 60 novas empresas na área de tecnologia  e cerca de 300 empreendedores em todo o estado. 

Podem se candidatar pessoas físicas, vinculadas ou não a empresas com até 12 (doze) meses de existência anteriores à data de publicação do Edital e faturamento bruto anual de até R$ 4.800.000,00, sediadas no Estado de Pernambuco.

##RECOMENDA##

Serão disponibilizadas para incentivo dos projetos aprovados, recursos de subvenção econômica e bolsas de fomento tecnológico destinadas ao desenvolvimento de empresas com base tecnológica que incorporem novas tecnologias aos setores estratégicos do estado de Pernambuco.

Os projetos apoiados devem se enquadrar nas seguintes temáticas: Automação; Big Data; Biotecnologia e Genética; Blockchain; Design; Eletroeletrônica; Geoengenharia; Inteligência artificial e machine learning; Internet das coisas (IoT); Manufatura avançada e robótica; Mecânica e mecatrônica; Nanotecnologia; Química e Novos materiais; Realidade aumentada; Realidade virtual; Segurança, privacidade e dados; Tecnologia Social; e Tecnologia da Informação (TI) e Telecom.

Poderão ser apoiados até 60 projetos, que receberão os recursos de subvenção econômica no valor de até R$ 60.000,00 com apoio da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) e do estado de Pernambuco. Além disso, a equipe executora das ideias inovadoras  contratadas poderá ter disponibilizado o valor R$ 26.000,00, a depender da liberação do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

As inscrições que estão abertas até o dia 03 de janeiro, podem ser realizadas por meio do site Programa Centelha. Mais informações podem ser conferidas no Edital.

Por Thaynara Andrade

O palco do Summit Êxito de Empreendedorismo 2021, maior congresso de empreendedorismo, inovação e marketing digital, segue recebendo, até o próximo domingo (28), palestras e painéis que abordam temas sobre tecnologia, mercado, negócios, carreira, desenvolvimento pessoal e profissional, finanças, entre outros. O evento teve início no último sábado (20), e já contou com um público estimado em mais de 20 mil pessoas, que acompanharam apresentações de gigantes do empreendedorismo, como do CEO do Instituto Brasileiro de Coaching (IBC), José Roberto Marques; do fundador da Ahanguera Educacional e da Must University, Antonio Carbonari Netto; da CEO da Atom S/A e investidora do “Shark Tank Brasil”, Carol Paiffer; e do fundador do grupo Ser Educacional, presidente do Instituto Êxito de Empreendedorismo e idealizador do evento, Janguiê Diniz.

“Estamos muito felizes com o andamento do evento e tudo que ainda está por vir. Conseguimos reunir um público gigante neste final de semana e a expectativa é, no mínimo, triplicar esse número. Queremos impactar o maior número de pessoas possíveis com os conteúdos que estão sendo apresentados no Summit Êxito de Empreendedorismo”, relata, Janguiê Diniz. “Vale lembrar que além de gratuito e on-line, o evento tem certificação e conta com tradução de libras em todas as apresentações, garantindo acessibilidade. Está imperdível!”, finaliza.

##RECOMENDA##

A terceira edição do evento tem como tema central “A trilha do novo empreendedor” e aborda as perspectivas de futuro para quem já empreende ou deseja empreender, frente às mudanças pelas quais o mundo passa e tendências que se apresentam. Entre os palestrantes que ainda vão se apresentar estão o CEO da Bossanova Investimentos, João Kepler; o CEO do Instituto Destiny e escritor, Tiago Brunet; o fundador e CEO da JR Diesel, Geraldo Rufino; a CEO do Centro Hoffman, Heloisa Capelas; o fundador e CEO da Polishop, João Appolinário; o treinador comportamental e criador do movimento Ultrapassando Limites, Rodrigo Cardoso; o empreendedor equatoriano, mentor de negócios e investidor, Pablo Paucar; e o presidente da Holding DTS Group e criador da Comunidade FreeDOM, Pyero Tavolazzi.

Também participam do evento a CEO e co-founder da Mobye Brasil, Lilian Primo Albuquerque; o professor de neuromarketing, Gilberto Augusto; o fundador do Grupo Segredos da Audiência, Samuel Pereira; a empreendedora serial, apresentadora e escritora, Cris Arcangeli; o palestrante, consultor empresarial, investidor e autor, Marcio Giacobelli; a fundadora da Mentoria 360, Aline Salvi; a autora best-seller, TEDxSpeaker e CEO da marca Todo Santo Dia, Andreza Caricio; o multiempreendedor, mentor e autor, Pablo Marçal; o master coach e criador da metodologia do Coaching Integral Sistêmico (CIS), Paulo Vieira; o médico, palestrante, empresário e psiquiatra Roberto Shinyashiki; o empresário, empreendedor serial, mentor e escritor Ricardo Bellino; o fundador e presidente da Linha Direta e presidente da Educar Brasil Tecnologia Educacional, Marcelo Chucre; o fundador e presidente do Fundo de Investimentos Iron Capital; o economista, escritor e sócio da ZenEconomics, Luiz Fernando Roxo; o fundador e CEO da Jovens Protagonistas, Davi Braga; a empresária e CEO da Rede Mulheres Que Decidem, Priscilia Queiroz e muito mais.

As palestras e os painéis do Summit Êxito de Empreendedorismo 2021 ocorrem sempre das 9h às 21h, então para participar do evento, basta se cadastrar no site www.summitexito.com.br. A programação completa já está disponível no site.

 

Serviço

Summit Êxito de Empreendedorismo 2021

Até o dia 28 de novembro, das 9h às 21h

Inscrições gratuitas: www.summitexito.com.br

*Da assessoria de imprensa

[@#galeria#@]

No Dia Internacional do Empreendedorismo Feminino (19 de novembro), comemora-se a independência e o empoderamento das mulheres. Apesar dos desafios diários, com esforço e inovação elas têm buscado cada vez mais alcançar o próprio espaço em todos os lugares.

##RECOMENDA##

Segundo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e de acordo com dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD), atualmente as mulheres representam 34% do mundo dos negócios, com cerca de 9,3 milhões de empresárias.

Nayara Anielle, 19 anos, estudante de Publicidade e Propaganda, é maquiadora profissional. Ela conta que sempre gostou do mundo artístico e que trabalha com maquiagem há cinco anos, fazendo também vídeos para a internet. “Esse ano entrei no mercado de cabeça e criei meu estúdio, para trabalhar com o que eu amo e dar cursos para as pessoas que também buscam esse conhecimento”, diz.

Para Nayara, ter o próprio negócio é muito significativo. Ela enfatiza que as mulheres estão conquistando cada vez mais espaço no mercado, com muita luta e trabalho árduo para conseguirem o que desejam. “E eu, hoje, sinto-me realizada só de abrir meu espaço e conquistar mais um sonho que eu almejava”, acrescenta.

Sobre o empoderamento feminino no mundo empreendedor, Nayara aponta que, quando a igualdade de gênero não é uma prioridade, isso se torna transformador, pois motiva as mulheres a darem o melhor de si nas profissões que querem seguir. Segundo ela, o maior desafio tem sido alcançar um público maior que confie em uma nova maquiadora.

As redes sociais têm sido aliadas da maquiadora nesse sentido. Nayara conta que elas ajudam na divulgação do trabalho e a conhecer pessoas. “Comecei fazendo vídeos nas redes sociais, os famosos ‘challenges’ (desafios) e tutoriais. Hoje sou uma profissional na área, dou dicas, faço mais vídeos, interajo, tiro dúvidas, e muitos que conhecem meu trabalho pela internet hoje são meus clientes e alunos”, diz.

Nayara aconselha quem deseja trabalhar por conta própria. “Meu conselho é, primeiramente, confie em Deus, não desista dos seus sonhos, pois pode demorar o tempo que for, mas se você tiver fé, você consegue realizar tudo. Invista na sua área, faça cursos, pense à frente, pense em algo inovador, sempre mostre o seu diferencial”, incentiva.

A empresária Raiza Aquino, 29 anos, vem de uma família de comerciantes. Em 2014, resolveu abrir o próprio negócio. Ela conta que o mundo da beleza a encantou, e hoje está à frente de três lojas, em Belém, que já contam com 30 colaboradoras e onde são oferecidos serviços de depilação, esmalteria e design de sobrancelhas.

Os altos impostos e pouco incentivo destinado às pequenas empresas e profissionais com baixa qualificação são alguns dos desafios do mercado, diz Raiza. Entretanto, ela afirma que sempre foi apaixonada pelo empreendedorismo. “Ter meu próprio negócio me faz ser forte, ousada para superar os desafios, ser resiliente e ser uma ponte para que outras mulheres também possam ter sua independência financeira e mudar sua realidade de vida”, complementa.

A empresária acredita que o empoderamento das mulheres que são empreendedoras é muito importante. “Não vendemos somente serviços de beleza, bem-estar, mas principalmente o amor próprio, cuidado, autoaceitação”, destaca.

Raiza tem planos para o futuro que incluem a expansão das lojas, o investimento em novos produtos e a capacitação e padronização da equipe. A empresária também aconselha e incentiva aquelas que desejam abrir o próprio negócio. “Seja persistente, não desista na primeira, segunda ou terceira dificuldade. Empreender é ser resiliente”, diz.

Instagram – Clube Depil (Raiza Aquino): www.clubedepil.com.br

Instagram – Nayara Anielle Makeup.

Por Isabella Cordeiro.

 

 

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Pernambuco (Sebrae-PE) oferece de forma gratuita uma palestra sobre vendas voltada para empreendedores locais. Com o tema ‘Venda mais amanhã’, o evento será realizado nesta terça-feira (23), às 19h, na sede do Sebrae-PE, no Recife.

O objetivo do seminário é incentivar o aumento nas vendas, que já estão aceleradas devido a grandes promoções como a Black Friday. O evento, ministrado pelo especialista em vendas, pesquisador, consultor e palestrante Fred Rocha, apresenta estratégias para vendas em ambiente digital. Rocha possui mais de 26 anos de experiência e acumula 16 negócios de diversos segmentos em seu currículo.

##RECOMENDA##

A palestra também contará com a presença do empresário Shiori, da empresa Munny, e da empresária Brenda Hellem, da Bijuchic, e eles irão compartilhar as estratégias que utilizaram para impulsionar suas vendas virtuais.

Serviço:

Palestra Venda Mais Amanhã

Data: 23/11/2021

Horário: 19h

Local: sede do Sebrae-PE (rua Tabaiares, 360, Ilha do Retiro, Recife)

Inscrições gratuitas

Será lançada oficialmente, na próxima quinta-feira (18), a partir das 9h, a MetaRed X Brasil, organização criada pela Universia com chancela do Banco Santander que, no país, tem a parceria do Instituto Êxito de Empreendedorismo em suas iniciativas locais. O projeto tem como foco o fomento colaborativo ao empreendedorismo em Instituições de Ensino Superior na Ibero-América.

O encontro virtual terá abertura do presidente e do vice-presidente da MetaRed X Brasil, Janguiê Diniz e Celso Niskier, com as participações do CEO Universia Brasil, Anderson Pereira, e do head do Santander Universidades na Santander Brasil, Nicolás Vergara. O coordenador global da MetaRed, Tomás Jiménez, falará sobre a estratégia Internacional MetaRed X Universia. “A MetaRed X Brasil já vem atuando há alguns meses para fomentar iniciativas empreendedoras no ambiente acadêmico. Agora que faremos o lançamento oficial, partiremos para novas etapas em nossas estratégias de fazer o empreendedorismo universitário chegar a cada vez mais Instituições de Ensino Superior no país”, pontua Janguiê Diniz, fundador do grupo Ser Educacional e presidente do Instituto Êxito de Empreendedorismo.

##RECOMENDA##

Durante o encontro, serão apresentados os quatro grupos de trabalho da MetaRed X Brasil e seus respectivos coordenadores. “Os grupos de trabalho ficarão encarregados de debater, definir e implementar ações em diversas frente, de forma integrada. Com eles, daremos início a uma série de projetos direcionados às necessidades das Instituições de Ensino Superior e às percepções dos estudantes acerca do empreendedorismo no ambiente universitário”, explica Celso Niskier, fundador e reitor do Centro Universitário UniCarioca e vice-presidente do Instituto Êxito de Empreendedorismo. Os grupos de trabalho se dividirão em Direção de Universidades de Empreendedorismo, Ecossistemas de empreendedorismo, Formação e Capacitação, e Indicadores de empreendedorismo.

A Metared X Brasil, articulada internacionalmente pela Universia, é resultado de um processo de evolução em que se fundem o trabalho anterior da RedEmprendia, cujo objetivo era promover internacionalmente programas de apoio ao empreendedorismo nas Instituições de Ensino Superior, e a experiência de sucesso e aprendizados gerados pela MetaRed IT, iniciativa em andamento no Brasil desde 2019, com foco nos profissionais e temas relacionados à Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) das IES.

O lançamento da MetaRed X Brasil será feito em ambiente virtual. As inscrições e demais detalhes sobre o evento estão disponíveis no site: https://eventos.metared.org.

Com o enfraquecimento da pandemia, as atividades econômicas por todo o país voltam a ganhar fôlego. Neste momento, profissionais e empreendedores buscam maneiras de retomar seus negócios e carreiras ou criar novos. Pensando nos que desejam construir uma jornada de prosperidade e sucesso, o empreendedor Janguiê Diniz, fundador e presidente do Conselho de Administração do grupo Ser Educacional e presidente do Instituto Êxito de Empreendedorismo, está lançando seu novo livro, intitulado “O código secreto da riqueza – as 12 chaves que lhe trarão sucesso, prosperidade e riqueza financeira”, publicado pela Editora Gente.   

Na obra, seu 27º registro, o autor discorre sobre os diversos tipos de riqueza e dá orientações sobre como obtê-los, principalmente a riqueza financeira, e desenvolver-se pessoal e profissionalmente. O livro chega às livrarias a partir do dia 01 de dezembro, mas a pré-venda já iniciou pelas principais plataformas de venda do país, como Amazon, Americana e Livraria Vanguarda.   

##RECOMENDA##

Em especial neste momento de retomada econômica, Janguiê defende que é possível buscar novas oportunidades e dar um salto de desenvolvimento. “Sabemos que muitos empreendedores foram fortemente prejudicados pelas restrições dos últimos dois anos. Agora que podem voltar a atuar com mais força e tranquilidade, é imperativo que eles procurem se munir das habilidades e competências necessárias para que superem as adversidades atuais e construam um futuro promissor. É esse caminho que trago no livro”, esclarece. 

Partindo dessa premissa, o autor costura “O código secreto da riqueza” a partir das 12 principais chaves que ele chama de chaves mestras que levam alguém a obter os mais variados tipos de riquezas na vida. “O código de que falo no livro é composto por 12 chaves que toda pessoa que quer ter sucesso e prosperidade e alcançar as mais diversas formas de riquezas deve usar”, pontua. “Essas chaves são baseados nas trajetórias de diversos empreendedores com quem convivi e convivo, e na minha própria. São pontos em comum e de grande valia para todo empreendedor”, completa. 

Com uma trajetória empreendedora de sucesso, Janguiê Diniz decidiu dedicar seu novo livro ao tema da riqueza, mas ressalta: não existe apenas a riqueza material, como muitos pensam. “Em nossas vidas, podemos amealhar uma grande diversidade de riquezas que são de extrema importância para nosso desenvolvimento pessoal e profissional. Entre elas, podemos citar as riquezas da saúde, da família, a espiritual, do conhecimento, do propósito, do networking, da reputação e, por fim, a material. Esta, no entanto, é, em suma, um reflexo do equilíbrio de todas as outras, a consequência de uma vida plena”, explica. 

“O código secreto da riqueza” é o 27º livro de Janguiê Diniz, que tem outras obras sobre empreendedorismo e carreira como “A arte de empreender”, “Fábrica de vencedores”, “Vem Ser S.A.”, além de sua biografia, “Transformando sonhos em realidade: a trajetória do ex-engraxate que chegou à lista da Forbes”.   

A partir de todo o conhecimento condensado no livro, Janguiê lançará, em janeiro de 2022, o Método Especial “O código secreto para a criação de riqueza”, com base em mentorias e imersões presenciais e on-line, em que o autor explicará na prática todos os passos que o levaram ao cume da carreira profissional e pessoal. A pré-reserva já pode ser feita por meio do site www.janguiediniz.com.br e as vagas são limitadas. 

Sobre Janguiê Diniz: empreendedor que figura na lista da Forbes, é mestre e doutor em Direito, fundador do grupo Ser Educacional e presidente do Instituto Êxito de Empreendedorismo. Nasceu em Santana dos Garrotes, no Sertão da Paraíba, mas, ainda criança, viveu também em Naviraí, no Mato Grosso do Sul, e Pimenta Bueno, em Rondônia. Aos 8 anos, montou seu primeiro “empreendimento”: uma caixa de engraxate. Pouco depois, passou a vender laranjas, depois de picolés de porta em porta. 

A trajetória de vida de Janguiê foi baseada na educação. Formou-se em Direito pela UFPE e em Letras pela Unicap. Foi professor na Faculdade de Direito de Olinda e, aprovado em diversos concursos públicos, exerceu os cargos de juiz federal do Trabalho do TRT 6ª Região e de procurador do Trabalho do Ministério Público da União, além de professor efetivo da Faculdade de Direito do Recife, da UFPE. 

Em 1994, fundou o Bureau Jurídico, um dos cursos preparatórios para concursos públicos de maior sucesso na região e que obteve altos índices de aprovação. Em 2003, criou, no Recife, a Faculdade Maurício de Nassau, hoje UNINASSAU, mantida pelo grupo Ser Educacional, que hoje é um dos maiores do Brasil no setor de educação superior privada, atendendo a mais de 300 mil alunos e com mais de 11 mil colaboradores. O Grupo inclui as marcas UNINASSAU, UNINABUCO, UNIVERITAS, UNG, UNAMA, UNINORTE, UNIFACIMED, UNIFASB, UNESC e UNIJUAZEIRO. 

Janguiê fundou, em 2019, junto com mais 33 grandes empreendedores nacionais, o Instituto Êxito de Empreendedorismo, que já conta com mais de 450 sócios que compactuam do propósito de fazer do empreendedorismo a turbina para alavancar vidas e histórias. Também se dedica a investir em startups e empresas inovadoras, por meio de seu family office Epitychia e da Bossanova Investimentos, da qual é sócio. 

Janguiê Diniz já tem 27 livros publicados, entre eles, sua autobiografia, intitulada “Transformando sonhos em realidade – a trajetória do ex-engraxate que chegou à lista da Forbes”.

O empresário Leandro Cavalcante e sua sócia e esposa Lays Cavalcante viram os lucros da loja deles aumentarem significativamente graças à criatividade. Com uma dose de bom humor, Leandro grava vídeos vestindo as roupas da loja, voltada ao público feminino, que fazem sucesso no Instagram e refletem no faturamento do negócio. A ideia surgiu durante a pandemia, de acordo com o empresário.

Fundada em 2018 e funcionando há um ano e seis meses no bairro Centro Oeste, em Goiânia, a loja foi idealizada por Lays, que trabalha desde cedo na área. “Meus pais tinham fábrica de roupa e eu cresci aprendendo e trabalhando junto com eles. Depois de um certo tempo, eles fecharam as lojas, eu fui trabalhar para os outros e foi aí que eu vi que eu precisava montar minha loja e resolvi montar minha loja, aí eu chamei o Leandro para embarcar nessa aventura comigo e ele foi”, conta ela.

##RECOMENDA##

Leandro, que antes da loja trabalhava na área de finanças, teve a ideia de gravar os vídeos devido à falta de recursos ocasionada pela pandemia, já que à época não era possível pagar para fazer publicidade da loja. “A ideia surgiu em maio com a questão da pandemia, do lockdown, e a loja teve que ficar fechada, que a nossa loja era no shopping (Mega Moda Shopping), aqui em Goiânia, por três meses. Com a necessidade, nossos recursos foram acabando, nós fomos para a loja de rua e surgiu a ideia. Eu a Lays estávamos em casa, e eu falei: ‘Meu bem, é o seguinte, não tem dinheiro para pagar blogueira hoje, não, e nem fazer propaganda. Então vamos fazer o seguinte, vamos lá para a loja agora e eu vou fazer o provador’. A gente veio aqui para a loja e eu fiz meu primeiro provador, que foi no dia 6 de maio deste ano. A partir desse dia aí bombou muito.”, conta ele.

No primeiro vídeo, Leandro brinca, inclusive, com a questão do dinheiro que deve ser investido para fazer a publicidade e usa o termo “seguimores”, geralmente usado por influenciadoras digitais. “Oi, meus seguimores. A publi está cara e as parcerias também. Como a Lays não veio hoje, eu vou fazer o nosso provador”.

[@#video#@]

Lays diz que achou que o marido estivesse brincando quando falou que faria o provador. “Na hora que ele me falou, pensei que ele estava brincando, que ele não teria coragem. Até desafiei, disse assim: ‘não, você não tem coragem de fazer uma coisa dessa, não’ e ele disse: ‘eu tenho’, eu falei ‘ah, então vamos’. Eu achei o máximo, dei muitas risadas, ajudei ele, expliquei como que fazia. Achei o máximo”, comenta.

A loja, que também vende de forma on-line, teve um aumento significativo nos números após a aposta nesse tipo de conteúdo. Segundo Leandro, o faturamento aumentou em 70%. Já de acordo com Lays, o número de seguidores no Instagram dobrou. “Antes do vídeo, a gente tinha a média de 26 mil seguidores. Hoje estamos com 52 mil seguidores”.

Lays comenta ainda que, ao levar os conteúdos ao público de uma forma bem-humorada, isso faz com que as pessoas fiquem mais próximas. “Levando o nosso produto de uma forma diferente, que é o humor, a gente acaba conquistando o público e atraindo o desejo de adquirir as nossas peças porque ele se sente muito próximo a gente devido aos vídeos, eles elogiam, vêm na loja para ver a gente. Então acaba gerando o desejo do cliente ter uma peça nossa devido a ele ver os nossos vídeos de humor” explica ela.

  [@#podcast#@]

LeiaJá também

Feira de moda e nogócios oferece produtos a partir de R$ 5

 

 

A Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação (Seteq) prorroga, para quarta-feira (3), as inscrições para empreendedores solidários interessados em participar da 21ª edição da Feira Internacional de Artesanato de Pernambuco (Fenearte).

Ao todo, a secretaria oferece 20 vagas para o espaço destinado à pasta no evento, que será entre os dias 10 e 19 de dezembro, no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda. As candidaturas são realizadas on-line e é necessário que o interessado tenha inscrição no Cadastro de Empreendimentos Econômicos Solidários (CADSOL).

##RECOMENDA##

“Os empreendimentos vão participar de uma seleção, ter suas peças examinadas por uma comissão e, depois de selecionadas, poderão participar da maior feira da América Latina, tão esperada pelos artesãos e artesãs que passam o ano inteiro preparando suas lindas peças para expor e fazer negócios”, explica a secretária, por meio da assessoria, Adriana Queiroz.

A Prefeitura do Recife abre, na próxima quarta-feira (3), a partir das 12h, novo lote para pré-cadastro no Programa Crédito Popular do Recife (CredPop Recife). Os interessados podem se inscrever por meio da plataforma Conecta Recife. Para esta edição, os participantes, além dos benefícios do programa, poderão participar de minicursos oferecidos pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

As formações ofertadas são para os seguintes temas: “Como planejar minha empresa para buscar crédito?”; “Planejamento financeiro da empresa”; “Possibilidades e alternativas ao crédito''; e “Estratégias para contratação de crédito”.Todos os minicursos dão direito a certificado.

##RECOMENDA##

O programa CredPop Recife é direcionado a empreendedores estabelecidos ou quem deseja abrir o próprio negócio através da concessão de crédito com valor de até R$ 3 mil. A iniciativa foi lançada em março de 2021 e beneficia, sobretudo, mulheres, jovens, negros e pessoas com deficiência.

Como funciona o CredPop?

Os beneficiados pelo programa podem solicitar empréstimo de até R$ 3 mil. O valor pode ser pago em até 12 parcelas e com taxa mensal de 0,99%. No entanto, o quantitativo começará a ser pago quatro meses após o recebimento do empréstimo. De acordo com a prefeitura do Recife, o microcrédito não há restrição para pessoas negativadas. Entretanto, os interessados deverão apresentar avalistas para ter acesso ao benefício.

A partir da sexta-feira (29), o Shopping RioMar, localizado na Zona Sul do Recife, recebe a 17ª edição da OutFashion Recife. O evento conta com atendimentos voltados para micro e pequeno empreendedor e quem está em busca de abrir o próprio negócio. Ao todo, serão três dias de feira e para participar, os interessados precisam efetuar o pagamento no valor de R$ 5 ou doar 1kg de alimento não perecível.

Entre os atendimentos oferecidos na OutFashion Recife estão o Programa Crédito Popular do Recife (CredPop Recife), Sala do Empreendedor da Prefeitura da capital pernambucana, a plataforma recém-lançada, GO Recife e ações promovidas pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

##RECOMENDA##

Além disso, o evento reunirá 150 marcas de pequenos empreendedores em um bazar com produtos a partir de R$ 5 e descontos que variam entre 70% e 90%. O bazar também contará com opções de produtos para pet.

Serviço

OutFashion Recife

Shopping RioMar - Avenida República do Líbano, 251, Pina

Sexta-feira (29) a domingo (31), 12h às 21h

R$ 5 ou 1kg de alimento não perecível

A Feira do Empreendedor 2021, evento totalmente online organizado pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), começa neste sábado (23). Nesta edição, a feira contará com o envolvimento de todas as 27 unidades do Sebrae. Segundo os organizadores, a expectativa é de cerca de 100 mil participantes nas atividades, gerando R$ 100 milhões em negócios e 300 mil atendimentos. Na programação, diversidade e inclusão seguindo o tema do evento “Empreender é para todos”. 

Este ano, o evento montou uma estrutura 3D com cinco arenas digitais: conhecimento, negócios, expositores, retomada e atendimento Sebrae. Durante toda a feira, os participantes poderão partilhar de painéis de debates, palestras, aulas show e rodas de conversa. São 140 horas de programação com convidados como Emicida, rapper, cantor, letrista e compositor, Joel Moraes, ex-atleta profissional de natação e empresário na área de desenvolvimento humano, Karine Oliveira, Forbes Underground 30 e fundadora da Wakanda Educação Empreendedora, Ricardo Amorim, considerado uma das 100 pessoas mais influentes pela Forbes, entre outros.

##RECOMENDA##

Na Arena de Expositores, os participantes irão encontrar vitrines de produtos e serviços, oportunidades de negócios, espaços para networking e apresentações de soluções de marcas parceiras como Americanas.com, Amazon, Go Daddy, entre outros. A Arena Retomada é o espaço voltado para os empresários que buscam renegociação das dívidas, acesso ao crédito consciente, programas governamentais de crédito, além de conteúdo e outros serviços financeiros. Nesse ambiente os participantes terão um canal direto com as instituições financeiras como Banco do Brasil, Caixa Econômica, BNDES, Banco do Nordeste, Banco do Povo, Sicoob, entre outros. 

Na Arena Negócios serão realizadas rodadas de negócios nacionais e internacionais. A expectativa dos organizadores é que mais de 300 micro e pequenas empresas participem movimentando mais de R$ 25 milhões. Por fim, na Arena Atendimento Sebrae os participantes serão direcionados aos canais de atendimento onde poderão obter informações de programas, acesso a materiais como guias, e-book, ferramentas e vídeos com orientações para quem já tem sua própria empresa, é MEI ou deseja abrir um novo negócio. 

A Feira do Empreendedor 2021 vai até 27 de outubro. Os interessados podem se inscrever e participar por meio aqui.

*Por Thaynara Andrade

A primeira edição do fórum JÁ Conexões será realizada no dia 28 de outubro, no auditório do Softex Recife, na Rua da Guia, localizada no bairro do Recife, capital pernambucana. A iniciativa é liderada pela ONG Junior Achievement e terá como principal debate o papel das lideranças empresariais como agentes transformadores da sociedade. A programação está planejada para começar às 10h, no formato híbrido, presencial e com transmissão on-line via plataforma Zoom.

##RECOMENDA##

O fórum vai promover discussões sobre a importância do voluntariado, quais as possibilidades de atuação do setor privado na capacitação da juventude, como estimular o empreendedorismo e a autonomia na educação, entre outras temáticas.

As lideranças empresariais interessadas em participar da primeira edição do Fórum Ja Conexões, seja presencialmente ou online, devem entrar em contato pelo e-mail  jape@jape.org.br ou telefone (81) 3421.2277. As vagas presenciais são limitadas. 

Saber se colocar diante dos seus clientes de maneira clara, objetiva, autêntica, confiável, relevante e consistente é um dos grandes trunfos de marcas que sabem se posicionar, sejam nas redes sociais, ou qualquer meio de comunicação que ela deseja ser vista. Isso é imprescindível para uma marca pessoal, que envolve o conhecimento de valores - morais e materiais - e tudo o que circula e se relaciona com os mesmos: habilidades, personalidade, talentos, paixões, propósitos e, principalmente, a sua história. Para atingir esse objetivo é necessário trabalho profundo de autopercepção somado às estratégias de diferenciação, ao posicionamento e à comunicação. Você está por dentro deste assunto? Ele será debatido em um dos painéis mais aguardados da 3ª edição do Summit Êxito de Empreendedorismo, o maior congresso de Empreendedorismo, Inovação e Marketing Digital do Brasil, que acontece entre os dias 20 e 28 de novembro.

A apresentação, que será 100% digital e totalmente gratuita, terá a participação da CMO agência Multifaces Comunicação e CMO Finca Propia Brasil, Vanessa Donnianni; e da Especialista em empreendedorismo e Diretora da Empreenda Revista, Elaine Julião, que falou sobre o tema. “É extremamente importante que cada empreendedor ou empreendedora entenda que não existe empresa forte sem um empreendedor ou empreendedora forte. Todos precisam ter sua marca pessoal. Cada vez mais o público quer saber quem está por trás daquela empresa. As pessoas querem se conectar com o propósito, com a essência daquela empresa e isso passa pelo dono ou dona do negócio”, relata Julião, que tem a sua marca pessoal. “Não é difícil ter sua marca pessoal. Comece entendo que sua verdade precisa transparecer. A Elaine Julião, CEO da Empreenda Revista é uma obstinada por levar conteúdo aplicável a empreendedores donos de pequenos negócios, e isso fica evidente em minha comunicação pessoal”, finaliza.

##RECOMENDA##

Já a CMO agência Multifaces Comunicação e CMO Finca Propia Brasil, Vanessa Donnianni, chama atenção para como o empreendedor deve se preparar para ter uma marca pessoal. “Aplique as regras de marketing em você mesmo, compartilhe conhecimento e conteúdo relevante e se destaque elencando seus diferenciais como os produtos e serviços que você oferece e como você pode contribuir com a sociedade em algum projeto”. Vanessa Donniani também ressaltou porque o público não pode perder o evento. “Até ano passado, para assistir um evento desse porte você teria que desembolsar pelo menos uns cinco mil reais, além de toda a logística e deslocamento, até o local. Hoje, você pode ver no conforto de sua casa e de graça”, finaliza. 

Organizado pelo Instituto Êxito de Empreendedorismo, o Summit Êxito de Empreendedorismo, maior congresso de Empreendedorismo, Inovação e Marketing Digital do Brasil, terá 47 painéis e 47 palestras realizados por mais de 150 grandes nomes do empreendedorismo nacional. Vale lembrar que as apresentações acontecerão sempre das 9h às 21h, totalmente gratuitas e 100% on-line. Neste ano, o tema principal do evento será “A trilha do novo empreendedor”.

As inscrições para a terceira edição do Summit Êxito de Empreendedorismo devem ser realizadas no site www.summitexito.com.br , onde também é possível conferir a lista completa de palestrantes do evento.

Sobre o Instituto Êxito de Empreendedorismo

O Instituto Êxito de Empreendedorismo é o resultado de um sonho que envolve empreendedores visionários dos mais variados segmentos do Brasil. Hoje, já conta mais com mais de 600 sócios que compactuam de um mesmo propósito: fazer do empreendedorismo a turbina para impulsionar vidas e histórias.

O Êxito tem a filosofia de que, independentemente da classe social e econômica, qualquer pessoa pode transformar suas ideias em ações que mudem e melhorem a realidade e a comunidade na qual vive. Por isso, nasceu com o objetivo de estimular o dom empreendedor dos jovens, especialmente os de escolas públicas, onde há muitos talentos escondidos e boas ideias a serem impulsionadas.

Nomeado como uma instituição sem fins lucrativos, seu principal plano de ação está em oferecer uma plataforma de cursos online e gratuitos, além de realizar diversas ações voltadas para o fomento ao empreendedorismo.

Serviço

Summit Êxito de Empreendedorismo 2021

De 20 a 28 de novembro, das 9h às 21h

Inscrições gratuitas: www.summitexito.com.br

*Da assessoria de imprensa

Que o mercado está cada vez mais digital nós já sabemos. Não é difícil encontrar novos empreendedores diariamente nas redes sociais. Mas, apesar da facilidade e popularidade que as plataformas digitais trouxeram, muitas pessoas se sentem perdidas com o tanto de informação e sem saber por onde começar. Pensando nisso, o LeiaJá traz, nesta terça-feira (19), uma lista com cursos onlines e gratuitos na área de empreendedorismo digital:

1) Aprender a Empreender (Sebrae): É um ótimo curso para quem está iniciando, pois além de começar pelo conceitos básicos de empreendedorismo, plano de negócio, marketing e finanças, ele ajuda a entender como funciona as definições de mercado e quais habilidades e características o empreendedor precisar ter. O curso também é ótimo para aqueles que não dispõem de tanto tempo. Sua duração é de 16 horas.

##RECOMENDA##

2) Hotmart Academy: Um dos cursos mais populares do segmento, no Hotmart você aprende o passo-a-passo para começar a elaborar o seu projeto. Entre os conteúdos estão: pesquisa e laboratório; vendas e divulgação; métricas e resultados; gestão e negócios; e linguagem e conteúdo.

3) Google Primer: Com aulas de, em média, cinco minutos, essa aplicativo é prático para quem quer estudar em qualquer lugar e não precisa de internet. Com várias lições introdutórias, o curso dá sugestões práticas de publicidade, conteúdo e estratégias para aplicar no seu negócio.

4) Inbound Marketing (Hubspot Academy): Esse curso foi criado por uma empresa especialista na área. A Hubspot Academy é uma empresa criadora de software de marketing e vendas. Nesse curso, as aulas são dinâmicas, com materiais e atividades complementares acerca do Inbound Marketing, trazendo desde a criação de conteúdo e divulgação em redes sociais à geração de leais e conversão em vendas.

5) Finanças Básicas para o Empreendedor (Endeavor): Esse curso traz uma temática importante para qualquer negócio em qualquer área: finanças. Na capacitação, o empreendedor irá aprender a gerenciar o dinheiro da empresa. Dentro do planejamento e controle, detalhes como fluxo de caixa, projeções financeiras, lucros e prejuízos, entre outros, serão abordados.

6) Marketing de Conteúdo (Rock Content): Neste curso, o empreendedor irá aprender como definir seu público-alvo e persona, como otimizar sua produção de conteúdo, quais os melhores horários para postar nas redes sociais, entre outros, de forma completa. Os alunos também são colocados a testar os conhecimentos criando um blog.

7) Facebook Adwords: O Facebook conta com uma plataforma própria para anúncio que podem ser personalizados para atingir o público alvo da empresa. Para ensinar a utilizar a plataforma o Facebook disponibiliza tutoriais pela própria rede.

8) Como aumentar e gerenciar suas vendas (Endeavor): Este curso é voltado para ensinar o empreendedor não só a aumentar suas receitas como fiedelizar clientes por meio de pesquisas de satisfação, entre outros.

Páginas

Leianas redes sociaisAcompanhe-nos!

Facebook

Carregando